Ávila Espanha: Dicas, Roteiro, Como Ir, Muralhas, Catedral

Cuatro Postes - Ávila - Espanha
Cuatro Postes com as Muralhas de Ávila ao fundo

Ávila Espanha: ao visitar Ávila você voltará alguns séculos no tempo.

Muralhas de Ávila: as muralhas da cidade são consideradas uma das mais lindas e preservadas do mundo. Mas não é só isso: elas conservam o aspecto do século XII, ainda hoje contornam 100% do Casco Histórico e você poderá caminhar por cima delas.

Catedral: a Catedral del Salvador de Ávila foi a pioneira no estilo gótico na Espanha. Além da função religiosa o templo também é uma construção defensiva, já que parte da Catedral se funde com as Muralhas.

Santa Teresa de Ávila: a cidade foi o local onde a Santa nasceu, passou a maior parte da sua vida e fundou a Orden de los Carmelitas Descalzos. Você poderá conhecer vários locais ligados à Santa Teresa incluindo 3 museus (no Convento de Santa Teresa, no Convento de San José e no Monasterio de la Encarnación). E também provar as famosas Yemas de Santa Teresa, doce típico de Ávila que homenageia a Santa.

Bate-volta Madrid-Ávila: é possível fazer um bate-volta desde Madrid e conhecer os principais pontos turísticos. Mas se você é amante de cidades medievais eu garanto que vale a pena se hospedar em Ávila por uma ou duas noites.

Confira neste artigo todas as dicas para você visitar Ávila na Espanha:

  • Ávila: localização, história e os principais detalhes da cidade.
  • Vídeo (imperdível): assista ao vídeo do nosso passeio por Ávila.
  • O que fazer em Ávila: roteiro pelos principais pontos turísticos como a Catedral, as Muralhas, a Basílica de San Vicente, o Cuatro Postes, o Convento de Santa Teresa e o Real Monasterio de Santo Tomás.
  • Como chegar em Ávila: veja como ir de Madrid até Ávila de trem, ônibus e carro.
  • Onde ficar em Ávila: confira a melhor região para se hospedar em Ávila (no caso de você preferir dormir na cidade).
  • Onde comer em Ávila: dicas de restaurantes e pratos típicos.
  • Dúvidas: se após ler o artigo você tiver alguma dúvida deixe um comentário no final.
Muralhas de Ávila - Espanha
Caminhando pelas Muralhas de Ávila

Dicas Onde Ficar: eu considero os arredores da Plaza de la Catedral como o melhor lugar para se hospedar em Ávila. Eu fiquei no Palacio de Los Velada, bem na praça.

Passeios com agências: uma maneira cômoda (e superficial) de visitar Ávila são os passeios com agências. Veja na Viator essas excursões saindo de Madrid:

Ávila Espanha

Localização: Ávila fica na Comunidad de Castilla y León (Castela e Leão) e está distante 110 km de Madrid. Ela é a capital da Província de Ávila e tem em torno de 58.000 habitantes.

Veja o mapa com a localização de Ávila e de Madrid:

Frio: Ávila é a capital de província mais alta da Espanha (1131 metros). Vá bem agasalhado ao visitar a cidade nos meses frios. Neve: entre novembro e abril neva em média de 2 a 4 dias por mês em Ávila. A maior probabilidade é do final de dezembro ao início de março.

História: fundada pelos romanos Ávila tem cerca de 2000 anos de história. Por volta do século VI a cidade estava nas mãos dos visigodos e no século VIII foi conquistada pelos muçulmanos. Reconquista: a reconquista cristã de Ávila se deu no século XI (em 1088) pelo Rei Alfonso VI. Foi nessa época que se iniciou as principais construções da cidade como a Catedral, a Basílica de San Vicente e as atuais Muralhas. Auge: o apogeu de Ávila se deu nos séculos XV e XVI (mesmo período em que viveu Santa Teresa). Declínio: a cidade começou a perder habitantes no século XVII e no início do século XIX estava em profunda decadência. Retomada: no século XX, principalmente a partir da década de 1950, Ávila voltou a crescer e atualmente é uma cidade próspera. O turismo, incluindo o de eventos, é um fator fundamental para a sua economia. Patrimônio: em 1985 Ávila foi declarada Patrimônio Mundial pela Unesco.

Casco Histórico de Ávila (dentro da cidade amuralhada)
Casco Histórico Medieval de Ávila (Cidade Amuralhada)

Vídeo de Ávila 

Inspiração: assista ao nosso vídeo e inspire-se com Ávila. É imperdível :-)

Gostou do vídeo? Compartilhe com os seus companheiros de viagem e amigos. Inspire eles também :-)

Youtube: inscreva-se no canal do Dicas Onde Ficar e acompanhe os vídeos das nossas viagens.

O que Fazer em Ávila (Espanha)

  • Importante: confirme os preços e os horários atuais das atrações que descrevo no post (as informações foram consultadas em Maio de 2017).

Casco Histórico: as atrações turísticas de Ávila estão concentradas na cidade amuralhada (Casco Histórico) ou no seu entorno. Com uma boa disposição é possível conhecer todas a pé.

Roteiro Ávila: eu dividi o roteiro em 5 rotas diferentes que contemplam praticamente todos os pontos turísticos de Ávila.

A minha sugestão de 5 rotas:

  • Rota 1: CRV, Basílica de San Vicente, Plaza del Mercado Grande e Convento de San José.
  • Rota 2: Muralhas (1º trecho), Plaza del Mercado Chico e Catedral.
  • Rota 3: Muralhas (2º trecho), Cuatro Postes e Convento de Santa Teresa.
  • Rota 4: Monasterio de Santo Tomás.
  • Rota 5: Monasterio de La Encarnación.

Roteiro de 1 dia em Ávila: com um bate-volta você não terá tempo de completar as 5 rotas. Concentre-se nas rotas 1, 2 e 3. Na minha opinião os principais pontos turísticos de Ávila para serem visitados em um roteiro de 1 dia são as Muralhas, a Catedral, a Basílica de San Vicente e o Cuatro Postes. Se sobrar tempo (dependendo do seu ritmo) escolha entre o Convento de Santa Teresa e o Real Monasterio de Santo Tomás.

2 dias: com 1 dia inteiro mais 1/2 período eu acredito que seja possível completar as 5 rotas (ou 2 dias inteiros sem pressa). O ideal seria ficar uma ou duas noites na cidade. Nós dormimos uma noite, no Palacio de Los Velada, e só não deu tempo de ir no Monasterio de La Encarnación (Rota 5).

visitÁvila: é o cartão de turismo que dá acesso aos principais pontos turísticos de Ávila. Ele custa 15 euros por pessoa e tem validade de 48 horas a partir do momento da compra. O visitÁvila é vendido no CRV (Centro de Recepción de Visitantes). Vale a pena comprar? Depende das atrações que você pretende ir. Veja aqui a lista de atrações que o cartão contempla (se você for em todas as atrações a economia será de 40%). No decorrer do artigo eu coloco os preços de cada atração e aí você pode fazer o cálculo se vale a pena comprar o cartão (dependendo das atrações que você pretende ir).

Tuk Tuk até o Cuatro Postes: um passeio cômodo para se fazer em Ávila é o tour de Tuk Tuk. Cada veículo tem capacidade para até 6 pessoas e o motorista dá explicações (em espanhol e inglês) durante o trajeto que dura +- 35 minutos. O roteiro passa pelos principais pontos turísticos dentro e fora da muralhas. O mais interessante é que o roteiro contempla o Cuatro Postes, único ponto de parada do Tuk Tuk e o local com a melhor vista das muralhas. O ponto de partida/chegada do Tuk Tuk é na Calle de San Segundo, nº 40 (veja na Rota 1), próximo do CRV e da Basílica de San Vicente. Preços: 5 euros por pessoa no passeio diurno e 8 euros por pessoa no passeio noturno. Horários: diariamente das 10:30 às 14:00 e das 16:00 às 23:30. Confirme e veja mais informações: Tuk Tuk Ávila.

Muralhas de Ávila - Espanha
Muralhas de Ávila vistas do Cuatro Postes

Rota 1: CRV, Basílica de San Vicente, Plaza del Mercado Grande e Convento de San José


Extra-muros: a Rota 1 é extra-muros (fora da cidade amuralhada). Você irá caminhar (margeando as muralhas) na área onde a cidade amuralhada está mais conectada com a cidade extra-muros. É mais bonito ver as muralhas do lado de fora.

CRV (Centro de Recepción de Visitantes): é a oficina de turismo de Ávila, localizada extra-muros. Eu recomendo que você inicie o roteiro no CRV pegando um mapa da cidade e um folheto com os horários e os preços das atrações atualizados. O CRV é o único local para comprar o cartão visitÁvila. Endereço: o CRV tem duas entradas, a principal fica no térreo com acesso pela Avenida Madrid, nº 39. A entrada secundária é mais próxima da área turística. Ela fica no 2º andar e o acesso é pela rua em frente à Basílica de San Vicente (na Calle de San Vicente) ou pela Ronda Vieja (voltada para as muralhas).

Centro de Recepción de Visitantes - Ávila - Espanha
Entrada secundária do CRV na frente da Basilica de San Vicente

Basílica de San Vicente: localizada extra-muros a Basílica é, depois da Catedral, o principal templo religioso da cidade. Na minha opinião é imperdível. Ela está localizada em frente à Puerta de San Vicente, uma das portas de acesso à cidade amuralhada. Irmãos mártires: a Basílica leva o nome de Basilica de los Santos Hermanos Vicente, Sabina y Cristeta. A história remonta ao século IV quando esses três irmãos cristãos foram martirizados pelos romanos e os seus corpos enterrados em uma rocha oca onde hoje está a Basílica. Construção: a Basílica foi construída no século XII e tem arquitetura românica. Destaques: entre os destaques no interior estão a Capilla Mayor (onde estão as urnas com os restos mortais dos três irmãos mártires), um cenotáfio (monumento fúnebre que representa a história dos irmãos) e a cripta que possui uma imagem da Virgen de la Soterraña (padroeira de Ávila) além da suposta rocha original onde os irmãos foram enterrados (a rocha fica na capela direita da cripta). Descalçou: segundo a tradição foi aos pés da imagem da Virgen de La Soterraña (na cripta) que Santa Teresa se descalçou para iniciar a sua obra. Duração da visita: 30 minutos a 1 hora. Preço: 2,30 euros (inclui audioguia, mas não tem em português). visitÁvila: acesso gratuito. Horários: a Basílica abre todos os dias, mas o horário é variável (consulte no site). Durante as missas não é possível visitar turisticamente. Confirme os preços e horários no site: Basílica de San Vicente. Veja os horários das missas.

Basilica de San Vicente - Ávila - Espanha
Basílica de San Vicente vista das Muralhas
Basilica de San Vicente - Ávila - Espanha
Fachada lateral da Basílica
Basilica de San Vicente - Ávila - Espanha
Nave da Basilica
Basilica de San Vicente - Ávila - Espanha
Capilla Mayor ao fundo e o cenotáfio à direita
Basilica de San Vicente - Ávila - Espanha
Cenotáfio: monumento fúnebre (sem os corpos) recriando a história dos irmãos mártires
Basilica de San Vicente - Ávila - Espanha
Escultura dos três irmãos mártires
Basilica de San Vicente - Ávila - Espanha
Imagem da Virgen de La Soterraña dentro da Cripta: local onde Santa Teresa se descalçou

Calle de San Segundo: ao sair da Basílica siga margeando externamente as muralhas pela Calle de San Segundo. Você passará pelas três mais movimentadas portas de acesso à cidade amuralhada: a de San Vicente, a de La Catedral e a del Alcázar. Ainda próximo da Basílica de San Vicente fica o ponto de partida/chegada do Tuk Tuk (Calle de San Segundo, 40). Logo depois vem uma profusão de bares e restaurantes no ponto que a cidade antiga está mais conectada com a cidade extra-muros. Por ali fica a Casa de las Carnicerías (ao lado da Puerta de La Catedral) que é o principal acesso para caminhar por cima das muralhas. Tentação: a sua tentação de entrar na cidade amuralhada ou subir nas muralhas será grande, mas continue caminhando extra-muros até a Plaza del Mercado Grande, já que é mais bonito ver as muralhas do lado de fora da cidade. Você vai caminhar sobre as Muralhas nas Rotas 2 e 3.

Puerta de San Vicente - Ávila - Espanha
Puerta de San Vicente
Calle de San Segundo - Ávila - Espanha
Calle de San Segundo: rua que margeia as muralhas no ponto mais movimentado da cidade
Muralhas de Ávila - Espanha
Muralhas na região da Calle de San Segundo

Plaza del Mercado Grande (também chamada de Plaza de Santa Teresa): localizada extra-muros em frente a Puerta del Alcázar a praça era um dos locais de comércio desde a Idade Média (o outro era a Plaza del Mercado Chico dentro das muralhas). Ainda hoje a praça é repleta de lojas, bares e restaurantes. A Plaza del Mercado Grande (ou Plaza de Santa Teresa) também era palco de celebrações e o local onde aconteciam os autos-de-fé (eventos de penitência realizados publicamente) da Inquisição Católica. Iglesia de San Pedro: localizada na praça ela é uma bonita igreja românica que foi construída nos séculos XII e XIII. Oficialmente os horários de abertura são meio ingratos aos visitantes (quintas e sextas das 18:00 às 20:00 e aos sábados das 11:00 às 12:00, das 13:00 às 14:00 e das 18:00 às 20:00; Preço: 1,50 euros). Mas eu passei por lá em uma terça-feira de manhã, ela estava aberta e não havia ninguém para cobrar a entrada. A igreja é pequena e a visita é rápida.

Plaza del Mercado Grande - Ávila - Espanha (1)
Plaza del Mercado Grande (ou de Santa Teresa) e Iglesia de San Pedro vistos das Muralhas
Plaza del Mercado Grande - Ávila - Espanha
Plaza del Marcado Grande vista da entrada da Iglesia de San Pedro com a Puerta del Alcázar ao fundo
Iglesia de San Pedro - Ávila - Espanha
Iglesia de San Pedro: pequena e bela

Convento de San José (ou Convento de las Madres): distante 500 metros da Iglesia de San Pedro (no sentido oposto ao das muralhas) e 800 metros da estação de trem (você pode começar o roteiro pelo convento caso venha de trem). O Convento de San José foi o primeiro fundado por Santa Teresa (em 1562) dando início a Ordem de los Carmelitas Descalzos. No convento, ativo até hoje, a visita divide-se em três locais: Museo Teresiano, Iglesia Primitiva e a igreja principal. Primeiro vá ao museu cujo acervo é composto de objetos pessoais e relíquias de Santa Teresa (o museu é pequeno). Depois você será guiado até a igreja primitiva (uma pequena capela) e na sequência até a igreja principal (pequena, com seis capelas laterais, em uma delas estão enterrados o irmão de Santa Teresa e outros familiares dela). A igreja principal é do século XVII e a sua arquitetura inspirou as igrejas carmelitas construídas desde então pelo mundo afora. Durante a visita você terá alguns minutos para contemplar as igrejas. Não é permitido tirar fotos internas. Nesse link você pode ver como são as igrejas do Convento de San José (há um link no canto superior direito para a igreja primitiva). Na minha opinião o Convento de San José é de importância turística menor que o Convento de Santa Teresa (localizado dentro das muralhas). Não considero o Convento de San José uma atração turística imperdível em um roteiro de 1 dia em Ávila (apesar do lugar ter uma enorme importância histórica e religiosa). Endereço: Calle las Madres, 2. Horários: diariamente das 10:00 às 13:30 e das 16:00 às 19:00. Preço: 1,40 euros. visitÁvila: acesso gratuito. Confirme as informações: Convento de San José.

Convento de San José - Ávila - Espanha
Fachada da igreja do Convento de San José (no lado direito está a pequena igreja primitiva)
Convento de San José - Ávila - Espanha
Entrada do Museo Teresiano ao lado da igreja do convento

Opcional – Museo de Ávila: quando você estiver caminhado pela Calle de San Segundo, na altura da Puerta de la Catedral/Casa de las Carnicerías, você pode entrar na Plaza de Nalvillos (no lado oposto da cidade amuralhada). Na praça fica o Museo de Ávila que é dividido em duas partes: o Palacio de Los Deanes e a antiga Iglesia de Santo Tomé. O acervo do museu é dividido em três seções: belas artes, arqueologia e etnologia. O museu não está entre as principais atrações da cidade. Se você tiver interesse a minha recomendação é deixar para o final do roteiro (depois de garantir as principais atrações). Preço: 1,20 euros. visitÁvila: acesso gratuito. Confira os horários: Museo de Ávila.

Museo de Ávila - Ávila - Espanha
Museo de Ávila na Plaza de Nalvillos

Rota 2: Muralhas (1º trecho), Plaza del Mercado Chico e Catedral


Entrando na cidade amuralhada: agora sim vamos entrar na cidade amuralhada. Entre pela Puerta del Alcázar (na Plaza del Mercado Grande ou de Santa Teresa) que dá acesso à Plaza Adolfo Suárez (já dentro das muralhas). Na Plaza Adolfo Suárez há um bonito prédio que pertence ao governo.

Puerta del Alcázar - Ávila - Espanha
Entre triunfalmente na cidade amuralhada pela Puerta del Alcázar, que era a mais movimentada da cidade medieval
Plaza Adolfo Suarez - Ávila - Espanha
Plaza Adolfo Suarez já dentro das Muralhas

Muralhas de Ávila: a cidade sempre foi murada desde os tempos romanos. Com o passar dos séculos as muralhas foram sendo modificadas e ampliadas pelos visigodos e muçulmanos. O aspecto atual das muralhas é do período seguinte ao da Reconquista Cristã (séculos XI ou XII). Extensão: as muralhas possuem 2,5 km de extensão (fechando 100% do Casco Histórico) com muros de 12 metros de altura e 3 metros de espessura. São 9 portas de acesso e 87 torres redondas defensivas (uma delas é a Catedral). Conservação: elas são consideradas uma das muralhas mais conservadas e belas da Europa e do mundo. Curiosidade: algumas fontes dizem que o motivo da conservação das muralhas de Ávila é econômico. No século XIX, quando a maioria das cidades europeias derrubaram as suas muralhas (que atrapalhavam a expansão) Ávila passava por uma grande crise econômica e não teve dinheiro para derrubá-las. As Muralhas de Ávila foram declaradas Patrimônio Nacional em 1884.

Caminhar pelas Muralhas. São 4 os pontos de acesso para caminhar sobre as muralhas: Puerta del Alcázar, Casa de las Carnícerias (ao lado da Puerta de la Catedral), Arco del Carmen (na Puerta del Carmen) e Puerta del Puente (próxima do Rio Adaja, no lado oposto da Catedral). Nos 4 pontos você pode comprar o ticket e pegar/devolver o audioguia (tem em português). Com o mesmo ticket você pode subir e descer as muralhas em vários pontos diferentes. Os 4 pontos de acesso formam 3 trechos para percorrer as muralhas totalizando 1,7 km: 1º Trecho (Puerta del Alcázar; você terá que subir e descer nesse ponto porque ele não se conecta com os outros), 2º Trecho (entre a Casa de las Carnicerías e o Arco del Carmen) e o 3º Trecho (entre o Arco del Carmen e a Puerta del Puente). Preços: 5 euros por pessoa (inclui audioguia em português). visitÁvila: acesso gratuito. Horários de inverno (novembro a março): 10:00 às 18:00 (fechado às segundas-feiras). Horários de verão (abril a outubro): diariamente das 10:00 às 20:00 (em julho e agosto até às 21:00). Necessidades especiais: na Puerta del Puente há um trecho adaptado para portadores de necessidades especiais. Confirme as informações e horários: Muralhas Ávila.

Veja o mapa com a localização dos 4 pontos de acesso para subir nas muralhas:

1º Trecho Muralhas: logo que você passar pela Puerta del Alcázar, no seu lado esquerdo estará o ponto de acesso para subir nas muralhas. Esse é o trecho mais curto das muralhas, caminhando pelo local onde ficava o antigo Alcázar (fortaleza árabe) até a Catedral (dá para ver como a catedral se funde com a muralha). Você terá que subir e descer pela Puerta del Alcázar (não há conexão com os outros trechos da muralha).

Muralhas de Ávila - Espanha
Caminhando nas Muralhas
Muralhas de Ávila - Espanha
As Muralhas na altura do Paseo del Rastro
Muralhas de Ávila - Espanha
Ponto onde a Catedral faz parte das Muralhas
Muralhas de Ávila - Espanha
Nas Muralhas de Ávila

Plaza del Mercado Chico: após descer das muralhas caminhe na cidade amuralhada pelas calles Don Gerónimo, Alemania e Reyes Católicos até a Plaza del Mercado Chico. Nessa caminhada você passará por uma área comercial com muitas lojas. A Plaza del Mercado Chico é a praça principal do Casco Histórico e nela está localizada a Prefeitura (Ayuntamiento). Na praça há vários bares e restaurantes.

Ávila Espanha
Área comercial da cidade amuralhada
Plaza del Mercado Chico - Ávila - Espanha
Ayuntamiento (Prefeitura) na Plaza del Mercado Chico (praça principal da cidade amuralhada)

Capilla de Mosén Rubí: fica bem pertinho da Plaza del Mercado Chico, com acesso pela Calle Bracamonte. É uma pequena e linda capela do século XVI. A arquitetura mistura os estilos gótico tardio com o renascentista. A notícia boa é que ela é gratuita e a notícia ruim é que ela abre de terça a sábado apenas das 16:00 às 18:00 e aos domingos e feriados apenas das 11:00 às 13:00. Eu não tive a oportunidade de conhecer a capela. Se você estiver passando por ali no horário de abertura entre porque ela é linda. Endereço: Plaza de Mosén Rubí. Confirme os horários: Capilla de Mosén Rubí.

Plaza de la Catedral: a partir da Plaza del Mercado Chico (ou da Capilla de Mosén Rubí) suba a Calle de Tomás Luis de Victoria até a Plaza de la Catedral. Na praça, além da Catedral, você pode observar alguns palácios que viraram hotéis como o Palacio de Los Velada e o Palacio Valderrábanos. A cafeteria do Palacio de Los Velada fica no lindo pátio interno do prédio e está aberta para não hóspedes.

Plaza de La Catedral - Ávila - Espanha
Plaza de La Catedral com seus leões vigilantes
Plaza de La Catedral - Ávila - Espanha
Plaza de La Catedral à noite: leões vigiando a entrada principal da Catedral
Plaza de La Catedral - Ávila - Espanha
Ávila fica linda com a iluminação noturna
Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha
Decoração interna do Hotel Palacio de los Velada
Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha
Cafeteria El Claustro no pátio interno do Hotel Palacio de los Velada: aberta para não hóspedes

Catedral de Ávila: a Catedral del Salvador de Ávila começou a ser construída em 1172 e as obras se prolongaram por mais de 300 anos. No início do projeto a arquitetura era românica, mas algumas décadas depois o projeto foi alterado e a catedral foi a primeira no estilo gótico na Espanha. Um detalhe interessante é que ela também é uma fortaleza já que o abside (a parte curvada) da Catedral faz parte da Muralha. Entre os maiores destaques da Catedral estão o Altar Mayor, o Trascoro, a Girola, a Sacristia, o Museo e o Claustro (que tem uma bela capela onde não é permitido tirar fotos). A Catedral de Ávila também possui lindos vitrais. Comparação: apesar de ser uma atração que eu considero imperdível a Catedral de Ávila está, na minha opinião, em um nível abaixo das catedrais de Segóvia e principalmente da Catedral Primada em Toledo. Duração da visita: +- 1 hora. Preços: 5 euros (inclui audioguia em português). visitÁvila: acesso gratuito. Horários: aberta diariamente, mas o horário varia de acordo com o dia e a época do ano (consulte no link). Confirme as informações, preços e horários: Catedral de Ávila.

Catedral de Ávila - Ávila - Espanha
Fachada da Catedral
Catedral de Ávila - Ávila - Espanha
Entrada da Catedral
Catedral de Ávila - Ávila - Espanha
Capilla Mayor
Catedral de Ávila - Ávila - Espanha
Trascoro
Catedral de Ávila - Ávila - Espanha
Um dos muitos conjuntos de vitrais
Catedral de Ávila - Ávila - Espanha
Museu da Catedral
Catedral de Ávila - Ávila - Espanha
Claustro da Catedral

Rota 3: Muralhas (2º trecho), Cuatro Postes e Convento de Santa Teresa


A Rota 3 tem início na Casa de las Carnicerías (extra-muros) que fica na Calle de San Segundo ao lado da Puerta de La Catedral (ao lado da Catedral).

Casa de las Carnicerías - Ávila - Espanha
Casa de las Carnicerías: principal acesso para caminhar nas Muralhas. Ao lado a Puerta de la Catedral

2º Trecho Muralhas: a caminhada do 2º trecho por cima das muralhas vai da Casa de las Carnicerías até o Arco del Carmen.

Muralhas de Ávila - Espanha
2º Trecho das Muralhas
Muralhas de Ávila - Espanha
Basilica de San Vicente
Muralhas de Ávila - Espanha
Chegando no Arco del Carmen

Do Arco del Carmen até o Cuatro Postes: a caminhada para a próxima atração da Rota 3 (Cuatro Postes) tem ao menos duas opções. A mais tradicional seria percorrer o 3º Trecho das Muralhas (entre o Arco del Carmen e a Puerta del Puente), atravessar a ponte sobre o Rio Adaja e subir até o Cuatro Postes (uma caminhada de +- 1km no total). Eu fiz um caminho alternativo e um pouco mais curto: desci das Muralhas no Arco del Carmen, saí da cidade amuralhada pela Puerta del Carmen, segui extra-muros pela Ronda Vieja, pela Avenida Madrid e atravessei o rio por uma ponte vermelha que fica bem próxima dos Cuatro Postes. Por esse caminho alternativo dá para ter uma bela vista das muralhas e caminhar por uma área gostosa na beira do rio. Na Avenida Madrid você passará em frente ao Centro de Exposições e Congressos de Ávila.

Veja o mapa com os locais que mencionei acima (os locais do meu roteiro alternativo estão marcados em azul):

Muralhas de Ávila - Espanha
Saindo da cidade amuralhada pela Puerta del Carmen: o Cuatro Postes está lá adiante, bem pequenininho com um ônibus ao lado. A caminhada é de +- 1 km. Consegue ver o ônibus?
Muralhas de Ávila - Espanha
Bela visão das Muralhas ao caminhar pela Ronda Vieja
Muralhas de Ávila - Espanha
Muralhas de Ávila
Rio Adaja - Ávila - Espanha
Caminho para atravessar o Rio Adaja
Rio Adaja - Ávila - Espanha
Ponte de madeira para atravessar o Rio Adaja
Rio Adaja - Ávila - Espanha
Subida até o Cuatro Postes (após atravessar a ponte)
Rio Adaja - Ávila - Espanha
A Renata empreendendo os últimos esforços para chegar ao Cuatro Postes. Ao fundo as lindas Muralhas com o Arco del Carmen no centro.

Cuatro Postes (a melhor vista das Muralhas): o Humilladero de Los Cuatro Postes é um monumento religioso do século XVI formado por quatro colunas dóricas e uma cruz central. Santa Teresa: segundo a tradição foi nesse local que a Santa e o seu irmão (quando ainda eram crianças) foram casualmente interceptados por seu tio. Eles estavam se dirigindo à terras de Árabes com a intenção de evangelizar os muçulmanos, sem se importarem de morrerem como mártires. Emblemático: apesar do monumento ser relativamente simples o local é um tanto emblemático. Inesquecível: a vista das muralhas é inesquecível.

Cuatro Postes - Ávila - Espanha
Cuatro Postes
Muralhas de Ávila - Espanha
A melhor vista das Muralhas

Cuatro Postes à noite: se você tiver a oportunidade também vá até o Cuatro Postes à noite. Além da incrível vista das muralhas iluminadas o próprio Cuatro Postes também fica iluminado, criando um ambiente quase que surreal. Parece um cenário de filme.

Cuatro Postes - Ávila - Espanha
Cuatro Postes à noite: surreal e imperdível
Muralhas de Ávila - Espanha
Muralhas iluminadas
Muralhas de Ávila - Espanha
À noite nas Muralhas

Alternativas para chegar no Cuatro Postes: para você seguir o meu roteiro a pé até o Cuatro Postes a caminhada será considerável. Desde a Catedral a distância é de uns 2 km e a volta é na subida. Alternativas: veja abaixo algumas alternativas menos cansativas para chegar ao Cuatro Postes. Táxi: um táxi desde a região da Catedral até o Cuatro Postes vai custar uns 10 a 15 euros (incluindo alguns minutos de espera do motorista). Tuk Tuk: o ponto de saída/chegada é na Calle de San Segundo e a única parada do tour é no Cuatro Postes. Ônibus urbanos: há um ponto de ônibus na rotatória em frente à Puerta del Puente. Do ponto de ônibus até o Cuatro Postes a caminhada é de 500 metros (subida na ida e descida na volta). No ponto param as linhas Um, Três e Cinco da empresa Avilabus. A passagem custa 1,00 euro cada trecho e pode ser comprada direto com o motorista (tenha dinheiro trocado). Se você for de ônibus acredito que compense já vir direto da estação de trem ou da rodoviária. Carro alugado: se você estiver com carro alugado há estacionamento junto ao Cuatro Postes.

Tuk Tuk Ávila
Tuk Tuk no Cuatro Postes – Crédito: Tuk Tuk Ávila

Voltando a pé do Cuatro Postes até a cidade amuralhada: desça pela Calle Cuatro Postes, atrevesse a ponte sobre o Rio Adaja (ao lado da ponte para veículos tem uma ponte de pedra para pedestres) e entre na cidade amuralhada pela Puerta del Puente. Suba pela Calle de los Telares até a Plaza de La Santa onde fica o Convento de Santa Teresa. A caminhada do Cuatro Postes até o Convento de Santa Teresa é de 1 km, passando pela parte baixa e menos turística da cidade amuralhada. Nessa região viviam as pessoas menos abastadas, já que a área mais nobre era nos arredores da Catedral (a parte mais alta da cidade). Veja o mapa com a caminhada do Cuatro Postes até o Convento de Santa Teresa:

Rio Adaja - Ávila - Espanha
Atravessando a ponte de pedra sobre o Rio Adaja
Rio Adaja - Ávila - Espanha
Rio Adaja
Puerta del Puente - Ávila - Espanha
Entrando novamente na cidade amuralhada pela Puerta del Puente
Ávila Espanha
Parte baixa da cidade amuralhada: área menos turística

Convento de Santa Teresa: o convento, ainda ativo, foi construído no local da casa onde a Santa nasceu, além de casas vizinhas. Santa Teresa de Jesus (como é chamada na Espanha) ou Santa Teresa de Ávila (como é chamada no Brasil) nasceu em 1515 e faleceu em 1582. O Convento, da Ordem dos Carmelitas Descalços, foi inaugurado em 1636. São 3 locais para se visitar no Convento: a Igreja, a Sala de Reliquias e o Museo de Santa Teresa. Igreja do Convento (acesso gratuito, localizada na Plaza de La Santa): a grande atração da pequena igreja é a Capilla Natal localizada junto ao Presbitério, onde ficava o quarto onde a Santa nasceu. A capela é linda e possui um retábulo com uma imagem de Santa Teresa, afrescos nas paredes retratando os principais acontecimentos da sua vida e um espaço recriando o quarto do seu nascimento. Nesse link você pode ver como é a Igreja do convento (no canto superior direito há um link para a capela). Sala de Reliquias/Recuerdos (acesso gratuito, localizada na Plaza de la Santa ao lado da igreja): no local você encontrará vários objetos que pertenceram ou tiveram alguma ligação com a Santa. Museo de Santa Teresa: é o maior e o principal museu relacionado à Santa. O museu está localizado na cripta da igreja. O acervo é enorme e está dividido em duas partes, contemplando desde a infância da Santa, a sua vida, a sua obra e a Ordem dos Carmelitas Descalços. Não é permitido tirar fotos dentro do museu. Preço: 2 euros. visitÁvila: acesso gratuito. Horários: aberto de terça a domingo; abril a outubro das 10:00 às 14:00 e das 16:00 às 19:00; novembro a março das 10:00 às 13:30 e das 15:30 às 17:30. Endereço: Calle Intendente Aizpuru (pela fachada lateral da igreja). Duração da visita: contando o museu, a igreja e as relíquias de 1:00h a 1:30h. Confirme os horários do museu: Museo de Santa Teresa.

Convento de Santa Teresa - Ávila - Espanha
Igreja do convento na Plaza de La Santa
Convento de Santa Teresa - Ávila - Espanha
Escultura de Santa Teresa com a igreja ao fundo
Convento de Santa Teresa - Ávila - Espanha
Retábulo com imagem da Santa na Capilla Natal da igreja: no local onde a Santa nasceu
Convento de Santa Teresa - Ávila - Espanha
Recriação do quarto onde nasceu Teresa de Ávila
Convento de Santa Teresa - Ávila - Espanha
Entrada da Sala de Relíquias na Plaza de La Santa

Paseo del Rastro (finalizando a Rota 3): após o Convento de Santa Teresa saia da cidade amuralhada pela Puerta de Santa Teresa (em frente ao convento). Nesse ponto fica o Paseo del Rastro, onde você pode caminhar margeando extra-muros a fachada sul das muralhas. Você pode caminhar um pouco pelo Paseo del Rastro e entrar na cidade pela porta seguinte (a del Rastro). Ou caminhar extra-muros por quase todo o Paseo del Rastro até a Plaza del Mercado Grande.

Paseo del Rastro - Ávila - Espanha
No Paseo del Rastro, perto do Convento de Santa Teresa

Opcional: as atrações abaixo não estão entre as principais para um roteiro de 1 dia em Ávila. Eu só recomendo se você tiver tempo ou algum interesse específico. Hornos Post Medievales: é um museu com ruínas de uma antiga cerâmica. Você pode visitá-lo mudando um pouco a rota na caminhada do Cuatro Postes até o Convento de Santa Teresa. Ele fica próximo da Puerta del Puente. Preço: 1,50 euros. vistitÁvila: acesso gratuito. Mais informações e horários: Hornos Posts Medievales. Palacio de los Superunda: palácio do século XVI onde a partir de 1930 viveu o pintor italiano Guido Caprotti. O palácio está restaurado e abriga obras de Caprotti e outros artistas (com destaque para Joaquin Sorolla). Ele fica bem próximo do Convento de Santa Teresa. Preço: 3 euros. visitÁvila: acesso gratuito. Mais informações e horários: Palacio de los Superunda. Palacio de Polentinos: localizado próximo do Palacio de los Superunda o Polentinos foi construído no século XVI e possui arquitetura renascentista. Atualmente ele abriga um museu militar com acesso gratuito. Confirme os horários: Palacio de PolentinosÁvila Mística (Centro de Interpretación del Misticismo): é um museu cuja temática é o misticismo. Ele fica extra-muros no Paseo del Rastro bem próximo da Puerta de Santa Teresa (em frente ao Convento de Santa Teresa). Preço: 3 euros. visitÁvila: acesso gratuito. Mais informações e horários: Ávila Mística.

Palacio Superunda - Ávila - Espanha
Jardim interno do Palacio de los Superunda
Palacio Superunda - Ávila - Espanha
Coleção de Guido Caprotti no Palacio de los Superunda

Rota 4: Real Monasterio de Santo Tomás


Extra-muros: o Real Monasterio de Santo Tomás fica um pouco fora do eixo turístico. Ele está a 700 metros da Plaza del Mercado Grande (ou de Santa Teresa) e a 750 metros do Convento de San José.

Eu recomendo: a visita ao monasterio vai tomar um bom tempo do seu roteiro (tanto o deslocamento até lá quanto a visita interna que leva de 1 a 2 horas). Eu gostei bastante e recomendo para quem é fã de mosteiros medievais. Inclusive eu gostei mais de visitar o Real Monasterio de Santo Tomás do que o Convento de Santa Teresa.

Visitar o monastério fica mais fácil após o final da Rota 1 ou da Rota 3.

Real Monasterio de Santo Tomás: o monastério dominicano, ainda ativo, foi inaugurado em 1493 em homenagem à São Tomás de Aquino. Um dos principais patrocinadores da construção foram os Reyes Catolicos (Fernando II de Aragón e Isabel I de Castilla) que construíram um palácio de verão junto ao Monasterio.

Inquisição: o Real Monasterio de Santo Tomás foi sede da Inquisição. Tomás de Torquemada, o Inquisidor Geral, também chamado de O Grande Inquisidor, foi um dos fundadores e patrocinadores do monastério (ele passou os últimos anos da sua vida e morreu lá em 1498).

Universidade: no monastério também foi a sede da Universidade de Santo Tomás que funcionou do século XVI ao XIX.

Visita: a visita ao monastério passa pela Igreja e pelos 3 claustros (que inclui dois museus: Arte Oriental e Ciências Naturais).

Igreja do monastério: entre os destaques da Iglesia de Santo Tomás estão o Altar Mayor, o Confessionário de Santa Teresa e o Coro.

Sepulcro: ocupando um papel central na igreja está o belo e impactante Sepulcro del Infante Don Juan. O sepulcro renascentista abrigava o corpo de Don Juan de Aragón, único filho homem e príncipe herdeiro dos Reyes Catolicos (Fernando II de Aragón e Isabel I de Castilla). O príncipe faleceu 6 meses após o seu casamento, aos 19 anos de idade. O corpo do príncipe não está mais lá já que o monastério foi saqueado pelos franceses durante as Guerras Napoleônicas.

Claustros: o monastério possui três claustros, o del Noviciado, o del Silencio e o de los Reyes Catolicos.

Palácio real de verão/Museus: o claustro dos reis era o centro do palácio real que ficava junto ao monastério. No que era as dependências do palácio hoje estão a restaurada Sala de Aula Magna da antiga Universidade de Santo Tomás, o Museo de Arte Oriental (muito bacana) e o Museo de Ciencias Naturales (com muitos animais empalhados).

Endereço: Plaza de Granada, 1. Preço: 4 euros (inclui audioguia em português). Horários: diariamente das 10:30 às 14:00 e das 15:30 às 19:30. Julho e agosto: diariamente das 10:30 às 21:00.

Confirme as informações e horários: Real Monasterio de Santo Tomás.

Real Monasterio de Santo Tomás - Ávila - Espanha
Fachada da Iglesia de Santo Tomás
Real Monasterio de Santo Tomás - Ávila - Espanha
Igreja do monastério
Real Monasterio de Santo Tomás - Ávila - Espanha
Sepulcro del Infante Don Juan
Real Monasterio de Santo Tomás - Ávila - Espanha
Confesionario de Santa Teresa
Real Monasterio de Santo Tomás - Ávila - Espanha
Claustro del Noviciado
Real Monasterio de Santo Tomás - Ávila - Espanha
Claustro del Silencio
Real Monasterio de Santo Tomás - Ávila - Espanha
Claustro de los Reyes: era o pátio central do Palácio de Verão
Real Monasterio de Santo Tomás - Ávila - Espanha
Museo de Ciencias Naturales
Real Monasterio de Santo Tomás - Ávila - Espanha
Museo de Arte Oriental

Rota 5: Monasterio de La Encarnación


Extra-muros: o Monasterio de La Encarnación (ou Convento de La Encarnación) é outra atração que fica fora do eixo turístico de Ávila. Ele fica a 750 metros da Puerta del Carmen e a 800 metros da Basilica de San Vicente.

Séculos XV e XVI: o convento foi inaugurado em 1478 e ficava dentro da cidade amuralhada. Em 1515 (segundo a tradição no mesmo dia em que a Santa nasceu) a nova sede foi inaugurada no local atual (extra-muros).

Início da vida monástica: foi no convento que Santa Teresa iniciou a sua vida religiosa, ingressando no ano de 1535 (contrariando seu pai) e permanecendo lá por quase 40 anos. O dia a dia no convento (pouco rígido, com muita riqueza material e diferenças sociais entre as monjas) influenciou a Santa a fundar a Orden de los Carmelitas Descalzos com características completamente diferentes (rígido, simples e materialmente pobre).

Vale a pena? Apesar da grande importância histórica e religiosa não considero o Monasterio de La Encarnación como um ponto turístico imperdível em um roteiro de 1 dia por Ávila.

Visitar o monastério fica mais fácil no meio da Rota 3 (a partir da Puerta del Carmen).

Visita: a visita ao monastério é relativamente rápida. Você passará pela igreja do convento e também por um museu com objetos e relíquias relacionados à Santa.

Endereço: Paseo de La Encarnación, 1. Preço: 2 euros. vistitÁvila: acesso gratuito. Horários: variável ao longo do ano (consulte no link). Aberto diariamente. Confirme as informações e os horários: Monasterio de La Encarnación.

Como chegar em Ávila

As opções para ir de Madrid até Ávila são: trem, ônibus, carro e passeios com agências. Também dá para viajar de trem e ônibus entre Salamanca e Ávila e de ônibus entre Segóvia e Ávila.

Como ir de Madrid até Ávila de trem

Chamartín: note que os trens saem da estação Chamartín e não da Atocha. São dois tipos de trem: o Media Distancia (MD) e o Regional. A minha preferência para ir até Ávila de transporte público é o trem.

MD: os trens MD levam entre 1:30h a 1:50h no trajeto entre Madrid e Ávila.

Regional: os trens Regional demoram cerca de 2 horas no trajeto entre Madrid e Ávila. As passagens são mais baratas que o MD, mas a frequência de trens é menor.

Estação de trem em Ávila: mais abaixo eu explico como ir da estação de trem até o CRV (Centro de Recepción de Visitantes).

Passagens: você pode conferir os horários, os preços e comprar as passagens no site da Renfe ou do Rail Europe (o site é em português, mas cobra uma comissão).

Renfe: nesse artigo eu explico sobre os diferentes trens da Renfe e explico como comprar as passagens. Confira: como comprar as passagens de trem na Renfe.

Como ir de Madrid até Ávila de ônibus

Estación Sur de Autobuses: os ônibus saem da Estación Sur que fica bem próxima da Atocha. O acesso é pela Estación Mendéz Álvaro (Metro e Cercanías).

Ônibus: a empresa que faz a linha é a Jimenez Dorado. O trajeto demora entre 1:15h e 1:45h e a passagem é mais barata que a de trem. Consule os preços, horários e compre as passagens: Jimenez Dorado.

Estação de ônibus em Ávila: veja abaixo como ir da Rodoviária até o CRV (Centro de Recepción de Visitantes).

Como ir das estações trem/ônibus de Ávila até o CRV

Próximas: a estação de trem e a rodoviária de Ávila estão bem próximas. A caminhada entre elas é de 400 metros. Veja o mapa com a localização da Estação de Trem e da Estación de Autobuses (Rodoviária):

CRV (Centro de Recepción de Visitantes): a caminhada da Estação de Trens até o CRV (ou até a cidade amuralhada) será de 1,2 km e da Estação de Ônibus até o CRV de 1,3 km. A maioria dos turistas que faz o bate-volta vai caminhando das estações até a cidade antiga.

Trajeto da Estação de Trem até o CRV:

Trajeto da Rodoviária até o CRV:

Alternativas: um táxi das estações até o CRV sairá entre 5 e 10 euros. Uma ideia interessante é pedir para o motorista ir direto até o Cuatro Postes, esperar um pouco e depois deixá-lo no CRV (acredito que a corrida não deve sair mais que uns 15 euros). Ônibus urbano: a passagem da Ávilabus custa 1 euro e pode ser comprada com o motorista (tenha trocado). Na estação de trem o ponto de ônibus fica na rotatória em frente à estação. Na Rodoviária você terá que sair dela, virar a direita e caminhar 200 metros (o ponto de ônibus fica após você passar por baixo do viaduto). Linhas: para ir até o CRV pegue um ônibus da Linha 1 ou da Linha 4 (desça no ponto ao lado da Basílica de San Vicente, o trajeto é de poucos minutos). Para ir até o Cuatro Postes pegue um ônibus da Linha 3 ou da Linha 5 e desça no ponto ao lado da Puerta del Puente (o trajeto vai demorar de 15 a 20 minutos) e depois caminhe uns 500 metros até o Cuatro Postes.

Ávila / Segóvia / Salamanca

Segóvia: você pode montar um roteiro viajando de ônibus entre Ávila e Segóvia sem voltar para Madrid. Eu mesmo fiz isso. O trajeto leva +- 1 hora. Confira os horários, preços e compre as passagens no site da Avanza. Cuidado: compre a passagem nos horários cujo destino final é Segóvia e não CP. Cumpl. (que é uma parada anterior).

Salamanca: entre Ávila e Salamanca é possível viajar de trem ou de ônibus. O trajeto de trem leva entre 1:05h e 1:20h. Os ônibus da Avanza levam em torno de 1:30h.

Pit stop: é possível fazer uma parada para passar o dia em Ávila no trajeto entre Madrid e Salamanca. Guarda-volumes (consigna): nesse caso é melhor fazer o trajeto de ônibus já que a Estação de Ônibus possui guarda-volumes (Consigna Estación de Autobuses de Ávila). A Estação de trem não tem guarda-volumes. Lembrando que as estações estão 400 metros distantes entre si.

Como ir de Madrid até Ávila de carro

O trajeto de carro entre Madrid e Ávila tem +- 110 km e leva 1:20h para ser percorrido. Há pedágio.

Veja o mapa com o trajeto entre Madrid e Ávila:

Estacionamento: se você for passar o dia em Ávila pode tentar estacionar na Ronda Vieja que margeia a fachada norte das muralhas. Na Ronda Vieja há parquímetros. Se você for dormir em Ávila ou preferir um estacionamento fechado confira o Empark El Grande (na Plaza del Marcado Grande ou de Santa Teresa) e o Empark El Rastro (em frente à Puerta de Santa Teresa/Convento de Santa Teresa).

Dicas para alugar carro: se você pretende alugar carro na Espanha recomendo o artigo Dicas Alugar Carro. Outra dica é comprar um chip de celular com internet e usar o Waze ou o Google Maps do celular no lugar do GPS: Chip Celular Internet ilimitada.

Excursões Madrid – Ávila

Passeios com agências: uma maneira cômoda (e superficial) de visitar Ávila são os passeios com agências. Veja na Viator essas excursões saindo de Madrid:

Onde ficar em Ávila

Dentro da cidade medieval. Quando eu me hospedo em cidades medievais eu me auto-imponho uma condição: ficar dentro do Casco Histórico. É uma experiência inesquecível.

Economia: além de ter uma experiência mais profunda em Ávila, o bacana de se hospedar na cidade é que os hotéis (e também as atrações e os restaurantes) são mais baratos que em Madrid. Você irá economizar. Outro atrativo é caminhar pela cidade com a iluminação noturna. Nós fomos durante a semana na baixa temporada (meados de dezembro) e a cidade estava vazia.

Plaza de La Catedral - Ávila - Espanha
Iluminação noturna na cidade amuralhada

Entre a Catedral e a Plaza del Mercado Chico: essa área é a que eu considero o melhor lugar para ficar dentro da cidade amuralhada. É o centrinho turístico de Ávila. Reinando na praça da Catedral estão o Palacio de Los Velada (onde eu fiquei, leia mais abaixo) e o Palacio Valderrabanos. Ainda na região entre a Catedral e a Plaza del Mercado Chico considere o Palacio de Monjaraz e o Hotel Las Moradas. Confira mais opções (incluindo apartamentos e hostals econômicos) de hotéis entre a Catedral e a Plaza del Mercado Chico.

Calle de San Segundo: apesar da rua estar fora das muralhas é quase como se estivesse dentro, tamanha é a integração com a cidade amuralhada. A Calle de San Segundo ainda faz parte do centrinho turístico e está repleta de bares e restaurantes. É um bom local para economizar. Confira o Hostal Puerta del Alcázar, o Gran Hostal San Segundo e o Hotel Las Murallas (na ronda Vieja ao lado do CRV).

Arco del Carmen: na região do Arco del Carmen, dentro das muralhas, ficam o Parador de Ávila (um palácio do século XVI, talvez o hotel mais luxuoso da cidade) e os econômicos Hostal Don Diego e Mistic Hostel.

Convento de Santa Teresa: nas proximidades do Convento de Santa Teresa é uma área barata para se hospedar. Dentro das muralhas ficam o Hotel El Rastro, o Hostal El Rastro e o Hostal Bella Artes. Fora das muralhas estão o Hotel Puerta de la Santa e o Hotel Las Leyendas.

Cuatro Postes: na região do Cuatro Postes, extra-muros, você terá uma bela vista das muralhas, mas estará distante das atrações. Nessa área estão o Sercotel Cuatro Postes e o Hostal Mirador de Ávila.

Os mais baratos: para economizar fique nos arredores da estação de trem. Lá estão o Hostal La Estación, o Hotel San Antonio, o Hotel Don Carmelo e o Hotel Reina Isabel.

Mais opções: hotéis, apartamentos e hostals em toda a cidade de Ávila.

Hotel Palácio de los Velada

Século XVI: o palácio do século XVI atualmente abriga um dos principais hotéis do Casco Histórico e da cidade.

Decoração: as áreas comuns tem decoração de época.

Localização perfeita: a localização do Hotel Palacio de los Velada não poderia ser melhor, na praça da Catedral. É a melhor localização da cidade.

Serviços: o hotel é grande (144 quartos) e tem uma boa estrutura (exceto de lazer como piscina). Eu classificaria a estrutura, o atendimento e os serviços do hotel como Bom. Os grandes diferenciais são a localização, a decoração e a sensação de estar em um palácio histórico bem no centro de uma cidade medieval.

Restaurante/Café da Manhã: no hotel fica o Restaurant El Tostado, mas não pudemos experimentar porque estava reservado para um evento. A Cafeteria El Claustro fica no lindo pátio central do palácio e está aberta para não hóspedes. O café da manhã (no estilo buffet) é servido em um amplo salão e é muito bom.

Fotos do Hotel Palacio de los Velada:

Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha
Fachada
Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha
Recepção
Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha
Decoração interna
Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha
Elevador
Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha
Buffet café da manhã

Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha

Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha
Nosso quarto

Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha Hotel Palacio de los Velada - Ávila - Espanha

Preços/reservas: consulte os preços do Hotel Palacio de los Velada.

Onde comer em Ávila

Yemas de Santa Teresa: o doce típico de Ávila, que homenageia a Santa, é vendido em várias lojas espalhadas pela cidade. Ele é feito a base de ovo e açúcar.

Yemas de Santa Teresa - Ávila - Espanha
Yemas de Santa Teresa: doce típico de Ávila
Yemas de Santa Teresa - Ávila - Espanha
Desde 1860
Yemas de Santa Teresa - Ávila - Espanha
Aceita um?

Chuletón de Ávila (de Ternera): é o prato típico da cidade (bisteca de vitelo) que você encontra em vários restaurantes.

Restaurante Siglodoce: o único restaurante em que fizemos uma refeição completa em Ávila foi o Restaurante Siglodoce, junto às Muralhas ao lado da Puerta de La Catedral e perto do Palacio de los Velada. Menu degustação: nós pedimos o menu degustação com pratos típicos de Ávila e que custa 48 euros para o casal. Entrada: sopa castellana, judiones del barco (feijão branco) e patatas revolconas (batatas). O segundo prato é um chuletón de ternera de 500gr para compartilhar (por alguns euros a mais você pode pedir o chuletón de 750gr ou 1kg). O menu inclui sobremesa, uma garrafa de vinho e água. Foi muito bom, recomendo.

Restaurante Siglodoce - Ávila - Espanha
Entrada do Restaurante Siglodoce: ao lado da Puerta de La Catedral
Restaurante Siglodoce - Ávila - Espanha
Ambiente interno com itens expostos
Restaurante Siglodoce - Ávila - Espanha
Chuletón de Ternera
Restaurante Siglodoce - Ávila - Espanha
Sobremesa

Outros restaurantes bem ranqueados em Ávila: o El Almacen fica próximo do Cuatro Postes e tem vistas espetaculares da muralha, mas é um dos mais caros da cidade. O Restaurante Bococo, extra-muros perto da Calle de San Segundo, é nº 1 do TripAdvisor no momento que eu escrevo este artigo e possui um menu com pratos típicos regionais. Um restaurante que estava na nossa lista, mas não deu tempo de ir, é o Soul Kitchen, que possui um ambiente moderno e diferenciado, localizado próximo da Plaza del Mercado Chico.

Dúvidas sobre Ávila

Se você tem dúvidas sobre Ávila na Espanha deixe um comentário abaixo :-)

6 Comentários


  1. Olá, boa noite!
    Eu e meu marido somos da 3a idade
    Gostaria de saber como é o acesso da estação de trem até a cidade amuralhada.
    Desde já agradeço,
    Marinete

    Responder

    1. Oi Marinete, tudo bem?

      É uma caminhada de +- 1 km pelas ruas da cidade. Não é difícil, mas se vocês preferirem há táxis na estação e a corrida até a cidade amuralhada deve sair uns 6 ou 7 euros.

      Abraços :)

      Responder

  2. Fred,
    Parabéns pelo site.Estou indo em setembro e adotarei seu roteiro como guia.

    Vou fazer um bate/volta de Madri a seguirei sua sugestão dos roteiros 1. 2 e

    Muito obrigado pela ajuda !

    Sergio

    Responder

  3. Boa noite. Sou brasileira e estarei em Madri no inicio de agosto e gostaria de ir 1 dia à Avila. Para isso estou procurando algum guia brasileiro ou que fale portugues para me guiar em Avila neste dia. Você conhece alguém para me indicar? Grata.

    Responder

    1. Oi Renata, tudo bem?

      Eu fiz o roteiro em Ávila por conta própria. Infelizmente não conheço um guia particular para te indicar.

      Abraços e boa viagem :)

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *