Peratallada Espanha (Girona, Catalunha): Roteiro, Como Chegar

Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha
Vilarejo medieval de Peratallada e suas construções de pedras

Peratallada é um lindo vilarejo medieval com poucas centenas de habitantes localizado na Catalunha (Espanha).

O pequeno povoado é surpreendentemente preservado (foi declarado Conjunto Histórico Artístico em 1975) e está protegido por muralhas.

Percorrer as suas ruas estreitas repletas de construções de pedras é uma grande volta no tempo.

Veja neste artigo todas as dicas para você visitar Peratallada: localização, como chegar, o que fazer e o relato da minha visita ao vilarejo medieval.

Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha
Uma das lindas e rústicas construções do povoado

Localização de Peratallada

Peratallada é um dos vilarejos do município de Forallac na Província de Girona, Catalunha, Espanha.

Costa Brava: Peratallada fica bem próxima da Costa Brava, que é o incrível litoral da Província de Girona.

No mapa abaixo você vê a localização de Peratallada e das principais cidades da região (e suas distâncias): Girona (40 km), Figueres (44 km) e Barcelona (136 km):

No entorno de Peratallada há outras atrações que você pode combinar no mesmo dia.

Veja abaixo as atrações mais próximas e suas distâncias até Peratallada:

  • O vilarejo medieval de Pals (o mais turístico e visitado), distante 8 km. Confira: Dicas de Pals.
  • O vilarejo medieval de Monells, distante 11 km.
  • A cidade de Begur (onde fica o Castell de Begur), distante 14 km.
  • O Castelo Gala-Dalí em Puból, distante 16 km. Confira: Triângulo Daliniano (os 3 museus de Salvador Dalí na região).

Veja o mapa de localização de Peratallada e das atrações citadas acima:

Como chegar a Peratallada

A melhor maneira de ir até Peratallada (e para explorar a Província de Girona) é alugar um carro.

Ônibus Peratallada: o único meio de transporte público para chegar no povoado é o ônibus. As linhas até Peratallada possuem poucas frequências diárias. A empresa Sarfa/Moventis possui uma linha desde Girona (a Estação de Ônibus fica ao lado da Estação de Trens, o trajeto até Peratallada dura um pouco menos de 1 hora) e linhas entre Pals e Peratallada (trajeto de cerca de 20 minutos). Desde Barcelona há linhas até Pals (trajeto de um pouco menos de 3 horas). Confirme as informações das linhas de ônibus, horários e preços no site da Sarfa / Moventis.

Agências: você encontra agências que oferecem passeios, saindo de Barcelona e Girona, que passam por Peratallada e outras atrações da região. Confira os preços e faça a sua reserva: Peratallada na Viator

A minha experiência

Nós visitamos Peratallada em um bate-volta desde Girona com carro alugado.

No mesmo dia também conhecemos Pals.

Estacionamento: no entorno de Peratallada há 2 estacionamentos principais, ambos pagos e localizados fora da cidade amuralhada. No mapa abaixo estão sinalizados os 2 estacionamentos, mas eu recomendo o estacionamento sinalizado com “A”, que fica ao lado da Iglesia de Sant Esteve e da entrada principal da cidade:

Iglesia de Sant Esteve de Peratallada. A igreja do povoado possui uma característica incomum: ela foi construída fora das muralhas defensivas. Com origens no século XII a igreja tem estilo romântico e passou por várias reformas e ampliações ao longo dos séculos. Hoje ela possui duas naves e várias capelas. Em uma das naves está o sepulcro (em estilo gótico) do Barão Gilabert de Cruilles (falecido em 1348). Após se casar com Guillema de Peratallada, Gilabert uniu duas importantes casas e se transformou em um dos maiores senhores feudais da sua época, governando até Valência. Infelizmente a Iglesia de Sant Esteve não tem horários fixos de abertura.

Iglesia de Sant Esteve de Peratallada
Iglesia de Sant Esteve, localizada fora das muralhas

Muralhas: são 3 conjuntos de muralhas (dos séculos XII e XIII) que ainda hoje fortificam a cidade.

Fosso: as muralhas são rodeadas por um fosso com vários metros de largura e profundidade.

Torre de Planta Circular Peratallada
Fosso e parte das muralhas do vilarejo

Cidade amuralhada: ao contrário de muitas cidades medievais fortificadas Peratallada pouco se expandiu para fora das muralhas. Apesar da igreja ter sido construída fora dos muros há muitos séculos atrás, ainda hoje a maioria das construções está dentro do recinto fortificado.

Significado de Peratallada: outro detalhe interessante é que o vilarejo foi construído em cima de uma rocha. Para que o fosso e a muralha fossem feitos a rocha (pedra) foi talhada (ou cortada). Daí surgiu o nome Peratallada (pedra talhada ou cortada).

Desnível: o talhamento da rocha proporcionou uma vantagem defensiva na época medieval. A cidade ficou em cima da rocha (em um nível superior de altura), deixando um desnível para invasores.

Fosso Peratallada
Detalhe da rocha talhada e do desnível (que na época medieval provavelmente era maior)
Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha
Outro ponto onde é possível observar a rocha talhada

Portal de La Virgen: a partir da Iglesia de Sant Esteve (e do estacionamento “A”) o acesso na cidade amuralhada é pela entrada principal, o Portal de La Virgen. A entrada é gratuita.

Portal de La Virgen Peratallada
Portal de La Virgen, a entrada principal do vilarejo

Roteiro: não há um roteiro fixo para percorrer a cidade amuralhada. O bacana é se encantar com o ambiente medieval e se perder nas ruas estreitas e floridas. Como a cidade é pequena não se leva muito tempo para percorrê-la (de 1 a 2 horas, dependendo do seu ritmo).

Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha Peratallada, Girona, Catalunha, Espanha

Algumas placas explicativas contam a história do vilarejo:

Peratallada, Província de Girona
Placa explicativa

Castell de Peratallada: a maior construção da cidade está localizada na praça principal. O primeiro documento oficial mencionando o castelo é de 1065, mas há indícios de que ele é mais antigo. A construção foi ampliada ao longo dos séculos, mas dois setores se destacam: o núcleo fortificado (o castelo) e um palácio em estilo gótico que foi construído em um anexo datado do século XIII.

Castell de Peratallada
Uma das construções anexas ao castelo

Desnível também no castelo: a mesma técnica utilizada nas muralhas e no fosso foi utilizada na construção do castelo. A rocha foi cortada para que o núcleo fortificado do castelo ficasse em um nível superior ao do resto da cidade. A Torre del Homenaje (que é a torre do castelo) foi feita em cima de uma pedra talhada com um desnível de 10 metros.

Torre del Homenaje Peratallada
Torre del Homenaje, localizada dentro do recinto fortificado do castelo

Casa de temporada: um detalhe bacana é que hoje o Castelo foi transformado em uma casa de temporada. Você pode ver mais fotos e até se hospedar nele: Castell de Peratallada.

Praça principal: além do Castelo na praça principal há restaurantes e o escritório de turismo (onde você pode pegar um mapa e obter mais informações do povoado).

Castell de Peratallada
Praça principal do vilarejo

Plaza de les Voltes: outra atração do povoado, a praça também era fortificada e ainda hoje possui os arcos que dão o nome à ela.

Plaza de les Voltes Peratallada
Plaza de les Voltes

Mais praças do povoado:

Peratallada, Catalunha, Espanha Peratallada, Catalunha, Espanha Peratallada, Catalunha, Espanha

Torres: algumas torres se destacam como a Torre de Planta Circular e a Torre de Las Horas (que abriga um relógio público).

Fosso Peratallada
Torre de Planta Circular nas muralhas
Torre de Las Horas Peratallada
Torre de Las Horas

Estrutura: a estrutura turística do vilarejo não é grande, mas há lojas de souvenires, cafeterias e bons restaurantes.

Verão: o movimento de turistas em Peratallada é relativamente pequeno (muito menor que em Pals, embora esteja crescendo ano a ano). Os meses de maior movimento são Julho e principalmente Agosto. Em outras épocas do ano povoado chega a ficar vazio. A minha visita foi no mês de Agosto, no pico da alta temporada (verão).

Onde ficar

Peratallada: caso você queira pernoitar ou montar base para explorar a região há algumas opções de hospedagem no vilarejo. O Hotel Aatu fica fora das muralhas, mas bem próximo da cidade amuralhada para quem estiver de carro. Eu acredito que para uma experiência medieval profunda o bacana é ficar dentro do recinto fortificado. Entre as opções estão o Hostal Blau, o El Cau del Papibou e o próprio Castelo de Peratallada. Mais opções: Onde Ficar em Peratallada.

Pals: veja também onde ficar na vizinha Pals, que possui uma estrutura turística maior e recebe mais visitantes. Confira: Onde Ficar em Pals.

Figueres: a cidade possui acesso de trem-bala desde Barcelona e uma boa localização geográfica para explorar o norte da Província de Girona. Confira: Onde Ficar em Figueres.

Girona: na minha opinião é a melhor (e maior) cidade para montar base para explorar a região. Girona é a capital da província e também possui acesso de trem-bala. Confira: Onde Ficar em Girona.

Vídeo de Peratallada

Assista ao vídeo que eu fiz de Peratallada. Inscreva-se no canal do Dicas Onde Ficar e acompanhe os novos vídeos das nossas viagens.

E você, conhece Peratallada? Tem dicas do povoado?

Ou dúvidas sobre Peratallada?

Deixe um comentário abaixo :-)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *