O que Fazer em Valladolid, México: Roteiro, Atrações

Valladolid é uma linda e charmosa cidade colonial fundada em 1543 localizada na região central da Península de Yucatán no México.

Distante apenas 45 km de Chichén Itzá (as ruínas maias mais famosas) ela é bastante utilizada como cidade-base para conhecer as ruínas.

Mas, na minha opinião, Valladolid é uma cidade encantadora que vale ser explorada com um pouco mais de tempo e não apenas como cidade-base ou em passagens rápidas na volta de Chichén Itzá. Confira as melhores opções de hospedagem em onde ficar em Valladolid.

Veja abaixo o meu relato e dicas do que fazer em Valladolid no México. No final do artigo tem um vídeo imperdível que eu fiz das atrações da cidade.

Guia Completo de Cancún

Dicas essenciais de uma das viagens mais incríveis que eu fiz:
Cancún, Playa del Carmen, Tulum, Cozumel e região.
Receba o guia 100% gratuito e completo no seu email>

O que fazer em Valladolid (dentro da cidade):

Primeiro vamos abordar as principais atrações e pontos turísticos localizados dentro da cidade de Valladolid. No final da lista há um mapa com a localização das atrações.

Após as atrações que ficam na cidade há dicas das principais atrações e passeios nos arredores de Valladolid. E um mapa com a localização dessas atrações.

Arquitetura colonial de Valladolid

O maior charme de Valladolid é a arquitetura colonial, influenciada pelos colonizadores espanhóis, das construções espalhadas pela cidade:

Valladolid México

Parque Francisco Cantón e Iglesia de San Gervasio

A praça central de Valladolid leva o nome de Parque Francisco Cantón Rosado. A praça é linda e alterna momentos tranquilos, típicos de cidades do interior, com o movimento de turistas que passam rapidamente por Valladolid após a visita à Chichén Itzá.

Parque Francisco Cantón Rosado Valladolid

Parque Francisco Cantón Rosado Valladolid

Na foto abaixo dá para ver que há brasões da cidade nos bancos da praça. No brasão, entre outros elementos, há um gavião branco (Zaci em maia) e o título de “Ciudad Heroica” (por causa da valentia de liberais locais na luta contra o conservador governo central mexicano na década de 1850):

Parque Francisco Cantón Rosado Valladolid

Em frente à praça (e ao fundo na foto abaixo) fica a igreja principal da cidade, a Iglesia de San Gervasio (ou Servacio):

Parque Francisco Cantón Rosado Valladolid

A Iglesia de San Gervasio começou a ser construída em 1543 (junto com a cidade) e possui um detalhe curioso: no século XVIII, por conta de um assassinato ocorrido dentro da igreja, ela teve a sua fachada mudada para a direção norte.

Iglesia de San Gervasio Valladolid

Iglesia de San Gervasio Valladolid

Iglesia de San Gervasio Valladolid

É à noite que a mágica acontece.

Iglesia de San Gervasio Valladolid

É que à noite a igreja fica ainda mais linda iluminada.

Mais um bom motivo para você deixar de lado o bate-volta para Chichén Itzá e pernoitar em Valladolid 🙂

Iglesia de San Gervasio Valladolid

Com a lua ao fundo:

Iglesia de San Gervasio Valladolid

Namorando à moda antiga em Valladolid 

Iglesia de San Gervasio Valladolid
Um das muitas namoradeiras das praças de Valladolid

Iglesia de San Gervasio Valladolid

E não é só a igreja, muitas construções da cidade ficam ainda mais belas com a iluminação noturna:

Valladolid México

Ao redor da praça principal há várias construções típicas como o Palacio Municipal, sede do governo da cidade:

Palacio Municipal Valladolid México

Valladolid México

Cenote Zaci

Nós visitamos mais de 10 cenotes na Península de Yucatán e o Cenote Zaci é o único (dentre os que visitamos) que possui 2 detalhes interessantes: um restaurante na borda (onde você pode experimentar a culinária yucateca) e a localização em uma área urbana (distante apenas 2 quarteirões da praça principal de Valladolid). Para ver o relato de todos os cenotes que visitamos leia o artigo dicas cenotes México.

O nome Zaci tem origem na antiga cidade maia de Zaci que existia no local onde hoje é Valladolid. Zaci significa gavião branco e é um dos símbolos da cidade.

Clientes do restaurante não pagam para entrar no cenote. Não clientes pagam 30 pesos. A água do cenote tem a fama (e o aspecto) de suja, por isso não nadamos nele. Mas a paisagem e a facilidade de acesso compensam a visita. Veja mais detalhes do Restaurante Zaci no artigo onde comer em Valladolid.

Cenote Zaci Valladolid
Cenote Zaci
Restaurante Zaci Valladolid
Restaurante Zaci
Restaurante Zaci Valladolid
Gastronomia yucateca

Em uma área ao lado do Cenote Zaci fica uma feirinha de artesanato.

Iglesia e Parque de La Candelaria

O Parque de La Candelaria é outra praça de Valladolid, distante apenas 3 quarteirões da praça principal. Em frente à praça fica a Iglesia de La Candelaria.

O Parque de La Candelaria possui construções coloridas e um ambiente muito agradável. Ao contrário da praça central (Parque Francisco Cantón Rosado), o Parque de La Candelaria é mais frequentado pelos moradores locais e por isso ele é um oásis de tranquilidade.

Parque de La Candelaria Valladolid

Parque de La Candelaria Valladolid

Parque de La Candelaria Valladolid

Na praça há um restaurante italiano, o Casa Italia, que abre apenas para o jantar, e um café.

Parque de La Candelaria Valladolid

A Iglesia de La Candelaria infelizmente estava fechada quando fomos (no final da tarde):

Iglesia de La Candelaria Valladolid México

Casa de Los Venados

A Casa de Los Venados é uma casa-museu de propriedade particular com uma coleção de arte folk mexicana com mais de 3 mil peças, a maior coleção privada do México. Ela fica a poucos metros da praça principal.

A casa abre apenas um horário por dia, às 10:00 da manhã, para um tour guiado em inglês e espanhol. O tour é grátis, mas é sugerida uma contribuição de 80 pesos que será doada para a caridade na região.

 

Casa de Los Venados Valladolid
Foto: divulgação
Casa de Los Venados Valladolid México
Foto: divulgação

Nós ficamos com muita vontade de conhecer a Casa de Los Venados, já que ela é muito bem avaliada e recomendada, mas infelizmente não foi possível pelo horário do tour.

O único horário de abertura (10:00) atrapalha os planos de quem pernoita apenas 1 noite em Valladolid. O objetivo principal de dormir em Valladolid é ir pela manhã para Chichén Itzá, quando a zona arqueológica ainda está vazia e para evitar o intenso calor da tarde.

E foi isso que nós fizemos, dormimos apenas 1 noite em Valladolid. Para visitar a Casa de Los Venados ou você vai para Chichén Itzá à tarde ou fica 2 manhãs em Valladolid.

Calzada de Los Frailes

A Calzada de Los Frailes é a rua mais charmosa de Valladolid. Ela liga o centro da cidade (o início da rua fica a 2 quarteirões da praça principal) com o Convento de San Bernardino de Siena.

Entre o início da rua e o convento são cerca de 700 metros com muitas construções coloniais coloridas.

Vale muito a pena caminhar pela rua, até porque o Convento de San Bernardino também é uma das principais atrações de Valladolid.

Só fique atento ao horário que você pretende percorrer a rua. Valladolid é uma cidade muito quente e da hora do almoço até o meio da tarde não creio que seja um bom horário para percorrer a rua toda a pé.

Calzada de Los Frailes Valladolid
Calzada de Los Frailes de dia
Calzada de Los Frailes Valladolid
Início da Calzada de Los Frailes à noite

Convento de San Bernardino de Siena

Também chamado de Convento de Sisal ele é uma bela e histórica construção colonial datada de 1552. O convento tem origem franciscana e abrigava frades que trabalhavam na catequização do povo maia.

Hoje o local possui uma igreja, um museu e está aberto para visitas no espaço interno e externo do convento.

Convento de San Bernardino de Siena Valladolid

Convento de San Bernardino de Siena Valladolid

Na área externa há um jardim e um cenote da onde era retirada água doce (não dá para entrar no cenote).

Convento de San Bernardino de Siena Valladolid

Convento de San Bernardino de Siena Valladolid

No museu estão expostos alguns objetos que foram encontrados no interior do cenote, entre eles algumas espingardas.

Convento de San Bernardino de Siena Valladolid

Gostamos muito da visita ao convento.

O local tem um ambiente intrigante, com uma mistura de silêncio profundo, um ar de mistério e de medo.

Convento de San Bernardino de Siena Valladolid Yucatán

Convento de San Bernardino de Siena Valladolid Yucatán

Convento de San Bernardino de Siena Valladolid Yucatán

Convento de Sisal Valladolid

À noite acontece um espetáculo de luzes e imagens na fachada externa do convento, chamada de Noches de La Heroica Valladolid. Mas na época da nossa viagem os retroprojetores estavam quebrados e não havia previsão de retorno do espetáculo.

Para visitar o convento é pedido uma colaboração de 30 pesos.

Mapa de localização das atrações e pontos turísticos dentro de Valladolid:

Veja a localização das atrações descritas acima. A linha em azul é a Calzada de Los Frailes.

O que fazer nos arredores de Valladolid:

Veja abaixo as principais atrações próximas à Valladolid, para fazer em passeios bate-volta.

Chichén Itzá

Chichén Itzá México
Pirâmide de Kukulcán em Chichén Itzá

Antiga cidade maia, Chichén Itzá fica a 45 km de Valladolid. Elas são as ruínas maias mais famosas e visitadas. A dica é ir logo pela manhã para evitar o calor e a massa de turistas vindos de Cancún e da Riviera Maya que começam a chegar um pouco antes do almoço.

De Valladolid para Chichén Itzá dá para ir de ônibus, van, táxi ou carro alugado. Se você, assim como eu, for de carro alugado são 2 as opções: a Rodovia 180D que é uma autopista duplicada, com pedágio e um trajeto um pouco maior e a Rodovia 180 que é uma vicinal de pista simples, sem pedágios e com trajeto mais curto. O tempo gasto para ir até Chichén Itzá é praticamente o mesmo seja qual rodovia você escolher. Eu fui pela 180, a rodovia mais simples. Ela estava em boas condições e na ida ou na volta dá para passar no Cenote Ik Kil ou nos Cenotes em Dzitnup. Veja Aluguel de Carros Passo a Passo e Dicas Alugar Carro em Cancún e Região.

Veja os detalhes para visitar Chichén Itzá no artigo dicas ruínas Maias.

Ek Balam

Ek Balam Valladolid
Acrópole em Ek Balam

Outra antiga cidade maia, Ek Balam fica a 27 km de Valladolid. Ela é menos famosa e recebe bem menos turistas que Chichén Itzá. Mas eu gostei muito de conhecer Ek Balam. Veja todos os detalhes de Ek Balam no artigo dicas ruínas Maias.

Cobá

Cobá México
Pirâmide de Nohoch Mul em Cobá

Outra antiga cidade, Cobá possui a pirâmide mais alta da região e ao contrário da pirâmide em Chichén Itzá, é permitido subir nos degraus dela. Ela fica a 60 km de Valladolid. Caso Tulum esteja no seu roteiro, vá em Cobá a partir de Tulum que é mais perto (47 km). Veja todos os detalhes de Cobá no artigo dicas ruínas maias.

Cenote Ik Kil

Cenote Ik Kil Yucatán

Um dos cenotes mais famosos do México, distante apenas 5 km de Chichén Itzá e 40 km de Valladolid. Veja os detalhes do Cenote Ik Kil no artigo dicas cenotes México.

Cenotes em Dzitnup

Cenote X'Kekén Dzitnup
Foto: divulgação

Em Dzitnup, uma localidade muito próxima de Valladolid (7 km) fica o Parque X’Keken onde estão os cenotes X’Keken e Samula. Eu não tive tempo conhecê-los, mas dizem que são lindos. Muitos turistas vão de Valladolid para os cenotes em Dzitnup de bicicleta.

Cenote Maya Park

Cenote Maya Park
Foto: divulgação

Outro bonito cenote que eu também não tive tempo de conhecer. O Cenote Maya Park fica a 30 km de Valladolid.

Iglesia de Uayma

Tempo y Ex Convento de Santo Domingo de Guzmán Uayma Yucatán

Uayma é uma cidadezinha distante 13 km de Valladolid. No pacato centrinho do povoado fica uma pequena preciosidade: o Templo y Ex Convento de Santo Domingo de Guzmán, construído por franciscanos em 1642, queimado na Guerra das Castas no século XIX e restaurado no ano de 2004.

Iglesia de Uayma

Tempo y Ex Convento de Santo Domingo de Guzmán Uayma Yucatán

Iglesia de Uayma

Iglesia de Santo Domingo Uayma

Iglesia de Santo Domingo Uayma

Na construção do templo foram utilizadas pedras de cidades maias próximas, incluindo (segundo algumas fontes) de Chichén Itzá.

Um detalhe que pode (mas não deve) passar desapercebido na sua visita é que há pedras maias na fachada da igreja:

Iglesia Uayma México

Dá para visitar a Iglesia de Uayma com táxis a partir de Valladolid ou com o seu carro alugado. Vá pela Rodovia 79. A Rodovia 180D, autopista, não dá acesso à Uayma.

Mapa de localização das atrações nos arredores de Valladolid:

Veja a localização de Valladolid (em estrela) e das atrações nos arredores no mapa abaixo:

Dicas Valladolid México:

Eu preparei alguns artigos que vão ajudar no planejamento da sua viagem:

Na região:

Guia completo 

Video de Valladolid:

Assista ao vídeo que eu fiz das atrações de Valladolid e da região. Inscreva-se no canal do Dicas Onde Ficar e acompanhe os novos vídeos das viagens.

E você?

Conhece Valladolid no México? Tem alguma dica do que fazer na cidade?

Tem alguma dúvida para montar o seu roteiro?

Deixe um comentário abaixo 🙂

6 Comentários


  1. Fred, estou organizando minha viagem baseado nas suas indicações. Pensei em ir a Chichen Itzá partindo de Playa del Carmen e de lá passar por Valladolid e ir até o Rio Lagartos pra conhecer o Lago Rosa, tudo no mesmo dia e de carro. Acha plausível?

    Responder

    1. Oi Danilo, tudo bem?

      Eu acho que é muita coisa para o mesmo dia. São duas horas de Playa del Carmen até Chichén Itzá e duas horas de Chichén Itzá até Las Coloradas (sem contar a parada em Valladolid).

      Se a ideia é se hospedar em Rio Lagartos pode até valer a pena (só não dará muito tempo para conhecer Valladolid).

      Se a ideia é voltar para Playa del Carmen fica difícil porque seriam mais de 3 horas de viagem.

      Abraços 🙂

      Responder

  2. Fantástico sua matéria. Estou querendo associar minha visita ao dia dos mortos. Gostaria de saber se próximo dessa região de Valladolid, tem uma cidade que seja forte a celebração desse dia.

    Responder

    1. Oi Aristóteles, tudo bem?

      A festa é celebrada em todo o México, mas eu não sei te dizer se na região de Valladolid tem alguma cidade que a festa seja mais famosa.

      Abraços 🙂

      Responder

  3. Estou encantada com as matérias postadas. Por ser uma viajante que gosta de sair do trivial e buscar por lugares pitorescos fiquei muito interessada em visitar Valladolid, devido não termos intenção de alugar um carro, pretendo ir de Cancun de ônibus e ficar 1 ou 2 dias na cidade, preciso saber se você teve contato com algum guia local, pois essa cidade merece uma aula com uma pessoa que traga a história ao nosso conhecimento.
    Quero ti agradecer por nos trazer suas experiências.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *