Como se Locomover em Amsterdam: Ônibus, Metrô, Trem, Tram

O transporte público em Amsterdam é bastante completo e eficiente, principalmente se compararmos ao transporte público tupiniquim. Lá em Amsterdam há uma excelente estrutura de tram (bonde para os nãos íntimos), ônibus, trem, metrô e balsa. Sem contar as famosas ciclovias.

O bacana é que a principal parte turística da cidade fica concentrada na região central. Se você ficar hospedado nessa área (e eu recomendo muito) quase que você não precisará de transporte público para andar em Amsterdam. Ao montar um roteiro para percorrer as atrações você verá que existem atrações que ficam uma após a outra.

É perfeitamente possível montar um roteiro em que você utilize o mínimo de transporte público para visitar as principais atrações da cidade. Foi o que aconteceu conosco. Ficamos 3 dias inteiros em Amsterdam e só utilizamos transporte público nas últimas 24 horas (sem contar o deslocamento aeroporto-Amsterdam-aeroporto).

Se você gosta de pedalar, aí dá para matar de vez o transporte público. Em Amsterdam o que mais tem (depois de turistas, janelas vermelhas e coffee shops) são bicicletas e ciclovias. Pensando bem acho que tem mais bicicletas do que janelas vermelhas e coffee shops. E é praticamente certo que durante a sua passagem por Amsterdam você quase será atropelado por uma ou várias bicicletas. Por isso tome cuidado.

Não está dando para ver direito, mas aquelas rampas ali estão lotadas de bicicletas. É um estacionamento de bicicletas:

Estacionamento Bicicletas Amsterdam

Caso você queira alugar uma bicicleta existem várias lojas, como a MacBike e a Yellow Bike. Você pode inclusive alugar uma bicicleta elétrica e até uma bicicleta híbrida, ou uma comum mesmo.

Voltando ao assunto principal, que é como andar de trem, tram, ônibus e metrô em Amsterdam, o negócio lá funciona da seguinte maneira:

O tram, o metrô, a maior parte das linhas de ônibus e a balsa são operados pela empresa GVB. Turisticamente falando, você vai usar apenas o tram para se locomover na região central da cidade. Todas as atrações centrais (o que inclui as principais atrações de Amsterdam) são acessíveis por tram (mais uma caminhada).

Olha um tram (bonde) andando por Amsterdam:

Como se Locomover em Amsterdam - Tram

Caso você adquira o I Amsterdam Card, ele dá acesso ao tram, metrô e ônibus pelo período de validade que você comprar o cartão (24, 48 ou 72 horas). Além do transporte público, o I Amsterdam dá acesso gratuito a várias atrações (principalmente museus) e descontos em muitas outras. Mas acontece que muitas pessoas, talvez a maioria, ache que o I Amsterdam não vale a pena.

Caso você não compre o I Amsterdam, a opção mais interessante é o GVB Day Card, com uso ilimitado em todos os trams, metrôs e ônibus operados pela companhia. Os passes valem por 24, 48, 72, 96, 120, 144 ou 168 horas e custam respectivamente 7,50 – 12,00 – 16,50 – 21,00 – 26,00 – 29,50 e 32,00 euros (em novembro de 2014). Foi esse que nós compramos, no último dia, o de 24 horas para fazer algumas atrações que ficavam distantes entre si.

O passe (cartão) começa a valer no momento em que você o utiliza pela primeira vez. Você pode comprá-lo nos guichês e máquinas automáticas da GVB nas estações, nos bondes com cobrador (apenas o de 24 e 48 horas) e nos ônibus com cobrador (apenas o de 24 horas).

Caso você necessite apenas de 1 ou 2 viagens no transporte público, não precisa comprar o GVB Day Card. O ticket de 1 hora custa 2,80 euros. Confira os preços e informações atuais do GVB Day Card no site da GVB. Confira também os demais tickets da GVB.

Atenção: Ao utilizar o cartão no metrô, ônibus e tram, você deve validá-lo na entrada e na saída.

O tram, o metrô e o ônibus funcionam das 06:00 até meia noite e meia. Após a meia noite e meia entram em operação os ônibus noturnos, que vão até as 07:00. Veja mais informações, horários e mapas sobre os meios de transportes da GVB.

O GVB Day Card não vale nos ônibus regionais da Connexxion e da EBS. E o mais importante, o GVB Day Card não vale para os trens. Portanto, no trajeto entre o Aeroporto Schiphol (o Aeroporto de Amsterdam) e o Centro você não poderá usar o cartão, bem como em qualquer outro trajeto de trem, mesmo entre estações que ficam dentro de Amsterdam. Estou falando de trem e não de metrô. No metrô o cartão é válido.

A principal estação de trem de Amsterdam é a Centraal (não escrevi errado não, é com dois as mesmo). Caso você chegue ou saia de trem da cidade, muito provavelmente será pela Estação Centraal. O GVB Day Card não vale para você chegar ou sair de trem da estação. Mas a estação é servida por linhas de ônibus, metrô e tram, onde você pode usar o cartão.

As linhas de tram funcionam principalmente nas imediações do Centro de Amsterdam. Caso o seu hotel não fique próximo ao Centro, verifique se há estações de metrô ou paradas de ônibus por perto, para que você possa usar o cartão para ir até a região central da cidade.

Existe um outro cartão de transporte com o estranho nome de OV-Chipkaart. Ele é bastante complicado de entender e não vale a pena para turistagem de poucos dias. Mas se você for ficar semanas, meses, anos ou o resto da vida em Amsterdam, aí compensa você adquirir um OV-Chipkaart. Veja mais sobre ele no site da GVB.

Mais uma dica sobre como se locomover em Amsterdam:

Como ir do Aeroporto Schiphol para Amsterdam

Para finalizar, outra dica interessante: utilize o site 9292.nl para calcular rotas em Amsterdam e por toda a Holanda. Ele tem até um aplicativo para celular. É muito bom.

Veja mais sobre a nossa viagem para Amsterdam:

Planejando a sua viagem: Dicas de Amsterdam: O que fazer, Roteiro, Onde ficar, Restaurantes
Amsterdam 1º dia: Red Light District, Praça Dam (Centro)
Amsterdam 2º dia: Heineken Experience, Museumplein, Passeio de Barco pelos canais, Begijnhof, Bloemenmarket, Albert Cuypmarkt
Amsterdam 3º dia: Museu Van Gogh, Anne Frank House, Cervejaria Brouwerij´t IJ, Museu Ons’s Lieve Heer op Solder – Our Lord in the Attic
Amsterdam 4º dia: Zaanse Schans – Moinhos de Vento na Holanda
Dica: Economize no Seguro de Viagem para Amsterdam
Aproveite: Hotéis com Descontos em Amsterdam

Vídeo Amsterdam:

Nós editamos um vídeo com fotos, filmagens e mais dicas sobre Amsterdam. Assista:

Dicas práticas e econômicas para a sua viagem

Cupom Desconto Viagens e Turismo

  • Cupons desconto de hotéis, seguro viagem, chip internacional, parques, etc.
  • Cupons de empresas como Hoteis.com, Easysim4u, Allianz Mondial Assistance, Seguros Promo, Real Seguro Viagem, Travel Mobile, ClickBus, parques Xcaret, entre outras.
  • Confira o artigo que reúne todos os cupons de desconto divulgados no Dicas Onde Ficar:
  • Cupom Desconto Viagem e Turismo

2 Comentários


  1. Boa tarde,

    Ótimo post! Bem explicado, porem tenho uma duvida, veja se pode me ajudar.
    Vou ficar hospedada num hotel em Katwoude, ou seja, só ônibus da linha 312/316 para ir para o centro de Amsterdã, ficarei 3 dias em Amsterdã.
    O OV-chipkaart descartavel é valido para fazer este percurso? Ou preciso obter outro tipo de cartão?

    Responder

    1. Oi Natalia, tudo bem?

      Infelizmente para esse percurso eu não sei a informação.

      Por seu uma outra cidade eu acredito que não vale.

      Abraços 🙂

      Responder

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *