Dicas de La Paz: O que Fazer, Roteiro, Onde Ficar, Comer

La Paz foi a cidade-base em nossa viagem pela Bolívia. Nós ficamos hospedados 3 vezes em La Paz em nossas idas e vindas pela altitude boliviana. Nesse artigo vou deixar todas as nossas dicas de La Paz: onde ficar, o que fazer, roteiro, onde comer, atrações, passeios e pontos turísticos.

Em La Paz tivemos contato com a rica cultura boliviana. A cidade possui jardineiras (ônibus antigos) pelas ruas, cholas vendendo os seus produtos, além de comércio e trânsito caóticos. O Centro Histórico possui várias lojas de artesanato onde é possível comprar cachecóis de alpaca, miniaturas de lhamas e vários outros tipos de souvenires. E desde de 2014 há um imperdível teleférico onde é possível ter uma visão panorâmica de La Paz e os picos nevados da Cordilheira Real.

Dicas de La Paz - Bolívia

Agência tours e passeios em La Paz: uma dica interessante para contratar os passeios é a denomades (que eu conheci somente após a viagem para Bolívia).

Operadores qualificados e preços competitivos: a denomades é uma plataforma que oferece tours em vários destinos de aventura da América do Sul. São pequenos e médios operadores locais considerados qualificados pela denomades e que oferecem um bom atendimento, uma boa estrutura e preços competitivos.

Tours na plataforma denomades em La Paz:

Tours em outros destinos:

O que fazer em La Paz – Roteiro em La Paz – Bolívia:

1 dia inteiro é suficiente para conhecer as principais atrações que ficam na área urbana de La Paz. Veja o que conhecemos na cidade:

1º dia em La Paz: Valle de La Luna, Teleférico Linha Amarela, Mirador Killi Killi, Plaza Murillo e Mercado de Las Brujas

2º dia em La Paz: Iglesia San Francisco e Teleférico Linha Vermelha

La Paz também guarda muitos atrativos em seus arredores. Os destaques ficam para as seguintes atrações:

Chacaltaya: um dos picos nos arredores de La Paz, o passeio vai de van até próximo ao topo, onde fica uma desativada estação de esqui. Lá é possível fazer uma caminhada até o cume (5395 metros de altitude). A caminhada não é longa, mas a inclinação e principalmente a altitude dificultam bastante.

Downhill de Coroico: essa é para os aventureiros. É a descida de bicicleta pela Estrada da Morte. A descida começa a 4600 metros de altitude e termina a 1200 metros. Por todo o caminho paisagens incríveis.

Tiwanaku (Tiahuanaco): um dos mais importantes sítios arqueológicos pré-colombianos da Cordilheira dos Andes.

Desses 3 passeios apenas o Chacaltaya estava em nosso roteiro. Deixamos para o último dia da viagem quando já estaríamos mais aclimatados com a altitude. Mas não pudemos fazer. Nós tivemos que vir embora mais cedo da Bolívia por problemas de saúde relacionados à altitude.

Onde ficar em La Paz:

A melhor localização para ficar hospedado em La Paz é nas proximidades da Iglesia San Francisco no Centro Histórico. Nas calles (ruas) Linares e Sagarnaga e na avenida Illampu há uma grande concentração de agências de turismo, casas de câmbio, restaurantes, lojas de artesanato e souvenires, além de muitos hotéis, hostels, pousadas e hostals.

Apesar de várias opções de hospedagem os estabelecimentos de La Paz (e da altitude boliviana em geral) são deficientes em muitos aspectos. Não espere uma excelente estrutura e limpeza.

Confira alguns dos estabelecimentos mais recomendados para ficar na região do Centro Histórico de La Paz:

Posada de La Abuela Obdulia: foi aqui que nós ficamos nas 3 passagens por La Paz. É um dos estabelecimentos mais reservados e recomendados nos sites de reservas on-line. Nós recomendamos a pousada. Ela possui um bom atendimento, bom café da manhã e excelente localização, distante 1 quadra do Mercado de Las Brujas, 2 quadras da Avenida Illampu e 3 quadras da Iglesia San Francisco. Ela fica próxima da esquina das ruas Sagarnaga e Linares, rodeada de agências e lojas. A pousada possui um excelente restaurante e um pátio com agências de viagem.

Hotel Rosario: um dos melhores e mais tradicionais hotéis em La Paz.

Hotel Sagarnaga: um dos mais reservados.

Sajama Hotel: no meião da Avenida Illampu.

Las Brisas: também no meião da Avenida Illampu.

Hostal Naira: bem próximo da Iglesia San Francisco. Possui um excelente restaurante.

Loki Hostel: um pouco mais distante. É famoso pela animação, muito frequentado pelos brasileiros.

Cruz de Los Andes Hostel: bom, barato e bem localizado.

Onde Comer em La Paz:

Das cidades da altitude boliviana que visitamos (La Paz, Copacabana e Uyuni), La Paz foi onde melhor comemos. Demos sorte de acharmos bons restaurantes na cidade, todos próximos da Posada de Abuela Obdulia, onde estávamos hospedados. O bacana de La Paz (e de toda a Bolívia) é que é bem barato para nós brasileiros comermos por lá.

3 restaurantes que visitamos em La Paz:

Restaurante da Posada de La Abuela: a pousada possui um excelente restaurante. Tanto no almoço quanto no jantar há um menu e pratos à la carte. Bom e barato. Quando fomos o menu estava por volta de 30 bolivianos (Janeiro de 2015).

Banais Café Restaurant: fica no mesmo prédio do Hostal Naira, na Calle Sarganaga, pertinho da Iglesia San Francisco. Possui uma bela decoração e uma cozinha limpa. Pratos mais refinados. Excelente.

The English Pub: foi o que mais gostamos, bem perto da Posada de La Abuela. Ambiente bacana, excelente atendimento, pratos muito saborosos e preços justos.

Vídeo de La Paz – Bolívia:

Assista ao vídeo que fizemos dessa viagem. Ele está em nosso canal do Youtube. Ajude o nosso vídeo a ficar mais popular e clique em gostei (joinha). Veja mais vídeos de nossas viagens e se inscreva em nosso canal.

Confira todas as nossas dicas da Bolívia:

Veja abaixo todos os nossos relatos de cidades e passeios na Bolívia. Passamos vários perrengues, sofremos com a altitude e tivemos que vir embora mais cedo. Confira:

Dicas de La Paz

Dicas de Copacabana – Lago Titicaca – Isla del Sol

Dicas Tour Salar de Uyuni (Deserto de Sal)

Dica: economize no seguro-viagem para a Bolívia e América do Sul

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *