Dicas Alugar Carro Brasil, Europa, EUA, Américas, etc

Dúvidas ao Alugar Carro
Aluguel de carro: não é fácil encontrar precisas sobre muitas questões importantes.

Alugar Carro: alugar um carro é uma das tarefas mais complicadas no planejamento da viagem.

Estudo: o aluguel de um carro no Brasil ou no exterior exige um grande estudo sobre os seguros, taxas, regras, termos, exigências e peculiaridades de cada locadora ou cada destino.

Pegadinhas: você deve ficar atento para não cair nas frustantes pegadinhas que rondam o universo do aluguel de carros.

Para facilitar a sua vida eu preparei este artigo com dezenas de dicas para você alugar o carro para a sua viagem, seja no Brasil, nos EUA, na Europa e demais cidades e países ao redor do mundo 🙂

Dicas Alugar Carro no Brasil, Europa, EUA e demais regiões e países

Continue lendo o artigo ou clique nos links para ir direto aos tópicos:

Sucesso alugar carro
Preparado para alugar o carro para a sua viagem?

Dúvidas: se após ler o artigo inteiro você ainda tiver dúvidas deixe um comentário (no final do artigo) 🙂

Dicas gerais para alugar carro

Dicas Aluguel Carro
Anote as dicas para alugar um carro

Importante

Varia entre as locadoras e os países: as regras e os termos utilizados variam de uma locadora para outra e também de um país para outro.

Geral: eu preparei este artigo com uma visão geral do assunto, mas sempre a palavra final é o contrato e os termos da sua locadora e as leis de cada país.

Atenção: portanto fique atento as regras da locadora e do país (ou destino) da sua viagem.

Melhores sites para alugar carro

Sites: os sites que eu costumo usar para alugar carros são Rentcars (atualmente o meu preferido), Rentalcars e Sixt.

Recomendo: eu preparei um artigo com o passo a passo para alugar carro nesses sites. Eu recomendo que, ao alugar o carro, você siga o passo a passo para visualizar as informações mais importantes, encontrar os melhores preços e contratar os seguros essenciais. Confira:

Dicas e relatos de Road Trips (Roteiros de Carro)

Dicas e relatos: eu já aluguei carros em dezenas de viagens no Brasil e no exterior. Aqui no blog você encontra vários artigos com dicas para alugar carro em alguns destinos específicos, além de roteiros para road trips. Confira:

Cuidado com as pegadinhas das locadoras

Pegadinhas: nós somos alvos fáceis das pegadinhas das locadoras. Imagina você retirando o carro em uma locadora no exterior após um longo e cansativo voo: você estará cansado, talvez um pouco estressado, poderá ter dificuldades com o idioma e não entende muita coisa sobre os termos e seguros do aluguel do carro.

Atendentes: os atendentes das locadoras, aproveitando a situação, oferecem vários seguros e assistências que encarecem muito o aluguel. Estressado, cansado e com medo de deixar de contratar algum item essencial, você acaba adquirindo tudo o que o atendente oferece, mesmo que alguns itens sirvam apenas para engordar o lucro das locadoras e render comissões aos atendentes.

Se puder fuja dos atendentes: algumas locadoras em alguns destinos oferecem a possibilidade de você fazer o check-in através de totens de autoatendimento (isso é comum nos aeroportos dos EUA). Algumas locadoras também permitem fazer todo o procedimento pela internet (como a Alamo com o Bypass). Dessa maneira você não precisa passar pelo balcão de atendimento e não sofrerá a pressão dos atendentes. Essas facilidades são para poucos destinos.

Surpresa: ao retirar o carro você assina o contrato e sai feliz para a sua road trip, mesmo sem ter muita ideia do que assinou. No final da viagem, na vistoria de devolução do carro, é constatada uma avaria (um risco no carro) que não foi anotada na vistoria de retirada. Mesmo você tendo a certeza de que não foi o responsável pela avaria (ela já estava no carro antes de você retirá-lo) a locadora traz a surpresa: uma conta de centenas de reais/dólares/euros por um simples risco no carro.

Comum: contratar seguros desnecessários e pagar por avarias que já estavam no carro são talvez os principais tipos de pegadinhas que rondam o universo do aluguel de carros, seja no Brasil ou no exterior. Se você fizer uma pesquisa na internet você encontrará muitos (muitos mesmo) relatos de viajantes desinformados que caíram em pegadinhas desse tipo.

Experiência própria: na pegadinha do risco eu já caí duas vezes, ambas na Europa. Na primeira vez eu tive que pagar algumas centenas de euros. Na segunda vez, como eu tinha contratado a Franquia Zero, não tive que pagar nada. Mais abaixo eu explico sobre a Franquia Zero.

Reduzir: o ideal é que você tenha um bom conhecimento sobre alugar carros, principalmente dos seguros. As chances de você cair em uma pegadinha serão bastante reduzidas.

Até o final: leia este artigo até o final. E também os demais artigos que eu recomendo. Você estará ciente das principais informações que precisa para alugar um carro.

Recomendo: ao alugar o carro siga o artigo Aluguel de Carros Passo a Passo para visualizar as informações mais importantes, encontrar os melhores preços e contratar os seguros essenciais.

Alugue o carro antes de viajar

Alugar carro com antecedência
Alugando o carro antes da viagem você encontrará os preços mais baratos, terá mais tempo para entender as principais dúvidas e reduzirá a chance de cair em pegadinhas

Antes: alugar o carro antes da viagem é muito melhor do que deixar para alugar quando você já estiver no destino. Na verdade quanto maior for a antecedência maiores serão as vantagens.

Principais vantagens de alugar o carro com antecedência: você pode pesquisar o preço em várias locadoras ao mesmo tempo (usando os comparadores), encontrar os carros mais baratos (são os primeiros a acabar) e você terá mais tempo para entender os seguros, os termos e as leis de cada país.

Preparado: nada melhor do que estudar e contratar os seguros na tranquilidade da sua casa. Ao chegar no destino você estará mais preparado para evitar as pegadinhas das locadoras.

No balcão: ao deixar para alugar o carro no destino (no balcão das locadoras) você não conseguirá pesquisar o preço de muitas locadoras, provavelmente acabará pagando mais caro e talvez seja um alvo mais fácil das pegadinhas (contratando itens desnecessários).

Tempo: sem contar o tempo perdido em resolver um assunto que você poderia já ter deixado tudo certo antes da viagem.

Sem carro: em muitos destinos é comum os carros se esgotarem nos períodos de alta temporada.

Como encontrar o menor preço no aluguel do carro

Encontrar preço barato aluguel de carro
Usando os comparadores você consegue pesquisar os preços de várias locadoras ao mesmo tempo

Comparadores: os comparadores Rentcars e Rentalcars são as melhores opções para encontrar não só o menor preço, mas também o melhor custo-benefício. Geralmente o mais barato não é a melhor opção.

Várias locadoras: os comparadores reúnem os carros de várias locadoras na mesma pesquisa, o que facilita muito o seu trabalho.

Locadoras de carros: nos comparadores você encontra os carros para alugar das locadoras mais famosas (como Budget, Alamo, Europcar, Hertz, Sixt, Avis, Localiza, Movida, Unidas, Keddy, Thrifty, National, entre outras), além de locadoras locais de cada destino.

Destinos: os comparadores reúnem os carros para alugar em milhares de destinos de centenas de países de todos os continentes (Europa, Américas, Ásia, Oceania e Austrália).

Mais barato: pelo grande volume de vendas os comparadores fazem negociações especiais com as locadoras. Frequentemente você encontra carros para alugar mais baratos do que nas próprias locadoras.

Dica: no artigo Aluguel de Carro Passo a Passo eu dou muito mais dicas para usar os comparadores Rentcars e Rentalcars, falo das vantagens e desvantagens de cada um e mostro o passo a passo para alugar o carro neles.

Como encontrar as melhores locadoras

Como encontrar as melhores locadoras de carros
No artigo Aluguel de Carros Passo a Passo eu mostro como ver quais são as locadoras mais bem avaliadas de cada destino

Reputação por destino: a reputação das locadoras varia de destino para destino.

Boa em um, ruim no outro: uma locadora que possui uma boa reputação em um destino, pode ter uma reputação ruim em outro. Por exemplo: uma locadora pode ser bem avaliada em Orlando e mal avaliada em Los Angeles.

Vantagem: nisso os comparadores apresentam mais uma vantagem, já que eles exibem as notas de avaliação das locadoras por destino.

Melhores locadoras: usando os comparadores você consegue verificar qual é a melhor locadora para o destino que você vai alugar o carro.

Locadoras pequenas: isso não é uma regra, mas muitas vezes as locadoras pequenas (locais) são as que mais colocam os turistas em pegadinhas. Por isso é essencial você verificar a reputação antes de alugar o carro.

Dica: no artigo Aluguel de Carros Passo a Passo eu mostro como visualizar as notas de avaliação das locadoras.

Entenda os seguros no aluguel do carro

Seguros Alugar Carros
Durante a reserva siga o artigo Aluguel de Carros Passo a Passo para contratar os seguros essenciais e visualizar as informações mais importantes.

Importante: entender quais são e como funciona os seguros, proteções e assistências oferecidos pelas locadoras é o item mais importante do aluguel do carro.

Fundamental para não cair em pegadinhas: é nesse quesito que a maioria dos locatários caem nas pegadinhas das locadoras.

Recuse: tenha ciência de quais são os seguros essenciais para contratar e recuse todos os demais oferecidos no balcão (pelos atendentes das locadoras) quando você for retirar o carro.

Sopa de letrinhas. Os seguros, proteções e termos oferecidos pelas locadoras são uma verdadeira sopa de letrinhas: CDW, LDW, TP, SLI, SLP, PLI, LIS, EP, CPP, ALI, TPL, PAI, PEC, etc, etc, etc.

Significado: você sabe qual é o significado desses termos acima?

Essenciais: os dois principais seguros para você contratar são a Proteção do Carro CDW/LDW e a Proteção Contra Terceiros. As locadoras oferecerão vários outros tipos de assistências, seguros e proteções (alguns podem valer a pena, outros não).

Tudo sobre os seguros: eu preparei um artigo com dicas completas sobre os seguros, proteções e assistências que as locadoras oferecem. É muito importante a leitura desse artigo. Confira:

Seguro gratuito do cartão de crédito: alguns cartões de crédito oferecem gratuitamente a Proteção do Carro CDW/LDW se você pagar o aluguel com o cartão. Esse benefício pode baratear o aluguel do carro, mas também pode te colocar numa enrascada. Como o tema é extenso, eu preparei um artigo exclusivo sobre isso. Confira:

Dica: no artigo Aluguel de Carros Passo a Passo eu explico com detalhes como visualizar os seguros nos sites de reserva e quais contratar.

Franquia no aluguel do carro / Fique atento com a vistoria

Franquia: ao contratar a Proteção do Carro CDW/LDW (o seguro do carro que você está alugando) as locadoras determinam o valor da franquia.

Responsável: se houver uma avaria no carro durante o aluguel, você será responsável pelo custo até o valor da franquia. O valor acima da franquia será coberto pelo seguro.

Pegadinhas. Essa questão da franquia está relacionada com uma das principais pegadinhas das locadoras (que ocorre em alguns destinos): o surgimento de avarias na devolução do carro.

Vistoria retirada x vistoria devolução: muitas locadoras (em alguns destinos) fazem uma vistoria superficial na retirada do carro e uma vistoria profunda na devolução. Dessa maneira podem “surgir” riscos e pequenas avarias na vistoria de devolução que não foram notadas na vistoria de retirada (mas que já estavam no carro). Eu mesmo já fui vítima duas vezes dessa prática, ambas ao alugar um carro na Europa.

Não fica barato: por um risco no carro a locadora pode te cobrar centenas de reais/dólares/euros. Você fica responsável pelo custo até o valor da franquia.

Atenção na vistoria: fique atento na vistoria de retirada do carro. Verifique se o vistoriador anotou todas as avarias que o carro já possui. Olhe minuciosamente a lataria do carro.

Franquia Zero: muitas locadoras oferecem a possibilidade de você contratar a Franquia Zero, quando você não precisa arcar com nenhum custo caso haja alguma avaria no carro, mesmo de baixo valor. Se a Franquia Zero estiver barata eu recomendo contratar.

Franquia Zero nos EUA: ao alugar um carro no Estados Unidos, na maioria dos estados, a franquia sempre é zero. Os carros alugados na Flórida (Orlando e Miami), por exemplo, possuem Franquia Zero. Nesse caso você não precisa se preocupar tanto com essa questão de vistoria e riscos. Caso haja alguma avaria (coberta pela Proteção do Carro CDW/LDW) você fica livre dos custos.

Caução no aluguel do carro

Caução: o caução é um valor bloqueado pela locadora no seu cartão de crédito no momento da retirada do carro alugado.

Garantia: esse valor é uma garantia da locadora para cobrir custos caso haja alguma avaria.

Limite: confira o caução da locadora antes de fechar o aluguel do carro. O caução usa o limite do seu cartão de crédito. Lembre-se de ter limite no cartão para o caução e também para outros gastos (o próprio aluguel do carro, passagens, hotéis, compras, restaurantes, etc).

Mais sobre franquia e caução: no artigo Seguros Aluguel do Carro eu abordo mais profundamente como funciona a Franquia e o Caução.

Dica: no artigo Aluguel de Carros Passo a Passo eu mostro como visualizar os valores da franquia e do caução nos sites de aluguel de carros (geralmente ficam escondidos).

Perda da cobertura

Termos e condições: caso haja alguma infração nos termos e condições de uso do carro alugado, determinado no contrato de aluguel, você perderá a cobertura dos seguros contratados. Todo o custo de avarias e sinistros ficará por sua conta.

Exemplos. Veja alguns exemplos que podem ocasionar a perda da cobertura: direção perigosa, dirigir acima do limite de velocidade, dirigir com nível de álcool no sangue acima do permitido por lei, carro conduzido por motorista que não está no contrato, entre outros.

Atenção: fique atento aos termos e condições do aluguel da locadora e das leis no país que você vai dirigir.

Pagamento antecipado x pagamento no destino x cancelamento gratuito

Opções: as locadoras e os comparadores geralmente dão várias opções de pagamento ao alugar um carro.

Pagamento antecipado: no pagamento antecipado (no momento da reserva online) geralmente há um bom desconto no aluguel, mas o cancelamento não é gratuito.

Limite do cartão: além do preço mais barato para alugar carro, outra vantagem do pagamento antecipado é não ter esse gasto comendo o limite do cartão durante a viagem (desde que você pague a fatura antes da viagem).

Pagamento no destino / cancelamento gratuito: reservando com o pagamento no destino (na retirada do veículo) a maioria das locadoras oferece a possibilidade de cancelamento gratuito (geralmente até alguns dias antes da viagem).

Pagamento no destino: no exterior as locadoras não dividem (parcelam) o pagamento no cartão de crédito. O valor é lançado em 1x no cartão. Já no Brasil algumas locadoras parcelam o pagamento.

Pagamento cartão de débito / dinheiro: você pode até encontrar alguma locadora que aceite o pagamento com cartão de débito ou em dinheiro. Mas a maioria aceita apenas cartão de crédito. Mesmo as que aceitam débito/dinheiro no pagamento talvez você precise de um cartão de crédito para o caução.

Cartão/locatário: as locadoras exigem que o cartão de crédito esteja no nome do locatário.

Vantagens da Rentcars no pagamento do aluguel do carro

Rentcars: atualmente a Rentcars é o meu site de aluguel de carros favorito, principalmente por oferecer algumas vantagens no pagamento.

Pagamento em até 12x: é possível parcelar o aluguel do carro em até 12x no cartão, tanto para o aluguel no Brasil quanto no exterior.

Desconto no boleto: se você preferir pagar o aluguel do carro com boleto bancário o desconto é de 5%. Nesse caso o limite do seu cartão de crédito fica livre desse gasto.

Em Reais e sem IOF: é possível pagar o aluguel de carros no exterior em Reais, sem IOF e sem a variação cambial do cartão de crédito (o que pode gerar uma boa economia).

Dica: confira mais dicas, vantagens e todos os detalhes para alugar o carro na Rentcars no artigo Aluguel de Carros Passo a Passo.

GPS Grátis com o Google Maps Offline

Não alugue o GPS: o aluguel do GPS é um dos itens que encarece o aluguel do carro, principalmente no exterior.

Google Maps no seu celular: o aplicativo Google Maps tem um recurso super interessante. Você pode baixar o mapa da região que você vai viajar no seu celular. Faça isso antes da viagem.

Offline: você conseguirá usar o mapa mesmo estando offline (sem conexão com a internet). Funcionará apenas os trajetos de carro (a pé, bicicleta e transporte público só estarão disponíveis com conexão com a internet).

GPS: o Google Maps Offline funciona como um GPS, incluindo os comandos de voz (navegação por voz).

Desvantagens. O Google Maps Offline possui algumas desvantagens em relação ao Google Maps Online: não haverá os dados reais de trânsito e nem a opção de trajetos alternativos.

Dica: antes da viagem teste por uns dias na sua cidade para você se adaptar 🙂

Expiração: os mapas baixados expiram após 30 dias. Nas configurações é possível deixá-los em atualização automática a cada 30 dias.

Como baixar e usar: veja como baixar e usar o Google Maps Offline no seu celular.

Chip de celular internacional 

Chip de celular com internet no exterior: estar conectado durante a viagem não é mais um luxo e sim uma necessidade.

Vantagens: você poderá usar as redes sociais (WhatsApp, Facebook, Instagram), pedir um Uber, acessar emails, fazer ligações (pelo WhatsApp e Skype), usar os aplicativos do seu celular (TripAdvisor, Booking, Internet Banking, etc) e fazer pesquisas (atrações, restaurantes, compras, etc).

Maps Online: com internet no celular você poderá usar o Google Maps Online (com dados reais de trânsito e opções de trajetos) ou o Waze.

Easysim4u: o chip Easysim4u é de fácil configuração, pré-pago (você já sabe quanto vai gastar) e com internet ilimitada (não precisa ficar recarregando).

140 países: há planos com internet ilimitada para mais de 140 países.

Entrega no Brasil: receba o chip no seu endereço no Brasil antes da viagem.

Todas as dicas: eu preparei um artigo com todas as dicas e com o passo a passo para comprar o chip. Confira:

Via Michelin para calcular distâncias, combustível e pedágios

Via Michelin: o Via Michelin é um recurso muito útil no planejamento do seu roteiro de carro.

Cálculos: com ele você calcula a distância e os gastos com combustível e pedágios na maioria dos países de todos os continentes (Europa, Américas, Ásia, África e Oceania).

Custo: após traçar uma rota, além da descrição do roteiro de carro, o site informa o custo estimado de gastos com combustível e com pedágios, além do tempo gasto para percorrer a rota. É uma mão na roda.

Site e aplicativo: o site Via Michelin tem versões em português de Portugal e em inglês, além de outros idiomas. Também tem um aplicativo para celular.

Quanto mais dias mais barato o aluguel do carro

Por dia: no aluguel do carro, quanto maior o número de dias, mais barato vai ficando o valor do aluguel por dia.

Roteiros longos: por isso muitas vezes é bem vantajoso fazer roteiros longos de carro, de 10, 15 ou 20 dias, ou quem sabe um mês 🙂

Retirar/devolver o carro alugado nos aeroportos

Mais caro: na maioria dos destinos as locadoras cobram mais caro pelo aluguel ao retirar e/ou devolver o carro no aeroporto.

Taxa aeroporto: as locadoras cobram a taxa aeroporto, já embutida no preço do aluguel.

Retirar o carro em uma cidade e devolver em outra

Devolver carro alugado em outra cidade
Exemplo de roteiro alugando o carro em Madrid e devolvendo em Barcelona

Comum: é muito comum montarmos roteiros de carro retirando o carro em uma cidade e devolvendo em outra.

Exemplos de road trips com carro alugado: Portugal (retirando em Lisboa e devolvendo em Porto), Estados Unidos (retirando em Orlando e devolvendo em Miami ou retirando em Las Vegas e devolvendo em San Francisco ou Los Angeles), na Espanha (retirando em Madrid e devolvendo em Barcelona), na Alemanha (retirando em Munique e devolvendo em Berlim), no Nordeste (retirando em Maceió e devolvendo em Recife), entre outros inúmeros exemplos que eu poderia dar.

Taxa de retorno: quando você devolve o carro em uma cidade diferente a locadora inclui uma taxa de retorno (já incluída no preço do aluguel). Essa taxa pode encarecer um pouco ou muito o preço do aluguel, dependendo da locadora, das cidades, das distâncias, etc.

Vale a pena: apesar de encarecer o aluguel pode valer muito a pena devolver o carro em outra cidade.

Custo-benefício: imagina um roteiro de carro alugado pela Itália, começando em Roma e terminando em Milão. Retirar e devolver o carro em Roma é mais barato do que retirar em Roma e devolver em Milão. Mas ao retirar e devolver em Roma você terá que voltar de Milão para Roma, gastando com combustível, pedágio e perdendo praticamente um dia da viagem. Nesse caso compensa pagar um pouco mais caro e devolver o carro no destino final da road trip.

Planejamento: um bom planejamento é essencial, inclusive ao comprar a passagem. No exemplo acima você já pode comprar a passagem chegando na Itália por Roma e saindo por Milão.

Fácil pesquisar: é muito fácil pesquisar, nos sites de reserva, os preços de aluguel de carro com devolução em outra cidade. Eu ensino no artigo Aluguel de Carros Passo a Passo.

Devolução em outro país: a devolução do carro alugado em outro país é uma tarefa bem mais complicada e restrita. Em alguns países da Europa algumas locadoras permitem devolver o carro alugado em outro país, mas o custo é altíssimo (geralmente não vale a pena).

Retire e devolva o carro alugado no momento certo

Planejamento correto aluguel carro
Faça um bom planejamento escolhendo o momento certo para retirar e devolver o carro alugado

Roteiro: ao montar o roteiro de carro escolha o momento certo para definir a retirada e a devolução do carro.

Cidades grandes da Europa: na Europa, por exemplo, as grandes cidades possuem um excelente sistema de transporte público. Um carro alugado em cidades como Roma, Paris e Viena, por exemplo, será um estorvo, tanto pelo trânsito quanto pelo alto custo de estacionamento. Nos EUA também não vale a pena alugar carro em cidades como Nova York, Washington, Boston e San Francisco (dentro das cidades).

Exemplo: você vai alugar o carro para fazer um roteiro na Espanha chegando por Madrid e saindo por Barcelona. Nos dias que você for explorar as cidades de Madrid e Barcelona você não precisará do carro. Portanto, não compensa retirar o carro no Aeroporto de Madrid e devolver no Aeroporto de Barcelona. Retire o carro no último dia em Madrid (no centro da cidade, perto do seu hotel) e devolva ao chegar em Barcelona (também no centro, próximo do seu hotel).

Economia. Assim você economiza duas vezes: ao alugar o carro por menos dias e ao não retirar/devolver o carro nos Aeroportos (é mais caro).

Visualizar locadoras no mapa

Mapa localização locadoras de veículos
No artigo Aluguel de Carros Passo a Passo eu mostro como visualizar as locadoras no mapa

Interessante: um recurso interessante, no caso de você procurar uma loja da locadora que fique mais próxima do seu hotel, é visualizar a localização das lojas no mapa.

Mapa com todas as locadoras: na Rentalcars é possível visualizar um mapa com as lojas de todas as locadoras nas cidades.

Dica: no artigo Aluguel de Carros Passo a Passo eu mostro como visualizar o mapa.

Cruzar fronteiras de países com o carro alugado

Cruzar fronteiras de países com o carro alugado
Exemplo de roteiro com carro alugado cruzando as fronteiras da Áustria, Alemanha, Suíça, França e Itália.

Roteiro por vários países: muito comum também na Europa é montar uma road trip passando por vários países com o carro alugado.

Regras: as regras para atravessar fronteiras variam muito entre as locadoras. Pode haver restrições para alguns países e para modelos de carros, além de cobrança de taxas e seguros extras.

Informações difíceis: não é fácil encontrar informações precisas sobre as regras de cada locadora. Apesar de aprofundar as pesquisas você acaba não se sentindo seguro sobre o tema.

Atendimento por telefone: a minha sugestão é, durante a pesquisa do aluguel do carro, entrar em contato com o atendimento telefônico da Rentcars (a ligação é aqui no Brasil e o atendimento é em português).

Informações: você pode perguntar quais locadoras, no destino que você vai retirar o carro, permitem você cruzar as fronteiras do seu roteiro. E quais são as restrições e as taxas extras.

Acompanhamento online: no artigo Aluguel de Carros Passo a Passo eu ensino como contactar o atendimento por telefone da Rentcars de uma maneira que o atendente consegue acompanhar a pesquisa que você está fazendo online.

Europa: na Europa, os países mais fáceis de alugar um carro e cruzar fronteiras (entre esses países) são: Espanha, Portugal, França, Itália, Suíça, Áustria, Alemanha, Holanda, Bélgica e Dinamarca.

Confirme: de qualquer maneira confirme a permissão de cruzar as fronteiras do seu roteiro, as restrições e as taxas extras antes de alugar o carro. E no balcão da locadora, ao retirar o carro, informe o atendente da locadora sobre o seu roteiro.

Cuidado com o horário de retirada e devolução do carro alugado

Horário: antes de reservar confira os horários de abertura e de fechamento da filial da locadora que você vai retirar e devolver o carro.

Horário restrito: é comum algumas lojas (fora de aeroportos) funcionarem apenas no horário comercial. Em algumas cidades as lojas fecham para o almoço.

Aeroportos: nos aeroportos as locadoras podem ou não funcionar 24 horas. Fique atento se o seu voo chega de madrugada.

Consulte: nos sites de reserva você consegue visualizar o horário de funcionamento das lojas das locadoras.

Cuidado com a devolução: programe-se para chegar na locadora um pouco antes do horário de devolução do carro. A penalização por atraso varia entre as locadoras. Por um atraso de uma hora você pode ser cobrado em uma diária a mais.

Devolução do carro alugado com a loja fechada

Alguns: em alguns países e regiões, como em muitas cidades nos EUA e na Europa, as locadoras permitem a devolução do carro mesmo com a loja fechada. Você deixa o carro, as chaves no local determinado e vai embora.

Vistoria de devolução: o problema é que você não acompanha a vistoria de devolução, onde o vistoriador anota as eventuais avarias que aconteceram durante o aluguel.

Avaria: caso o vistoriador anote alguma avaria o valor do conserto será lançado no seu cartão de crédito.

Presença: e como eu já disse nos tópicos anteriores, em alguns destinos as locadoras fabricam riscos mesmo com o locatário presente na vistoria. Imagina sem a presença do locatário?

Mercê: você fica a mercê da locadora. Pela internet há várias reclamações relacionadas à devolução de carros em lojas fechadas com a vistoria feita sem o acompanhamento do locatário. Se puder, evite esse tipo de devolução.

Nos EUA: nos Estados Unidos, nos locais onde a franquia é zero, não se preocupe tanto com isso.

CNH / RG

América do Sul: na maioria dos países da América do Sul você pode alugar um carro com a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e com o RG. Não é preciso a PID e nem o passaporte.

Veja os países da América do Sul onde é permitido alugar um carro com a CNH e o RG (os dois documentos juntos): Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

CNH / PID (Permissão Internacional de Dirigir) / Passaporte

Passaporte: em todos os países (exceto os da América do Sul que citei no tópico anterior) você precisará apresentar o passaporte original na locadora para retirar o carro.

CNH: uma dúvida muito comum ao alugar um caro no exterior é se o país aceita a nossa CNH (Carteira Nacional de Habilitação) ou é preciso levar a PID (Permissão Internacional de Dirigir).

PID: a PID é emitida pelos Detrans estaduais. O procedimento e os valores variam por estado. Verifique como é no seu.

PID junto com a CNH: caso você vá levar a PID note que ela não é válida sozinha. Você tem que apresentar a PID junto com a CNH. Elas devem estar válidas durante o período da locação (alguns países podem exigir um prazo extra da emissão e da validade).

Convenção de Viena: o Brasil é signatário da Convenção de Viena. Por isso a nossa CNH é válida em mais de 100 países para uma viagem de turismo (se você for ficar muitos meses no destino a regra pode ser diferente).

Recomendação: mesmo com a nossa CNH sendo válida a recomendação do Itamaraty é sempre levar a PID. Isso porque em alguns destinos há muitos relatos de locadoras mal informadas que exigem a PID e acabam não deixando retirar o carro apenas com a CNH. Também há relatos de policiais desinformados que exigem a PID e acabam causando um imbróglio.

Língua: ainda há os casos de países onde o alfabeto é complicado (Rússia e Israel, por exemplo), onde mesmo com a nossa CNH válida eles terão dificuldades de entender o que está escrito e verificar as informações.

Clichês: na minha visão a melhor coisa a fazer é ter a PID. Caso você não tenha ou não queira tirar a minha recomendação é usar a CNH para alugar carros apenas nos países clichês, onde os relatos são favoráveis ao uso da nossa CNH. Além dos países da América do Sul que citei no tópico acima, os brasileiros alugam carros em grande número e geralmente sem problemas nos EUA, Canadá, México, Portugal e Espanha. Em Aruba, Curaçao e Saint Marteen você também pode alugar tranquilamente com a CNH.

Eu levaria a PID: a maioria dos turistas não tem problemas, mas já li relatos de problemas de não conseguir alugar o carro com a CNH na França, Alemanha e Inglaterra (por causa da exigência da PID por atendentes desinformados das locadoras). Há muitos relatos de problemas na Itália, embora eu mesmo já aluguei e não me pediram a PID. Para esses países eu levaria a PID. Na verdade, como eu tenho, eu sempre levo a PID para evitar problemas 🙂

Lista dos principais países onde a nossa CNH é válida para alugar um carro em uma viagem turística:

  • América do Sul: já citei no tópico anterior.
  • América Central e Caribe: Aruba, Bahamas, Costa Rica, Cuba, Curaçao, El Salvador, Guatemala, Haiti, Honduras, Nicarágua, Panamá, República Dominicana (Punta Cana) e Saint Marteen.
  • América do Norte: Canadá, México e Estados Unidos.
  • Europa: Alemanha, Áustria, Bélgica, Croácia, Dinamarca, Escócia, Eslováquia, Eslovênia, Finlândia, França, Grécia, Holanda, Inglaterra, Irlanda do Norte, Itália, Luxemburgo, Mônaco, Noruega, País de Gales, Polônia, Portugal, República Tcheca, Romênia, San Marino, Sérvia e Montenegro, Suécia e Suíça.
  • Ásia, África e Oceania: África do Sul, Angola, Austrália, Cingapura, Indonésia, Israel, Marrocos e Nova Zelândia.

Mais países: na verdade a lista é maior, eu procurei listar apenas os principais.

Clichês: como eu disse, eu viajaria tranquilo com a CNH somente nos países clichês. A própria recomendação do Itamaraty é levar a PID em todos os países (para evitar eventuais problemas).

Japão e China: por causa das placas de trânsito em japonês/chinês, só é permitido dirigir quem tiver a habilitação local.

Documentos necessários / Idade mínima para alugar um carro

No Brasil: idade mínima 21 anos (algumas locadoras aceitam 18 anos), CNH original e definitiva com a primeira habilitação emitida há mais de 2 anos, RG, CPF e cartão de crédito no nome do locatário. Algumas locadoras aceitam, por um custo adicional, motoristas com a habilitação provisória.

No exterior: idade mínima 25 anos (em alguns países por um custo extra é possível alugar um carro com 21 anos), CNH original e definitiva com a primeira habilitação emitida há mais de 2 anos, PID (conforme relatei no tópico acima), RG ou Passaporte (conforme relatei no tópico acima) e cartão de crédito internacional no nome do locatário.

Condutor adicional

Motorista adicional: as locadoras permitem adicionar condutores no aluguel do carro. A condução do veículo, durante o aluguel, pode ser compartilhada entre os motoristas.

Extra: na maioria das vezes as locadoras cobram um valor extra pelo condutor adicional.

Contrato: é muito importante que todos os motoristas que conduzam o carro durante o aluguel estejam no contrato de locação.

Não cobre: se o carro estiver sendo conduzido por um motorista fora do contrato e houver um sinistro, os seguros perdem a validade. Muito cuidado com isso.

Categorias de carros / Upgrade

Aluguel de uma categoria: quando você aluga um carro na verdade não está alugando um carro específico e sim um carro de uma determinada categoria (grupo) de carros.

Exemplo: você alugou um Chevrolet Onix de determinada locadora. Ao retirar o carro na locadora você pega um Hyundai HB20. Isso é absolutamente normal, está nos termos de locação das locadoras. O que você não pode aceitar é um carro de categoria inferior.

Upgrade: quando você for retirar o carro e a locadora estiver sem carros disponíveis da categoria que você reservou, geralmente ela oferece um carro de uma categoria superior (upgrade de categoria) pelo mesmo preço. Isso acontece com uma boa frequência.

Pegadinha de presente: mas além do upgrade, você também pode ganhar um pegadinha.

O problema está nos seguros: o carro (do upgrade) pode até vir pelo mesmo preço (o valor do aluguel do carro em si). Mas como é um carro mais caro (categoria superior) os seguros serão mais caros do que os seguros do carro que você tinha reservado. Está formado um imbróglio.

Negocie: tente negociar com a locadora os seguros pelo mesmo preço do seguro do carro que você tinha alugado ou pelo menos um bom desconto.

Política de quilometragem

Quilometragem livre: é a política mais oferecida pelas locadoras, quando não há limite de quilômetros para rodar com o carro alugado. Essa é a política que eu recomendo.

Limite de quilômetros rodados: cuidado com algumas locadoras que oferecem aluguel de carros com limite de quilômetros rodados.

Por exemplo: 200 quilômetros livres + 0,10 centavos (de reais/dólares/euros) por quilômetro extra rodado. Durante a pesquisa o preço do carro com limite de quilômetros será menor, mas você poderá ter esse custo a mais durante a viagem. O pagamento dos quilômetros extras é feito na devolução do carro.

Custo extra: tudo bem se você for rodar pouco com o carro, mas se você for rodar bastante embuta o custo extra.

Política de combustível

Cheio-cheio: o mais comum é as locadoras oferecem o carro com a política de combustível cheio-cheio. Você pega o carro com o tanque cheio e devolve com o tanque cheio. Essa é a política que eu recomendo.

Tanque pré-pago: as locadoras vão te oferecer na retirada do carro, para a sua comodidade, você já deixar pago um tanque de combustível para você poder devolver o carro sem precisar completar o tanque.

Não vale a pena: esse tanque pré-pago não vale a pena. Primeiro porque o preço do litro da locadora será bem mais caro do que no posto de combustível. Segundo porque você não conseguirá devolver o carro com o tanque zerado. Alguns litros vão ficar no tanque (e você terá pago por eles).

Combustíveis / Como abastecer o carro

Abastecendo carro alugado
Olha eu abastecendo o carro alugado na Itália 🙂

Antes da viagem: antes da viagem, para evitar surpresas, familiarize-se sobre a nomenclatura dos combustíveis e como abastecer no país que você vai alugar o carro.

Cuidado: em alguns países o diesel é chamado de gasoil. Imagina o problema que você pode ter ao abastecer um carro à gasolina com diesel?

Abastecer: em muitos países os postos de combustíveis funcionam no sistema self-service. É você mesmo quem abastece o carro. Por isso é importante fazer uma pesquisa prévia para ir preparado para a viagem.

Pedágios

Pedágio carro alugado
Pedágio na Espanha

Pedágios: mais um item que é ideal se familiarizar antes da viagem são os pedágios no país que você vai alugar o carro.

Varia: a maneira de cobrança de pedágios pode variar muito entre os países. Veja alguns exemplos abaixo.

Self-service: em muitos países da Europa, como na Espanha e na Itália, os pedágios são self-service (não há atendentes na cabine).

Portugal: em Portugal é obrigatório ter no carro a Via Verde, um sistema de pagamento automático similar ao nosso Sem Parar. As locadoras disponibilizam nos carros alugados.

Estados Unidos: a cobrança de pedágios varia muito entre os estados e cidades dos Estados Unidos. Dedique um pouco de tempo para a pesquisa para entender como funciona na região que você vai dirigir.

Selos-adesivo: em alguns países da Europa, como na Suíça, Áustria e República Theca, não há pedágios nas rodovias. O carro deve ter um selo-pedágio (um adesivo) no vidro.

Leis e multas no aluguel do carro

Também varia: outro item que também varia entre os países são as leis de trânsito e a forma de pagar as eventuais multas.

Leis: dedique um tempo também para pesquisar as principais regras de trânsito do seu destino.

Restrições: em muitos países há restrições de circulação e de estacionamento. Isso é muito comum na Europa onde em muitas cidades apenas os moradores locais podem circular de carro no centro histórico. As faixas de estacionamento na rua podem ter cores diferenciadas identificando qual tipo de veículo pode estacionar (apenas moradores, por exemplo).

Multas: a aplicação e o pagamento das multas também varia. Há países (ou cidades) que você paga a multa diretamente para o policial que está aplicando. Em outros você deve se dirigir até um determinado local para pagar. O mais comum é a multa ser paga posteriormente pela locadora. Nesse caso ela lançará o valor no seu cartão de crédito e pode incluir taxas administrativas. Muitas vezes a locadora recebe e lança a multa no seu cartão semanas ou meses após você devolver o carro.

Itens extras

Extras: a locadora vai te oferecer diversos itens extras no aluguel do carro.

Online/balcão: o procedimento varia de acordo com a locadora. Alguns itens você consegue contratar online (durante a reserva) enquanto outros somente no balcão (na retirada do carro).

Itens: entre os itens que a locadora pode oferecer estão o condutor adicional, GPS, cadeirinhas de bebê, bebê conforto, pagamento eletrônico de pedágio, correntes de neve, etc.

Taxas no aluguel do carro

Taxa limpeza carro alugado sujo
Taxa de limpeza ao devolver o carro muito sujo

Criatividade: as locadoras podem ser bem criativas nas taxas cobradas no aluguel do carro.

Taxas: a maioria das taxas extras que uma locadora pode cobrar eu comento nos demais tópicos deste artigo. Exemplos: taxa de devolução em outra cidade, taxa aeroporto, taxa motorista adicional, taxa de idade (motorista com menos de 25 anos), tanque de combustível pré-pago, quilometragem adicional, itens extras, etc.

Impostos locais: muitas locadoras são obrigadas por leis locais a cobrarem algumas taxas como taxa de governo, taxa de combustível, taxa local, etc. Geralmente essas taxas já estão embutidas no preço do aluguel durante a pesquisa online.

Taxa de limpeza: uma taxa extra que pode surgir é se você devolver o carro muito sujo (mais sujo do que o normal). Nesse caso a locadora pode aplicar uma taxa de limpeza do carro.

Cuidado com as malas

Malas
Cuidado com o excesso de bagagem 🙂

Malas: um item que já vi muitos turistas passarem sufoco ao alugar um carro é o excesso de malas (as malas não caberem no porta-malas do carro).

Comum: isso é muito comum em viagens com 3 ou 4 pessoas no mesmo carro ou em destino de compras como Orlando, Miami, Nova York e Las Vegas.

Atenção: ao alugar um carro fique atento ao tamanho do carro/porta-malas.

Imperdível

Sites: os sites que eu costumo usar para alugar carros são Rentcars (atualmente o meu preferido), Rentalcars e Sixt.

Recomendo: eu preparei um artigo com o passo a passo para alugar carro nesses sites. Eu recomendo que, ao alugar o carro, você siga o passo a passo para visualizar as informações mais importantes, encontrar os melhores preços e contratar os seguros essenciais. Confira:

Dúvidas

Alguma dúvida sobre alugar carro no Brasil ou no exterior? Deixe um comentário abaixo 🙂

Dicas Práticas e Econômicas para a Sua Viagem:

155 Comentários


  1. Uma outra dúvida: se eu optar por um seguro junto à locadora (Sixt), ainda assim, será necessário o cartão de crédito para caução? Posso optar entre um ou outro?
    Li relatos de pessoas que não optaram pelo Seguro Total e foram cobradas por arranhões ínfimos, que elas não se atentaram no momento da retirada. Podemos gravar com o celular no momento da retirada e da devolução do carro?
    A Sixt tem Franquia Zero, vc relatou que se essa franquia estiver barata, vale a pena. Qual faixa de valor, vc considera barata?
    Obrigada!

    Responder

    1. Sim, mesmo optando pelo seguro da locadora ainda será necessário o cartão de crédito para o caução e para o pagamento do aluguel (caso seja pagamento no destino). O que é frequente é um valor de caução ainda maior quando o cliente opta pelo CDW/LDW gratuito do cartão de crédito.

      Sobre os arranhões isso é frequente na Europa e já aconteceu comigo. Você pode sim tirar fotos e gravar vídeos, mas o principal é você confirmar que o vistoriador anotou os riscos e avarias no contrato (no desenho do carro).

      Franquia zero. Exemplo 1: se a franquia do carro é 1000 euros e a franquia zero está sendo oferecida por 100 euros eu acho que vale a pena contratar. Exemplo 2: se a franquia do carro é 1000 euros e a franquia zero está sendo oferecida por 800 euros não vale a pena contratar (você já estará quase pagando o valor da franquia). O que vai influenciar bastante é a quantidade de dias de locação (quanto mais dicas mais caro ficará a franquia zero para o período).

      Abraços 🙂

      Responder

  2. Primeiramente, parabéns pela página! A troca de experiências e dúvidas nos comentários, me deixou um pouco confusa, rs. Sabe dizer se é obrigatório a entrega ou se podemos exigir um documento assinado pela locadora, comprovando que o carro foi devolvido sem nenhuma avaria? Estamos alugando um carro da Sixt pela rentcars.com, mas não encontrei a informação de que eles funcionam em “full to full”, vc que já está acostumado, eles funcionam assim mesmo? Aqui no Brasil, no ato da assinatura de um contrato, caso não concordemos com algo, podemos fazer uma obs à caneta, sabe se isso também é válido lá fora? Será a 1ª vez que alugarei carro em Portugal e li na matéria que é obrigatório ter a Via Verde, mas como saber que não serei enganada pela locadora, talvez, cobrando um pedágio pelo qual não passei? Existe alguma forma de me precaver quanto a isso? Não tenho como pagar avulso esses pedágios, como aqui?
    Sucesso pra vc e muito obrigada!

    Responder

    1. Oi Danielle, tudo bem?

      Obrigado 🙂

      Sobre o tanque de combustível quase sempre a política é full to full (cheio para cheio).

      Sobre o Via Verde é obrigatório.

      Sobre os demais itens são questões muito específicas, infelizmente não tenho detalhes e dicas.

      Você pode solicitar o atendimento por telefone da Rentcars para confirmar esses detalhes e as políticas de combustível e pedágios.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  3. Excelente portal de informações.
    Agradeço a sua disponibilidade em preparar este material.

    Meu cartão oferece o seguro CDW/LDW.
    Nesse caso tenho que fazer o aluguel direto com a empresa e não nos buscadores, correto?

    Obrigado!!

    Responder

  4. Boa tarde. Fiz uma cotação com a Budget.com.br para 16 dias na Florida e deu 800 dollares. depois fiz no bugdet.com e deu 1800 dollares. dai liguei no do brasil e o atendente falou que no do brasil o seguro ja esta incluso e que a budget consegue por terceiros aqui e por isso fica mais barato. sera que é verdade? ou vou ser cobra mais la?

    Responder

    1. Oi Leah, tudo bem?

      Fica difícil eu saber se está tudo ok com os orçamentos.

      Se você não está confiante talvez seja melhor consultar com outras locadoras.

      Você já pesquisou os preços na Rentcars? Lá você consegue um atendimento personalizado e pode comparar os preços de várias locadoras.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  5. Olá boa tarde. Excelente seu site, parabéns. Gostaria de uma informação, se possível, vou alugar um carro em Lisboa e queria saber sobre o horário de retirada do carro se existe tolerância, pois vou fazer uma conexão em Madri com horário muito apertado, portanto existe o risco de perder o voo e ter que tomar outro ocasionando atraso na chegada em Lisboa. Nesse caso, se ocorrer um atraso de horas para retirar o carro na locadora existe o risco que a reserva seja cancelada ou de alguma multa? Pretendo alugar com pré pagamento.

    Responder

    1. Oi Silvana, tudo bem?

      Essa questão pode variar bastante entre as locadoras e os destinos.

      Essa situação é comum devido aos atrasos de voos. Geralmente as companhias permitem a retirada do carro algumas horas depois da reserva.

      Mas se você quer ter certeza o ideal é entrar em contato com a locadora.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  6. Por favor, levei uma multa em Bergamo, recebi mais de um ano depois, e paguei 42,80 euros no cartão de crédito para a Avis em outubro. O que devo fazer, pagar a diferença, ou essa multa cobrada na locadora não abate do valor que estão cobrando agora.
    Eu não era a condutora, e por certo não passamos nessa cidade e rua referida, mas como fazer.

    Responder

    1. Oi Edimara, tudo bem?

      Infelizmente eu não tenho muito como te ajudar.

      Você já contactou a Alamo? Eles tem atendimento aqui no Brasil.

      Você também pode abrir uma reclamação no Reclame Aqui.

      Abraços e boa sorte 🙂

      Responder

  7. Pessoal, bom dia

    Fiz uma reserva de um carro na Suiça, meu carro nao estava disponível e ela me ofereceu outro carro “sem custo”que na realidade ficou + de 200% do valor locado, ela disse que não pagaria nada mesmo, me certifiquei com a pessoa, mas na hora de fazer a reserva do cartão de credito inclui o Upgrade do carro e o contrato só estava em Suiço. Tentei com a AVIS do Brasil e eles disseram que eu assinei o contrato. Eles não deveriam oferecer na lingua local e em ingles pelo menos o contrato.

    Me ajudem, please, aluguei um carro por 5 dias por R$ 600 e acabei pagando + R$ 1.500,00.

    Desde de já agradeço.

    abraços

    Jonas Silva

    Responder

    1. Oi Jonas, tudo bem?

      Essas situações são chatas mesmo. E nós turistas, geralmente estamos desatentos, ficamos confusos, temos problemas com o idioma e nos tornamos alvo de pegadinhas.

      Como você assinou o contrato e usou o serviço eu não sei se é possível reverter o pagamento.

      Infelizmente eu não tenho muita dicas do que você fazer. Como já tentou o contato com a Avis do Brasil e não teve sucesso, eu sugiro abrir uma reclamação no Reclame Aqui.

      Abraços 🙂

      Responder

  8. Olá! Não sei se poderá me ajudar, mas vamos lá.
    Alugamos um Carro pela sixt em Amsterdam. Na retirada não fizeram nenhuma vistoria e por inexperiência, também não fizemos. Mas aparentemente estava tudo Ok. Nada que pudesse ser percebido muito facilmente.
    Na devolução, o rapaz que recebeu vistoriou o carro e disse que estava tudo bem. Mas não nos deu nada pra assinar. Como em alguns locais a devolução é feita até sem ter ninguém pra receber, não achei tão estranho e infelizmente achamos que podíamos confiar.
    Alguns dos depois recebemos um e-mail dizendo que o carro tinha alguns danos, pedindo pra responder um questionário e que seria cobrado 950 euro pelos danos. Respondemos dizendo que não aconteceu nada com o carro em nossas mãos e que o funcionário que recebeu vistoriou e não viu nada.
    Depois de mais alguns dias, recebendo outro e-mail dizendo que já que tínhamos assumidos que nos envolvemos em acidente, tínhamos que pagar o reparo de 2x a franquia (1900 euros!!!) por 2 arranhões e um para-choque meio solto. Mandaram fotos mal tiradas, de péssima qualidade, onde não mostra nem a data da foto, nem a placa do carro.
    Impossível ninguém ter visto aquele para-choque caído!!
    Neste e-mail pediram um depósito até data X, ou cheque ou a autorizado para débito em cartão.
    Vamos responder o email pedindo mais esclarecimentos e prova de que isso aconteceu mesmo conosco pq nos informamos e isso é bem comum entre as locadoras.
    Sabe me dizer, se eu não enviar a autorização de débito, eles podem debitar mesmo assim!? Que responsabilidade de tenho de reverter esta dívida? E se eu não pagar!! 2000 euros é altamente abusivo!
    Obrigada!!!

    Responder

    1. Oi Luisa, tudo bem?

      Que situação. Infelizmente encontramos pela internet mais relatos assim, de várias locadoras.

      Pode ser picaretagem do franqueado (o dono da loja da Sixt que você locou).

      Sobre as perguntas que você deixou no final do artigo eu não sei responder. Essas questões são muito complexas e difíceis de encontrar informações precisas.

      Eu sugiro você entrar em contato com a Sixt do Brasil. Eles respondem a mensagem pelo Facebook: Facebook Sixt Brasil. Você também pode abrir uma reclamação no Reclame Aqui (A Sixt também atende por esse canal).

      Abraços e boa sorte 🙂

      Responder

  9. oi fred,
    parabéns pelo site! ajuda e muito se prevenir das armadilhas das locadoras que não são
    poucas. estou querendo alugar um carro em junho em nice, e a melhor opção me pareceu a Sixt, pois é a mais clara com relação ao seguro/proteções, que é o que pesa no final das contas. ainda assim, fiquei com dúvida sobre o valor de depósito, pois na cotação não fala sobre isso. você sabe informar um telefone da sixt no brasil?
    obrigada
    raquel

    Responder

    1. Oi Raquel, tudo bem?

      Obrigado 🙂

      Eu também gosto da Sixt pela clareza nos seguros e proteções.

      Sobre o depósito caução você consegue visualizar o valor em Rental Information (após selecionar um dos carros na pesquisa).

      Nas próximas semanas eu estarei atualizando este artigo com novas dicas (incluindo como visualizar o depósito na Sixt).

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  10. Boa Tarde, Fred!
    Gostaria de parabenizá-lo pelo blog!!
    Está sendo de grande valia para a viagem que irei fazer com minha família à Cancun em 30/04.
    Fiz como vc orientou para alugar carro…escolhi a AVIS por estar com melhor preço e pontuação de satisfação.
    Mas não consigo contratar com franquia zero….em nenhuma locadora.
    Segui todos os passos que vc indicou, mas não estou conseguindo.
    Por favor, vc pode me orientar sobre como fazer?
    Grato
    Jeferson

    Responder

    1. Oi Jeferson, tudo bem?

      Muitas vezes é difícil contratar o franquia zero online. Também dá para contratar lá na hora (ao retirar o carro). Só fique atento para ver se compensa financeiramente (muitas vezes fica caríssimo, daí não vale a pena).

      Na Sixt dá para contratar o franquia zero online para Cancún (mas geralmente não compensa porque sai muito caro).

      No final do artigo Dicas Alugar Carro Cancún eu oriento como contratar o franquia zero da Sixt.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  11. Fred,
    Excelente sua colaboração.

    Fiz reserva dia 9 em um veículo pela Rentalcars da locadora portuguesa drive on Holiday. Preço 382 reais, porém escolhendo o seguro total mais 320. Porém esse seguro total é da Rentalcars. A dúvida é: Seria melhor fazer esse mesmo ou fazer na hora com a locadora? Esse da Rentalcars é reembolso pelo que entendi caso eu tenha que arcar com a franquia
    . Se eu fizer direto na locadora o seguro franquia zero eles não vão pegar o valor do caução? Ou esse valor independe?

    Responder

    1. Oi Eduardo, tudo bem?

      A Proteção Total oferecida pela Rentalcars funciona no modo reembolso. Eu nunca contratei e usei.

      Na minha opinião a melhor opção seria pegar a franquia zero direto com a locadora (embora possa ser mais cara que a Proteção da Rentalcars, inviabilizando a contratação).

      Muitas locadoras diminuem o valor do caução ao contratar a franquia zero (mas isso pode variar dependendo da locadora). Mas sempre há um valor de caução (mesmo com a franquia zero).

      Abraços 🙂

      Responder

  12. Oi Fred… parabéns pela página e atenção com o próximo!!! Realmente este post está mais do que explicado, é muito complexo! Vou iniciar uma busca agora e qualquer coisa eu volto pra tirar dúvidas aqui, pois ainda não li todos os comentários. Desde já grata por compartilhar 😉

    Responder

  13. Ola, parabens pelo post, me esclareceu muito, ja havia alugado carro nos EUA mas pelo que estive lendo na Europa eles são bem mais chatos com relação a pequenas avarias. Nao quero ter nenhuma surpresa em meu cartão de crédito !
    No rentcar foi onde achei os melhores valores, mas ainda tenho algumas duvidas, o contrato do scdw e stw onde fico isenta de coparticipação na franquia seria como uma franquia zero? Cobriria pequenas avarias na lataria do carro?
    A descrição do produto é esta :
    Proteção SCDW + STW
    SCDW – Proteção do Veículo
    Proteção contra danos e avarias ao veículo decorrente de colisões ou acidentes. Isento de coparticipação na franquia. Limites de cobertura estabelecido em contrato de locação.

    SUPER TW – Proteção Contra Roubo
    Proteção contra roubo do veículo locado. Isento de coparticipação na franquia. Limites de cobertura estabelecido em contrato de locação.

    No email que recebi como resposta da rentcar eles dizem que não, qual seria a cobertura que teria q contratar então?
    Email:As proteções não possuem cobertura para pequenas avarias, como danos em pneus, rádio/CD Player, vidros, pára-brisa, estofamento, acessórios, riscos no veículo, mau uso e atos de vandalismo, cuja responsabilidade é do locatário. Danos causados por uso de adesivos e excesso de carga que danifiquem o veículo ou conduzi-lo em estradas não permitidas e sem condições também não serão cobertos pelos seguros.

    Responder

    1. Oi Sthefanie, tudo bem?

      Realmente na Europa as locadoras são bem mais chatinhas que nos EUA.

      As proteções SCDW e STW oferecem franquia zero, por isso são um pouco mais caras.

      Não entendi muito bem a questão do email. No email a Rentalcars está informando as proteções normais (CDW) ou a SCDW?

      A proteção CDW/LDW cobre apenas a lataria do carro. Varia entre as locadoras e destinos, mas muitas vezes pneus, vidros, estofamento e a parte de baixo do carro não são cobertos. Geralmente as locadoras oferecem uma assistência extra para pneus e vidros.

      Abraços 🙂

      Responder

  14. Bom dia. Fiz uma busca de preco pelo skyscanner e obtive um valor excelente para as datas de 5/07 a 17/07 Hyundai Accent ou semelhante com seguro contra terceiros incluso, tudo no valor de apenas 71,00 reais. Achei muito estranho, porem fui ate o final antes do pagamento e realmente se manteve assim. A locadora em questao é a MEX. Vou usar a cobertura do meu Master platinum. Alguem pode me ajudar e ver se realmente é só esse valor ou tem surpresas que não percebi?

    Responder

    1. Oi Fernando, tudo bem?

      Provavelmente esse valor se refere apenas ao aluguel do carro. A locadora vai ganhar dinheiro nos seguros. Provavelmente não inclui o seguro contra terceiros (apesar do site afirmar o contrário) e muito dificilmente você conseguirá alugar sem contratar o CDM/LDW (em Cancún é muito difícil as locadoras permitirem usar a proteção do cartão de crédito).

      Se você optar por fechar nesses 71,00 reais, vá consciente que lá na hora os valores podem aumentar (e muito).

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  15. Boa tarde, achei o ótimo texto!! Porém, fiquei com dúvida sobre qual empresa contratar, já que no aplicativo da Rentcars tem algumas opções como Rhodium, Mex, Alamo, America, Hertz, National. Procurei no reclame aqui e praticamente todas as empresas têm reclamações, principalmente em relação à cobrança indevida. Você já alugou com algumas destas que citei? Teria sugestão de qual seria mais confiável? Agradeço desde já!

    Responder

    1. Oi Bruna, tudo bem?

      Infelizmente todas as locadoras possuem reclamações. A recomendação é procurar as que possuem as melhores notas de avaliações nos sites Rentalcars e Rentcars (teoricamente a chance de ter problemas é menor).

      Dentre as locadoras que você mencionou já aluguei com a Alamo e a Hertz. Com as duas a experiência foi positiva.

      Abraços 🙂

      Responder

  16. Boa tarde.
    Recentemente estive em viagem pela Europa, alugando um carro em Munique pela Sixt.
    tenho uma dúvida quanto ao seguro, talvez você possa me esclarecer, pois o pós venda da Sixt não tem em português e está difícil eu achar uma resposta para minha dúvida.
    Aluguei um carro e paguei antecipadamente a quantia €316,89 por nove dias, o carro seria uma Mercedes (valor em conta). Mas o problema está no seguro.
    Não assinalei nada, deixei apenas o seguro contra terceiros, ou seja, não paguei por seguro.
    Na hora da retirada a atendente simplesmente não me falou nada, meu conhecimento: na retirada a locadora coloca o valor obrigatório do seguro em forma de calção no cartão, e na devolução se o carro está inteiro esse valor é cancelado.
    Na hora da retirada veio a conta total com €350 a mais de valor de seguro, mas não dei importância e nem falei com a atendente pq imaginei que esse valor retornaria.
    Na devolução o carro estava inteiro (apenas sujo) mas inteiro. No dia seguinte recebi a conta contendo as diárias, o seguro, os quilômetros que utilizei e tal. E nisso foi descontado o meu valor pago das diárias e ainda ficou €555 do seguro (!) para pagar.
    Depois disso tudo minha dúvida. Esse valor será estornado para mim após o pagamento de minha conta do cartão, ou realmente contratei errado o carro e tenho que pegar e adeus dinheiro?
    Se puder me responder agradeço.
    Qualquer coisa me envia um e-mail que te encaminho o contrato e a fatura final.
    Obrigado

    Responder

    1. Oi Eduardo, tudo bem?

      Caução é uma coisa e seguro é outra.

      Independente dos seguros que você escolher a locadora irá debitar um valor de caução no seu cartão no momento da retirada do veículo. Após a devolução, se tudo estiver ok, esse valor é estornado.

      Sobre os seguros é muito difícil conseguir alugar um carro sem contratar o seguro do próprio carro (não o de terceiros) que é o CDW/LDW. pode ser que o atendente colocou esse seguro na conta.

      A situação é bastante confusa para entender o que aconteceu, o que está sendo cobrado e se algum valor ainda vai ser estornado.

      Eu sugiro que você tente o contato através do Facebook da Sixt do Brasil (em português). Eles normalmente respondem as mensagens.

      Abraços e boa sorte 🙂

      Responder

      1. Oi obrigado pela resposta.

        Infelizmente a Sixt do Brasil ainda não me retornou mesmo por Facebook. Porém a central da Sixt me deu retorno.
        E infelizmente fui pego na armadilha da atendente malandra. Como eu não contratei seguro nenhum na hora da reserva, ao retirar o carro ela colocou todos os seguros possíveis. (Identifiquei isso no contrato após enter os seguros lendo aqui).
        Foi a falta de experiência que acabou acontecendo isso, como o contrato todo veio em alemão pouco entendi na hora, somando as horas de viagem… Estou em discussão com eles para ver se me eliminam algum seguro e me deixam apenas o LDW no meu caso (muito difícil mas talvez não impossível). Já que o primeiro carro que aluguei teve um problema e perdi uma manhã para trocar de carro. Talvez isso ajude.

        Obrigado pela resposta.

        Responder

  17. Boa tarde Fred

    Estou fechando um aluguel pela sixt e surgiu uma duvida:

    No site da própria sixt fala sobre apresentar o cartão de reserva no nome do condutor. Ou seja, que a reserva seja feita no cartão do condutor.

    Quando pedi informação para a rentcar, me falaram que poderia alugar um carro no site com um cartão de credito de terceiro, que bastava apenas ter um cartão no nome do condutor internacional para deixar de caução no momento da retirada do veiculo.

    Obs.: mesmo carro, mesma companhia, porem por meios diferentes

    Duvida: posso alugar o carro em um cartão (de uma pessoa que vai viajar junto) e apresentar o meu, que serei o condutor, para deixar como caução na retirada do veiculo?

    Muito bom seus comentários, me ajudaram muito até chegar as minhas conclusões de aluguel
    Muito obrigado

    Responder

    1. Oi Douglas, tudo bem?

      Essa é uma questão difícil de achar uma resposta precisa. Como você mesmo experienciou as informações são divergentes de acordo com a fonte.

      O melhor é levar em consideração a informação da própria locadora.

      Eu sempre alugo o carro com o cartão no meu nome (eu sou o condutor) para evitar esse tipo de transtorno.

      Abraços 🙂

      Responder

  18. Olá Fred!

    Seu site foi um verdadeiro achado em minha jornada pelo conhecimento (é quase isso mesmo tentar alugar um carro). Antes de encontrá-lo, estava pensando até em alterar meu roteiro para excluir o veículo dos planos, tantas eram as dúvidas. Contudo, ainda tenho pequenas questões pendentes: estou cotando pelo site da sixt e não consigo localizar a opção de franquia 0, o que me leva a crer que isso varia de acordo com cada localidade, certo? Além disso, o site indica “CDW deductible 1000 euros” e “TP deductible 1900 euros”, isso significa, então, que será bloqueado, a título de caução, de meu cartão, o total de 2900 euros? Esse valor acaba sendo um empecilho, pois o limite vai embora hehe.

    Obrigado novamente!

    Responder

    1. Oi Carlos, tudo bem?

      Não é fácil pegar os macetes de alugar um carro no exterior.

      Sobre a Franquia Zero ao que tudo indica a Sixt mudou o termo Franquia de Excess para Deductible. Então Deductible seria Franquia.

      O caução você encontra em “Rental Information” após selecionar um carro na pesquisa. Caução em inglês é Deposit.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  19. Bom dia Fred
    Foi o melhor blog que encontrei com uma explicação completa sobre aluguel de carro! Meus parabéns!!!! Vou alugar um carro na Holanda e estou na duvida de quais os seguros contratar, já pesquisei bastante e continuo na duvida. No site da Sixt, que é o que tem o carro que preciso, não consigo entender sobre o seguro contra terceiros, se ele já esta incluso ou se precisa de um complemento… e sobre os outros seguros, somente os essenciais mesmo, quais vc me aconselharia a contratar? alugando estes, não é necessário mais nenhum no balcão? teremos seguro viagem… e pelo que vc escreveu, franquia zero é a melhor opção, porem quando marco esta opção, o seguro para pneus e vidros não aceita marcação, é pq com esta franquia eles ja estão inclusos?
    Muito obrigado e mais uma vez parabéns pelo seu blog
    Grande abraço

    Responder

    1. Oi Marlon, tudo bem?

      Obrigado 🙂

      Eu fiz uma simulação de aluguel de carro na Holanda pela Sixt e após selecionar um veículo aparece que o Seguro Contra Terceiros (Third party insurance) já está incluído. Além do Seguro Contra Terceiros é essencial também contratar o LDW e no caso da Sixt geralmente compensa pegar com Franquia (Deductible) Zero. Esses são os principais para contratar.

      Os demais itens (assistência rodoviária, pneus, vidros) é uma questão pessoal. Se o preço estiver bom eu contrato.

      Sobre você não conseguir marcar o seguro de pneus após selecionar a franquia zero eu acredito que é um bug do site. Seleciona primeiro o item pneus para depois selecionar a franquia zero. Eu fiz assim e deu certo.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

      1. Muito obrigado Fred por responder, me ajudou muito! Só mai uma duvida, na sixt, o IVA eu pagarei no local?
        Valiosas informações…muito obrigado mesmo….

        Responder

  20. Fred, excelente pesquisa e apresentação da matéria.
    Agradeço pelo bom trabalho que você apresentou.
    Sugestão – seria útil ter informações sobre os serviços de pedágio (SunPass, SunPass Mini, PlatePass, EToll, TollPass, etc). É um item de despesa que tanto quanto você nos esclareceu sobre os seguros, os serviços de pedágio são bastante confusos, sem informações claras no site das locadoras e dão margem a “pedadinhas”.
    Parabéns !

    Responder

    1. Oi Bernardo, tudo bem?

      Obrigado 🙂

      Bem observado sobre os pedágios. Obrigado pela grande dica.

      Eu preciso atualizar o artigo com algumas novas dicas, mudanças e observações. A sua dica já está anotada aqui.

      Abraços e boas viagens 🙂

      Responder

  21. Fred, incrível o seu trabalho dividindo conosco essas informações. Muito obrigada e parabéns!

    Responder

  22. Bom dia Fred. AMEI suas dicas de viagem de cancun entre outras…. este sobre desvendar as siglas…. foi muito esclarecedor….obrigada. minha duvida, apesar de ja ter alugado carro em portugal….porem nao lembro desse detalhe, é em relacao a via verde…. todos carros possuem esse aparelho de cobrança de pedagio? Há custo adicional para obter? Como vem essa cobrança? Lembro que fui de ponta a ponta de portugal, e nunca veio a cobrança dos pedagios. E como funciona o mesmo para entrar de portugal para a espanha? Tem outro dispositivo que teria que solicitar? Vi tambem que teria que avisar a locadora da minha entrada em outros paises….tenho que informar e como faze-lo? Grata pelo seu tempo

    Responder

    1. Oi Sandra, tudo bem?

      O Via Verde (similar ao Sem Parar aqui do Brasil) pode ser oferecido gratuitamente ou com um custo adicional pela locadora. O valor dos pedágios e dos serviços (como estacionamentos) que você utilizar serão lançados no seu cartão de crédito pela locadora. Eu não sei se o Via Verde funciona na Espanha, talvez seja necessário um outro dispositivo.

      Se você pretende sair do país no qual você locou o carro o ideal é notificar com antecedência a locadora. Algumas locadoras tem filiais no Brasil com atendimento por telefone. Outras você pode contactar por chat, por email e até pelas redes sociais (o Facebook é muito utilizado para isso).

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  23. Oi Fred. Teu post é muito esclarecedor. Estou mais confiante em alugar um carro para ir de Porto a Lisboa e poder dar uma passeada entre as cidades. Procurei o site da sixt e o resultado veio com uma opção do Brasil. Não vi comentários teus a respeito do site brasileiro. Sabes de alguma novidade?
    Um abraço.

    Responder

  24. Olá Fred!
    Passo por aqui somente para agradecer e cumprimentá-lo pelo seu blog, pela sua dedicação em fornecer informações tão importantes, precisas e úteis para quem deseja alugar um carro. Aprendi muito com você.
    Parabéns também pela sua paciência em responder todos os comentários.
    Obrigado e um grande abraço!

    Responder

    1. Oi Roberto, fiquei muito feliz com o seu comentário. É sempre motivador receber comentários assim.

      Grande abraço e boas viagens para você 🙂

      Responder

  25. Boa noite Fred. Fiquei com uma dúvida.

    Com relação a rentalcars. Pelo que entendi, neste site, apenas podemos comprar reembolso total de franquia e não franquia zero, esta teria que ser comprada diretamente da companhia, confere ?

    Obrigado,

    Abraço,

    Daniel

    Responder

    1. Oi Daniel, tudo bem?

      Essa proteção oferecida pela Rentalcars surgiu depois que eu já tinha feito o artigo.

      Eu nunca usei ela, mas ao que tudo indica é contratada diretamente com a Rentalcars e funciona no modo reembolso.

      A franquia zero (quando não há reembolso) teria que ser direto com a cia (muitas vezes só sabemos o valor no momento da retirada do veículo).

      Abraços 🙂

      Responder

    1. Oi João, tudo bem?

      Geralmente é mais barato retirar o carro na cidade do que no Aeroporto (a locadoras cobram taxas de aeroporto).

      Não dá para comentar muito sobre os preços na Decolar, já que esse site não específica com detalhes os valores dos seguros. Não recomendo.

      Abraços 🙂

      Responder

  26. Prezado Fred
    Não tenho pergunta para fazer! Só gostaria de manifestar minha satisfação e admiração pela sua realização de um trabalho não só abrangente quanto aprofundado , que com certeza demandou muito tempo ,observação a detalhes, procurando contemplar amplamente os possíveis questionamentos , inclusive o enriquecendo com suas própria dúvidas , evitando ser categórico!É bom perceber nas entrelinhas que você teve o sentimento de ajudar e não só o intuito de informar! Não é comum vermos isto exposto tão gratuitamente! Com certeza também é gratificante por isso mesmo! Talvez possa ajudar com uma informação que penso ser correta: nos países que cobram o IVA (Imposto sobre Valor Agregado) e este é descontado do valor pago no momento da compra feita no cartão de credito
    por estrangeiros estando no local , o que, por exemplo é feito no Uruguai até o próximo ano – desconto esse no valor de 20% – isso poderá compensar o desconto do nosso IOF (6,8%) . Isso se aplica em pagamentos no cartão ( e não em dinheiro “vivo”) a aluguel de carros ,hoteis, restaurantes etc e também nas lojas “tax free” ( neste caso tendo que apresentar a nota e produto na aduana para posterior ressarcimento ). Acho que esta vantagem não ocorreria se o serviço contratado fosse pago aqui no Brasil . É sempre bom verificar se existe essa politica aplicada a estrangeiros ao país a que se dirige!
    Parabéns
    Enio

    Responder

    1. Oi Enio, tudo bem?

      O seu comentário é o mais gratificante que recebi desde que eu criei o blog. Me deixou profundamente emocionado. São comentários assim que me motivam a escrever artigos tão completos. Muito obrigado 🙂

      A sua dica é muito valiosa. Eu ainda não tinha notado esse desconto do IVA para o aluguel de carros no Uruguai. Eu só sabia dos hotéis e dos restaurantes. Não sei se algum outro país também oferece esse desconto para os estrangeiros.

      Em breve eu vou dar uma atualizada no artigo e acrescentar essa dica.

      Abraços 🙂

      Responder

    2. Olá Fred.
      Parabéns pelo Blog. Muito interessante.
      Sabes dizer se a isenção do IVA se aplica ao pagamento em um dos portais citados (Rentalcars, Rentcars e Sixt)?
      Obrigado.

      Responder

      1. Oi Thomas, tudo bem?

        Obrigado 🙂

        A isenção vale quando o pagamento é feito lá na hora. Provavelmente não valerá para pré-pagamentos (no momento da reserva).

        Os portais citados geralmente oferecem a possibilidade de pagar lá na hora: Rentalcars, Rentcars e Sixt.

        Abraços 🙂

        Responder

  27. Boa tarde. Amigo gostaria de uma ajuda se for possivel. Eu ontem buscando preços de aluguel de carro para cancun me deparei com uma oferta IMPERDIVEL atraves da Rentcars cujo um aluguel de 20/07/18 a 05/08/18 com as proteções inclusas (CDW – Proteção do Veículo – TP – Proteção Contra Roubo – TPL – Proteção Contra Terceiros) por apenas R$262,55 com opção de pagamento online, a locadora é a Rhodium Rent a Car e parece que eles utilizam uma parceria com a GLOBAL em Cancun. Antes de efetuar a compra eu entrei em contato com a Rentcars tanto pelo tel quanto pelo chat e em ambos os contatos fui informado que realmente é esse valor e esta tudo certo. Guardei todos os prints das telas e tambem toda a conversa do chat. Fiz a reserva, ja recebi o Voucher e consta tudo perfeitamente como deve ser.
    Você conhece alguem que ja tenha usado essa locadora? Por mais que eu tenha confirmado tudo e esta tudo ok, posso cair em uma roubada?

    Responder

    1. Oi Fernando, tudo bem?

      Eu nunca ouvi falar dessa locadora e por isso não tenho opinião sobre ela.

      Há muitos relatos de viajantes que ao chegar para retirar o carro a locadora não cumpre o valor da reserva. Muitas vezes é má fé do atendente para ganhar uma comissão.

      Convenhamos que existe um erro de valor na sua reserva. Vamos torcer para que a locadora cumpra o valor, mas no seu lugar eu também estaria mentalmente preparado para o contrário. Ainda mais que você fez uma reserva pelo Rentcars de uma locadora que repassou para outra. Se isso acontecer você terá que acionar o suporte da Rentcars (leve os prints e tudo mais) mas talvez não seja possível acionar o suporte no momento da retirada do veículo (ainda mais depois do voo, cansado, fora do país, conversando em outra língua, etc).

      Tomara que dê tudo certo. Mas como eu disse: isso aí está muito barato. Tem um erro nesse preço.

      Uma opção é você entrar em contato com a locadora antes da viagem e pedir a confirmação da reserva e do valor.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

      1. Também pesquisei preços em Cancun para setembro e vi preços assustadoramente inacreditáveis… Veículos pra 12 dias por menos de R$ 200,00 os 12 dias. E outras locadoras por mais de R$ 2.000,00. Fiquei assustado. Ainda estou fechando a viagem… mas se forem esses 200,00 mesmo, seria ótimo. Mas eu também acho estranho demais. Imagina, menos de 20,00 por dia, em uma diária? Nem o aluguel de uma bicicleta fica tão barato assim.

        Responder

        1. Oi Rodrigo, tudo bem?

          É muito barato. Tomara que seja verdade, mas pode (e deve) ser um erro no sistema da Rentalcars. Pode ser que os seguros não estejam incluídos, apesar do site da Rentalcars dizer que sim.

          Abraços 🙂

          Responder

  28. Boa noite…se eu alugar um carro em Orlando, e pagar pelo site rentacars.com todos os seguros e oferecerem franquia zero, eu sou obrigado a ter um cartão de crédito pra fazer o calção ao retirar meu veículo, pois eu não tenho cartão de crédito internacional?

    Responder

    1. Oi Felippe, tudo bem?

      Sim, as seguradoras solicitam um cartão de crédito internacional para o caução mesmo com a franquia zero.

      Abraços 🙂

      Responder

  29. Olá Fred!
    Cara, Muitíssimo obrigado pelo seu empenho e todo seu tempo gasto em elaborar este artigo excelente e em responder todas as perguntas da galera! Você está mais do que de parabéns!

    Fred, é o seguinte…
    Meu pai obviamente não leu seu blog a tempo e reservou um carro da empresa Sixt em Porto, Portugal (dia 27/10/17) através do site Holidays Auto, ele erroneamente efetuou duas reservas e percebeu o erro logo em seguida, onde ligou para a Holidays Auto que informou que teria que pagar pelo cancelamento da reserva mesmo alguns minutos depois da mesma. Até aí “tudo bem”.
    Ao chegar ao local para retirar o carro, no aeroporto de Porto, meu pai foi informado pela atendente que o seguro que ele comprou pelo site não era válido e não servia para nada. Segundo ela os seguros vendidos pelos sites de reserva de autos não são válidos e em caso de emergência não servirão para nada.

    Esta informação procede? O mesmo acontece para a RentalCars e RentCars?
    No seu artigo, no entanto, você recomenda comprá-los já pela internet. Meu pai foi enganado pela atendente da Sixt ou o quê houve?

    Eu vou reservar um carro daqui um mês nas mesmas condições e gostaria de saber como proceder para não acontecer a mesma coisa.

    Agradeço desde ja!

    Att, Rafael Jacomino.

    Responder

    1. Oi Rafael, tudo bem?

      Obrigado 🙂

      É difícil afirmar com certeza o que aconteceu sem estar completamente por dentro dos fatos, mas ao que parece o seu pai deve ter sido enganado pela atendente.

      Eu já aluguei vários carros por sites de reserva (sempre Rentalcars ou Rentcars) e os seguros são válidos. Às vezes os atendentes das locadoras são larápios e nos enganam (ou forçam) para venderem algo lá na hora e ganharem comissão.

      No caso da Sixt é bem prático reservar pelo site dela e visualizar os seguros.

      Abraços 🙂

      Responder

      1. Estou querendo alugar um carro em Orlando, e se eu pagar todos os seguros ofertados pelo site, e ter franquia zero, mesmo assim vou precisar de um cartão de crédito internacional para o calção, visto que a franquia já está zero, pois não possuo cartão internacional?

        Responder

        1. Oi Felippe, tudo bem?

          Sim, as seguradoras solicitam um cartão de crédito internacional para o caução mesmo com a franquia zero.

          Abraços 🙂

          Responder

      2. Boa noite…queria saber se o Senhor conhece alguma locadora que aceita dinheiro ao invés de cartão de crédito internacional para o calção, visto que não possuo nenhum cartão pra levar pra viagem?

        Responder

        1. Oi Felippe, tudo bem?

          Desculpa a demora em responder as suas mensagens.

          Desconheço alguma locadora que aceite o caução em dinheiro. Todas que já reservei solicitam um cartão de crédito (internacional no caso de aluguel no exterior).

          Abraços 🙂

          Responder

  30. Ótimas dicas, pena n ter lido antes. Queria tirar uma dúvida, tive um sinistro ( perda total) paguei pelos seguros na hora da contratação, mesmo assim a locadora está me cobrando a franquia do carro, é normal isso? Haja visto q qualquer seguradora comum n cobra franquia em caso d roubos, furto ou perda total?

    Responder

    1. Oi Wender tudo bem?

      No caso de aluguel de carros os seguros mais baratos (que geralmente são os oferecidos pelas locadoras) possuem franquia (incluindo em perda total e roubos).

      Quase sempre há a opção de contratar com franquia zero mas sairá bem mais caro.

      No seu caso é preciso dar uma olhada no contrato para ver se era franquia zero e se não for qual o valor da franquia.

      Abraços e boa sorte 🙂

      Responder

  31. Olá, Fred
    Ótimas dicas, grande serviço.
    Viagem a Portugal… Sobre o seguro “premium” da Europcar, via chat, informaram-me que havia proteção contra acidente a terceiros… em todas as simulações, não percebi essa cláusula. Procede a informação de que há a proteção contra terceiros? Obrigado… Abraço

    Responder

    1. Oi Paulo, tudo bem?

      Eu aluguei uma vez com eles na Europa e o seguro contra terceiros estava incluído no preço base.

      Mas eu não tenho nenhum vínculo com a Europcar e não posso confirmar essa informação. Se você ainda está com dúvida tente o contato com a empresa através de outro meio.

      Abraços

      Responder

  32. Eu também uso a Rentalcars! Porém não existe opção de recusar os seguros. Eles obrigam você a contratar CDW/LDW. Não me preocupo com a franquia.

    Mas se não recusar todos os seguros não há como usar o do cartão de crédito e pelo site não há opção.

    Só consegui recusar na Alamo Miami. Em Portugal, Italia, Argentina, Equador etc..nunca consegui.

    Responder

  33. Boa tarde estarei indo dia 09 para Los Angeles e estava a procura de um carro da Alamo e após seu post decidi alugar pela sixt porém o que vc sugere alugar direto com a empresa no site deles ou pelo rentcar,e como sei o valor do caução, pois gostaria de saber antes da viagem para se previnir

    Responder

    1. Oi Ariclenes, tudo bem?

      No site da Sixt você consegue conferir facilmente os valores do caução, da franquia e o custo para reservar com franquia zero.

      Os comparadores Rentcars e Rentalcars muitas vezes oferecem carros da Sixt mais baratos que a própria Sixt. No artigo eu explico como encontrar os valores do caução e da franquia nos sites dos comparadores, mas às vezes esses valores não são claramente especificados.

      É difícil eu indicar qual é a melhor opção para reservar. Isso varia dependendo do destino, do carro, da locadora, da época, etc.

      É preciso pesquisar nos sites e identificar por qual meio está valendo mais a pena, sempre atento aos detalhes, taxas, franquia, caução, etc.

      Abraços 🙂

      Responder

  34. Cara, parabéns pelo artigo. Ajuda muito quem está a procura dessas informações. Muito obrigado mesmo.

    Responder

  35. Olá Fred, gostaria de dar meu depoimento sobre a cobertura de bens pessoais. Anos atrás alugamos um carro pela Hertz e aceitamos essa cobertura para uma viagem pela Flórida. Pois bem, numa das paradas perdi um brinco de ouro – um só, provavelmente qdo escovava os cabelos em uma lanchonete de estrada. Fiz o boletim de ocorrência numa delegacia (na época a Hertz exigia, agora não sei) e chegando ao Brasil juntei os documentos e enviei para a empresa. Como o brinco havia sido presente eu não tinha nota fiscal, portanto incluí uma foto que comprovava a posse do objeto antes da viagem. Expliquei que havia perdido um só brinco, mas recebi um cheque no valor do par de brincos e com o dinheiro comprei um novo par na mesma joalheria. Valeu super a pena e recomendo, principalmente para quem viaja com crianças, devido à confusão com malas, sacolas, e inúmeras paradas durante a viagem. Abraços e parabéns pelo ótimo artigo!

    Responder

  36. Oi, Fred!
    Gostaria de te agradecer imensamente pois, graças ao seu texto tão rico em detalhes, contratei uma carro da Guerin, franquia zero, na Rentalcars, para 9 diárias em Portugal por 428 dólares.
    Se não tivesse lido tudo isso que vc relatou, faria um mau negócio (novamente).
    Valeu!

    Responder

    1. Oi Erika, tudo bem?

      Fico feliz que você tenha encontrado um bom preço no aluguel com franquia zero.

      Boa viagem para você 🙂

      Abraços

      Responder

      1. Neste caso, a melhor opção de contratação seria direto com a locadora? Se fizer via rentalcarvfunciona como reembolso? Isto é: debita cartão e depois seria reembolsado? Está minha dúvida. Indo para Portugal c locação de 20 dias. Grata, excelentes informações . Tirou-me de uma zona nebulosa . Só falta este entendimento. Muito obrigada.

        Responder

  37. Olá Fred, tu pode me ajudar com uma questão?
    Eu pretendo alugar em Miami e ir até Nova York e voltar para Miami. Porém tenho lido nos últimos dias sobre “Restrições territoriais”. Achei isso tão estranho. Pelo que entendi se eu saio da região do carro, pago pro cada km rodado? Tu pode confirmar para mim, por favor?

    Responder

    1. Oi Carlos, tudo bem?

      Isso vai variar de acordo com cada locadora, mas pode acontecer de que não seja permitido cruzar o país com o carro (a não ser que você alugue em um estado e devolva no outro).

      Não posso dar uma resposta precisa porque isso vai variar muito. O ideal é consultar a (s) locadoras (s).

      Abraços 🙂

      Responder

  38. Olá Fred, muito bom seu tópico, bastante detalhado. Pensei que alugar um carro era coisa fácil, já estava quase alugando pela decolar antes de ler sua página, graças a deus não o fiz. Ao me deparar com tantos detalhes e avisos sobre como alugar fiquei chocado, rs.

    Bom, estou indo a Cancún e precisarei de veículo por lá, e estou olhando as empresas que você recomendou para buscar um bom aluguel, porém não está nada fácil.

    Na rentcars ao escolher o veículo aparece o que está incluso: Plano Light KM Livre (ilimitado); Proteção do Veículo; Proteção Contra Terceiros; Taxas da Locadora; Benefícios Exclusivos Rentcars; Melhor Preço Garantido; Sem Taxa de Alteração; Pague no Destino. Até aqui okay!!
    Problema está aqui, vasculhei o site todo e não informam os valores da caução de garantia e também não foi possível ver no ato da reserva se o seguro tem franquia zero!

    Na rentalcars, o problema é também em relação à caução, na maioria dos carros básicos este é o valor cobrado, “Franquia, O carro possui Franquia de Danos no valor de US$ 2,500.00 excluindo imposto. O carro possui Franquia de Roubo no valor de US$ 2,500.00 excluindo imposto.
    Depósito no balcão, No momento da retirada, o fornecedor vai exigir um depósito entre US$ 2,500.00 e US$ 2,500.00 excluindo imposto. O depósito será devolvido no término do aluguel, desde que todas as condições foram cumpridas.” Esse valor é para um Kia Rio!!

    Contudo na rental ao adicionar o seguro total eles esclarecem que o mesmo possui, “Cobertura de Danos de Colisão (CDW), isso limita a sua responsabilidade pelos danos causados na lataria do carro, até o valor da franquia. A Franquia é o valor máximo que você teria que pagar por danos feitos na lataria, o valor é tipicamente entre R$2.098,15 e R$8.392,59. Proteção de Roubo (TP) — isso limita a sua responsabilidade se o carro for roubado, o valor é tipicamente entre R$2.098,15 e R$8.392,59.”

    A Sixt é a única com opção no ato da reserva de contratar os seguros e franquia zero, porém não consegui visualizar nada sobre o caução! Você mesmo cita que ao não saber o valor da caução e informação sobre franquia, na dúvida, não reservar!

    Estou perdido sinceramente, crê possível encontrar valores de caução menores se procurar fazer a reserva diretamente com as companhias que ali trabalham? Esses valores altos de caução e a franquia podem atrapalhar o passeio, sinceramente fiquei assustado ao perceber que não é tão simples alugar um carro!

    Responder

    1. Oi Eduardo, tudo bem?

      Desculpa a demora em responder, mas a sua questão é complexa e eu precisava de um tempo livre para me concentrar nela.

      Em alguns países, como o México, quase que é necessário fazer uma graduação para conseguir entender o aluguel de um carro.

      Rentcars: o problema é esse mesmo, a dificuldade em visualizar o caução (eu até comentei isso no artigo).

      Rentalcars: parece que foi padronizado o caução em 2.500 dólares para todos os veículos em Cancún. É um valor que pode atrapalhar a viagem porque come o limite do cartão.

      Sixt: na minha opinião, no atual momento, parece ser a melhor opção para alugar carro em Cancún. Dá para contratar facilmente a franquia zero (sem reembolso como na Rentalcars). Pelo que eu entendi dá para visualizar o caução da seguinte maneira: escolha o modelo do carro > clique em Rental Information (em Conditions) > vá até Generally. Ali há uma tabela informando o valor do deposit (caução). O caução varia dependendo do modelo do carro (a tabela divide por códigos) e da franquia contratada (excess). No momento e datas que pesquisei o modelo mais barato era o Crevrolet Aveo (código CCMR na Sixt) e o caução variava entre 834 dólares (sem contratar o LDW; o que na prática é impossível no México) e 300 dólares (contratando o LDW com franquia zero). A Sixt seria a minha escolha no atual momento e para as datas que pesquisei em Cancún.

      Será que eu consegui explicar? Qualquer dúvida é só chamar.

      Abraços 🙂

      Responder

      1. Fred, obrigado por sempre se dispor a ajudar nós marinheiros de primeira viajem! Realmente a Sixt parece bastante vantajosa em relação as demais, contudo, hoje entrei em contato com a rentcars para aclarar a dificuldade em saber o valor do caução e fiquei surpreso.

        Liguei no 0800 da companhia e de forma bastante clara a atendente me explicou tudo de forma muito clara (o atendimento foi muito bom). Segundo a mesma em companhias como a Alamo e National quando se contrata todos os seguros obrigatórios (mesmo com esses seguros inclusos o valor fica muito bom) o valor do caução é de 700 dolares. Bom, um valor bem abaixo dos 2500 da rentals.

        Provavelmente devo fechar com a rentcars, o preço de aluguel deles são até o momento os melhores entre os três sites recomendados por você para a data que eu necessito. As suas informações foram sem dúvidas de muita ajuda, se não houvesse encontrado sua page haveria entrado em uma fria sem saber!

        Muito obrigado Fred!

        Responder

        1. Que bom que tudo ficou mais claro Eduardo.

          Muito obrigado pela dica de ligar na Rentcars durante a reserva. Eu até adicionei essa informação no artigo.

          Abraços e boa viagem para você 🙂

          Responder

      2. Oi, esse foi o Post sobre aluguel de carros mais detalhado que eu encontrei… parabéns!!!
        Tive esse mesmo problema quando fui tentar alugar carro em Portugal: o caução era 1000 e poucos euros, o que ia consumir todo o valor do meu limite e não poderia comprar mais nada no cartão. Aí conversando com outras pessoas, me falaram q não era tudo isso… q seria uns 400 euros no maximo… mas na dúvida, desisti de alugar… tanto a rental como a rent cars falaram na época que teria que ver diretamente na locadora, na retirada do carro, mas aí se não tivesse limite, teria q pagar de qualquer forma a reserva… achei muito arriscado, ainda mais quando se brinca com euro rs…

        Responder

        1. Oi Renata, tudo bem?

          Obrigado 🙂

          Temos que ficar atento com todos os detalhes para evitar imprevistos. É comum o caução de 1000 euros ou mais. Esse valor pode comer o limite do cartão.

          Abraços 🙂

          Responder

  39. Oi Fred,
    Adorei o seu blog,muito bm todo os seu estudo e detalhamento sobre locacao de carro.
    Estou indo para Orlando, e esse ano os alugueis de carros estao muito puxados por conta do valor do dolar.Iremos passar 21 dias lá com carro e achei uma boa opcao fazer pela rentcars um aluguel para um carro SUV da SIXT. O valor esa bem mais barato. Como quero contratar tocos os seguros , fiquei na duvida sobre os seguros sendo oferecidos no site da rentcars, serem os mesmos seguros que sao ofereceidos diretamente pela SIXT. No site da rentcars tem
    LDW+SLI, e eu quero todos os seguros que vc mencionou no seu blog menos o de acidente pessoal. Muito obrigada pela ajuda

    Responder

    1. Oi Denise, tudo bem?

      Muitas vezes o comparadores (como o Rentcars) oferecem preços melhores que os da própria locadora.

      Os seguros LDW e SLI são os principais (itens 1 e 2 das siglas que explico no artigo). O LDW é o seguro do próprio carro enquanto o SLI é o seguro que cobre os danos que você causar contra terceiros.

      Além desses dois você pode avaliar a contratação de uma assistência (cobertura de pneus, vidros, pane seca, pane elétrica, etc).

      Como você vai alugar em Orlando provavelmente a franquia é zero.

      Ao que tudo indica os seguros oferecidos na Rentcars nesse caso são os da Sixt.

      Abraços 🙂

      Responder

  40. Olá Fred, muito útil o seu Blog. Sempre usei seguro do meu cartão de crédito e agora caí na real com os riscos que corri.
    Há um mês viajei para Toronto conheci o ZIPCAR muito usado pelo meu sobrinho que mora lá. Os carros ficam estacionados pela cidade e podem ser alugados por horas ou dias. É necessário que você esteja cadastrado na Zipcar e possua o cartão tag para destravar as portas. Dentro do carro, que já possui seguro total, estão as chaves e cartão de crédito para abastecimento. Quem paga o combustível é a locadora. Um híbrido Prius da Toyota custava 9 dólares canadenses a hora sendo que 6 horas já valem uma diária. Não tem inspeção de retirada nem na hora da entrega. Achei simplesmente fantástico.

    Responder

    1. Oi Carlos, tudo bem?

      Fantástico mesmo. Eu não conhecia, mas achei a ideia demais.

      O futuro será baseado no compartilhamento, não só de carros, mas de muitas outras coisas também.

      Abraços e obrigado pela dica 🙂

      Responder

  41. Bom dia, seu blog e suas dicas são excelentes,sempre tive dúvidas nessa área,msm ja tendo alugado carro no exterior,mas enfim,vou em breve para o Canadá e os valores de seguro na locação estão ficando im absurdo,acabdi me deparando com a empresa Turo ,pelo que entendi é tipo um Airbnb de carros,rsrs,e ja com seguro total , muito menos complicado do que uma locadora comum, você ja ouviu falar a respeito,ou ja utilizou, muito obrigado

    Responder

    1. Oi William, tudo bem?

      A ideia da Turo é muito boa, mas nunca utilizei e nem pesquisei profundamente sobre ela. Infelizmente não tenho muito o que comentar sobre a Turo.

      Se um dia você usar passa por aqui e deixa um relato.

      Abraços 🙂

      Responder

  42. Boa tarde Fred, td bem?
    Parabéns pelo texto, muito bem explicado. Estou começando a alugar carros no exterior e a franquia e caução em alguns casos são muito caras, então estou procurando entender melhor as condições gerais dos contratos das locadoras.
    Minha dúvida é com relação a alugar o carro pelo site da rentalcars ou usar o site da rentalcars para descobrir quais locadoras tem o melhor preço e alugar no site da locadora. Pelo que eu verifiquei no site da rentalcars na maioria das vezes o seguro incluso na reserva do veiculo é o seguro básico (e a opção de proteção total é um seguro por reembolso funcionando de forma semelhante ao cartãod e crédito), para reduzir a franquia ou ficar isento da franquia eu tenho que fazer essa contratação no balcão da locadora e corro o risco de pagar mais caro lá na hora. Enquanto que alugar diretamente no site da locadora, assim como no caso da sixt, eu consigo reduzir ou ficar isento da franquia por um preço menor do que no balcão da locadora. Na sua opinião é melhor reservar pelo site rental cars ou alugar pelo site da locadora com o melhor preço? Grato

    Responder

    1. Oi Eduardo, tudo bem?

      Eu sei que você deseja uma resposta objetiva, mas acredito que não seja possível.

      Essas questões variam não só de locadora para locadora, mas também variam em países diferentes na mesma locadora.

      Na minha opinião o ideal é não contratar nada que seja por reembolso. Por isso eu gosto da Sixt, que pelo site dá para contratar a Franquia Zero direto com a locadora. Mas mesmo a Sixt tem alguns países que o seguro fica caríssimo, enquanto em outros é bem barato. Varia muito de acordo com o destino.

      O negócio é pesquisar mesmo, até achar a opção com melhor custo-benefício.

      Para qual país você vai viajar?

      Abraços 🙂

      Responder

      1. Oi Fred obrigado pela resposta. Eu sempre aluguei carro aqui no Brasil, e nas viagens no exterior usei transporte público ou companhias low cost, em agosto viajo com meus avós para Portugal que tem parentes no interior do país e chegar de carro é a melhor forma. Após ler o seu texto eu cancelei um carro que havia alugado contratando o seguro por reembolso e optei por alugar na Sixt que estava com o preço excelente incluindo o seguro de isenção da franquia cdw. No final do ano vou para Australia e Nova Zelandia, também vou alugar carro nos 2 países, lá já é mais complicado, a franquia do seguro e até a calção é aproximadamente 4000 dólares australianos (quase 10.000 reais) na maioria das locadoras, para não ficar com o limite do cartão tomado pela caução eu estou pesquisando no site das locadoras quais eu consigo alugar o carro com caução e franquia reduzida já contratada assim como no site da Sixt para evitar chegar no balção da locadora e ter q pagar muito caro pela redução da franquia. Abraço.

        Responder

        1. Na Europa eu já usei algumas vezes a Sixt com o seguro com preços bem bacanas. Nos EUA também.

          Esse caução da Austrália e Nova Zelândia realmente está demais. Se você achar uma opção bacana deixa o relato aqui para outros viajantes lerem.

          Abraços 🙂

          Responder

          1. Vou tentar contribuir com informações sobre aluguel de carro na Austrália, Nova Zelândia e sobre pesquisas que estou fazendo recentemente, pois só estou conseguindo extrair informação de páginas em inglês.
            Na Austrália a franquia básica do seguro CDW vai de 3500AUD até 5000 AUD (AUD =dollar australiano), é possível baixar ou isentar a franquia no site de algumas locadoras de veículos, outras só dão essa opção no próprio balcão da locadora, uma coisa muito importante é ler o contrato de cada locadora, pois quase todas restringem a utilização do carro principalmente no Outback, Território Norte e algumas também não permitem que você pegue embarcações (ferry) com o carro alugado. No site da rental cars eu descobri que é possível alugar carro com franquia reduzida na locadora Thrifty da Australia, funciona da seguinte forma, após simular aparece o carro dessa locadora com um valor e o seguro cdw incluso com franquia de 4000 AUD, e na mesma pesquisa aparece o mesmo carro com o valor mais caro e a franquia reduzida para 500 AUD.
            Já na Nova Zelândia a franquia também é alta, não vi tanta restrição para dirigir o veiculo quanto na Austrália, exceto no inverno onde as locadoras tem também um contrato de inverno ou clausulas de restrições aplicadas ao carro alugado durante o inverno. A maioria dos turistas chegam ao país por Auckland no norte do país, e é muito comum alugar um carro ou motorhomeo para ir até o sul e devolver o carro no sul. Para compensar essa pratica, as locadoras oferecem “relocações” que é pegar esses veículos entregues no sul do país em Christichurch ou Queenstown e oferecer por 1 usd por dia para que você leve o veículo de volta até Auckland. Para conseguir essas ofertas é só entrar no site das locadoras e procurar pelo menu “relocations”.

            Quanto as opções de locadoras, a Jucy e Ace Rental cars estão me dando os melhores preços em carros com seguro isentando a franquia do seguro CDW (reservando no site delas), as avaliações na página do Google e rentalcars é positiva (não chega a ser excelente), me pareceram ser um bom custo benefício. Depois da viagem em Novembro posso acrescentar um pouco mais sobre a locação de carro nesses países.

            Abraços


          2. Eduardo, muito obrigado pelas suas dicas.

            Vai ajudar muita gente.

            Boa viagem para você e se puder compartilhe mais dicas depois.

            Abraços 🙂


  43. Parabéns pela matéria, muito útil.
    Gostaria de saber se você sabe dizer o que é “Reembolso da franquia com super cover” seria a mesma coisa que franquia zero? Vi isto em alguns sites de aluguel de carros.
    Obrigado pela ajuda.

    Responder

    1. Oi Silene, tudo bem?

      Obrigado 🙂

      Eu pesquisei esse termo e vi que ele pode ter significados diferentes dependendo da locadora.

      Para algumas locadoras o Super Cover inclui no seguro itens que geralmente não são cobertos no seguro básico como rodas, vidros, teto, a parte de baixo do carro, etc.

      Para outras locadoras o Super Cover oferece um valor reduzido da franquia, podendo até ser uma franquia zero.

      Caso você queira informar qual cia. está querendo alugar um carro eu tento descobrir o significado do Super Cover nessa cia.

      Abraços 🙂

      Responder

  44. Boa tarde,

    Muito boas suas dicas, ajudam muito!! Parabens.
    Vou fazer uma viagem pela California, e preciso pegar o carro em São Francisco e devolver em San Diego.
    Pela Six não consigo devolver me San Diego, acho que eles não tem lojas lá. Então procurei no site da Rentalcars e Rentcar. O aluguel pela Alamo sai por volta de R$ 1.800,00, porém quando vou direto pelo site da Alamo, o valor chega por volta de R$ 2900,00. Fiquei muito com o pé atrás por causa dessa diferença absurda de preço.
    Você sabe me dizer se isso é normal??

    Responder

    1. Oi Carolina, tudo bem?

      É isso mesmo. Essa á grande vantagem dos comparadores. As próprias locadoras colocam preços especiais nos comparadores por causa da concorrência.

      Só fique de olho nos extras (seguros, taxas, etc). Pode ser que no site da Alamo já inclua todos os seguros e no site da Rentalcars e Rentcars não.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  45. Boa noite Fred, primeiramente parabéns pelo seu site, como muitos aqui já comentaram, muito completo e com dicas muito úteis.

    Estou com dúvida, vou tomar como exemplo o site da RentalCars.

    Qual a diferença entre a “Franquia” e o “Depósito no Balcão”?


    Franquia
    O carro possui Franquia de Danos no valor de US$ 2,500.00 excluindo imposto.
    O carro possui Franquia de Roubo no valor de US$ 2,500.00 excluindo imposto.

    Depósito no Balcão

    No momento da retirada, o fornecedor vai exigir um depósito entre US$ 2,500.00 e US$ 2,500.00 , excluindo imposto. O depósito será devolvido no término do aluguel, desde que todas as condições foram cumpridas.

    A princípio eu entendi que o depósito no balcão serviria pra pagar a franquia, caso acontecesse algum dano no veículo.
    Mas dá pra entender também que em caso de dano terei que pagar o valor da franquia, e ainda se porventura acharem que “algo não estava de acordo com alguma condição” pagar ainda mais o depósito no balcão?

    Aí ainda tem a parte que diz contrate a proteção total do site Rentalcars:


    Proteção Total …para uma viagem sem estresse

    No balcão, o fornecedor do carro irá bloquear um depósito no seu cartão de crédito. Você pode perder esse depósito se o carro for danificado ou roubado, mas desde que você tenha a nossa Proteção Total, nós iremos te reembolsar! Por que pagar mais pela cobertura oferecida no balcão do fornecedor?

    Pelo que está escrito aí em cima, entendo que o “depósito no balcão” servirá pra pagar a “franquia”, mas por ter contratado esta opção o site irá me reembolsar este valor, ou seja, na prática é como se fosse uma “franquia zero” (isto porque apesar de pagar, serei reembolsado posteriormente). É isso mesmo? Fiquei bem confuso.

    Se puder me ajuda a esclarecer estas dúvidas, obrigado.

    Nereu

    Responder

    1. Oi Nereu, tudo bem? Obrigado 🙂

      No meu entendimento e nas experiências que eu já tive, na minha compreensão funciona assim:

      O depósito balcão (caução) serve como uma garantia caso haja alguma avaria no carro. A franquia é valor que você será responsável em caso de avaria. O valor acima da franquia será coberto pelo seguro.

      O caução será devolvido no final, mas desde que tudo esteja ok. Se o caução for de 3.000 e houver uma avaria de 1.000, apenas 2.000 serão devolvidos. Se avaria for de 5.000 o caução não será devolvido e você ainda terá que arcar com 2.000. Mas não há duplicidade, o caução serve para garantir a franquia.

      Já a Proteção Total é como se fosse uma franquia zero, é isso mesmo que você entendeu. É feito um caução para garantir um pagamento caso aconteça uma avaria e você esteja fora dos termos (dirigindo alcoolizado, motorista que não esteja no contrato, multas, etc). Se você contratar a proteção total, houver uma avaria e tudo esteja ok com os termos, o caução será devolvido e você não terá que arcar com os custos da avaria. Aconteceu isso comigo na semana passada: devolvi o carro com uma avaria (quando retornei ao carro estacionado havia uma pequena avaria nele), não tive que arcar com nada e o caução foi devolvido.

      Será que consegui explicar bem? Ficou alguma dúvida?

      Abraços 🙂

      Responder

  46. Olá Fred,
    Ótimo artigo.
    Tenha uma super dúvida, estou indo setembro para orlando e ainda não tenho 25 anos (24 e 10 meses rs), quero alugar um carro na sixt e não encontrei no site deles nada que mencione o valor adicional para condutores abaixo de 25 anos. Vc sabe dizer se ele cobram esse adicional?

    Responder

    1. Oi Juliana, tudo bem?

      Se no dia da retirada você já tiver 25 anos não tem problema.

      Eu simulei uma pesquisa para setembro em Orlando no site da Sixt.

      Após escolher um modelo de carro na tela seguinte, no lado esquerdo, há uma mensagem dizendo que a idade mínima é de 25 anos.

      Lendo sobre o Rental Information lá no site diz que na maioria dos locais a idade mínima é de 21 anos e que há suplemento extra. Só que realmente não fala quais são os locais e qual o valor do suplemento. Acredito que o suplemento varie de acordo com o modelo e com o destino.

      Talvez se você tentar o contato enviando uma mensagem pela Fan Page da Sixt Brasil você consiga essa informação.

      Abraços 🙂

      Responder

  47. Oi, tudo bom? Cara, muito bom seu blog mas me tira uma dúvida kk o Sixt também pede um calção? se sim, existe algum lugar onde não pede, ou não é um valor tão alto?
    Desde já agradeço!

    Responder

    1. Oi Henrique Castello, tudo bem?

      É padrão as locadoras exigirem o caução. É uma garantia para elas no caso do veículo sofrer danos. Desconheço uma seguradora que não peça.

      O valor do caução sofre muitas variáveis: modelo do veículo, destino e seguradora. Numa mesma seguradora o valor do caução pode variar bastante dependendo do modelo e do destino.

      O negócio é pesquisar mesmo, até tentar encontrar um valor menor (em alguns destinos é difícil).

      Abraços 🙂

      Responder

  48. Olá Fred,
    Muito bom o seu blog, parabéns. Será que você podia me tirar uma dúvida? Se, por exemplo, eu usar o site da Rentalcars e, através dele alugar um carro na Sixt com franquia zero, se eu tiver uma colisão eu tenho de pagar a franquia padrão à Sixt na hora da devolução e depois pedir o reembolso à Rentalcars ou posso simplesmente devolver o carro batido à Next, virar as costas e ir embora?
    Obrigado pela resposta,
    Abraços,
    Jonas

    Responder

    1. Oi Jonas, tudo bem?

      Obrigado 🙂

      Desculpa a demora em responder, mas eu estava viajando.

      Isso pode variar de acordo com a locadora e o país, mas é praticamente certo que você devolve o carro e vai embora tranquilo.

      Isso ocorreu comigo ontem, acredita? Devolvi o carro com uma colisão (bateram enquanto estava estacionado) e eu havia contratado o seguro com franquia zero.

      Por isso eu recomendo que sempre que for financeiramente viável contratar com franquia zero.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  49. Oi Fred! Estou cotando a mesma categoria de automovel no rentcaris e no site da alamo, com os mesmos seguros, e o preco do rentcars está 60% abaixo do valor da alamo, mesmo sendo da alamo também o carro selecionado no rentcars. Estou com medo de cair em alguma pegadinha, o rentcars está oferecendo um carro básico com protecao contra roubos e protecao contra terceiros por 600 reais para 6 dias de locação… Eu teria que contratar algum seguro adicional na loja, no momento da retirada?

    Responder

    1. Oi José Carlos, tudo bem?

      Desculpe pela demora em responder, mas eu estava viajando 🙂

      A vantagem dos comparadores (Rentcars e Rentalcars) é que muitas vezes eles oferecem preços melhores que os das locadoras.

      Os seguros essenciais para contratar é o da Proteção do Veículo/CDW-LDW (que inclua roubo) e o Contra Terceiros, que parecem ser exatamente o que você está relatando.

      Sempre que possível eu recomendo contratar com franquia zero. Ontem mesmo eu retornei de uma viagem na qual eu aluguei um carro. Um dia deixei o carro estacionado e quando retornei haviam batido levemente nele amassando a porta e a lataria. Ainda bem que eu tinha contratado a proteção com franquia zero, senão o prejuízo tinha sido de pelo menos 1 ou 2 mil reais.

      Se online você não tiver como contratar com franquia zero pode ser oferecido para você na hora da retirada. Veja se o valor é viável. Serão oferecidos outros seguros e assistências. No artigo eu explico o que são pegadinhas e o que pode valer a pena.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  50. Oi, Fred, muito bom seu blog! escrevi esse comentário em outro post, mas não me recordo qual rs. É que vamos com carro alugado para playa del carmen e as opções de hotel que mais nos agradaram não têm garagem. Gostaríamos de saber se vc viu estacionamentos que funcionem o dia todo e onde possamos deixar para pernoite. Já mandamos emails para os hoteis, mas eles não respondem. Obrigado!

    Responder

  51. Oi Fred!
    Estou de volta, tenho uma outra dúvida. Acabo de descobrir que meu cartão de crédito oferece seguro LDW para aluguel de automóvel. Por um lado acho a notícia boa porque reduziria bastante o valor do aluguel. A seguradora Mex (para Cancun), oferta aluguel apenas com PLI por preços bastante atrativos. Mas fico inseguro imaginando se terei problemas no momento da retirada do veículo, como a recusa, pela locadora, de meu seguro do cartão. Isso pode acontecer, será que é recorrente?
    Obrigado!

    Responder

    1. Oi Eduardo, tudo bem?

      É recorrente em Cancún, apesar de ilegal, no momento da retirada as locadoras recusarem o seguro do cartão e obrigarem a contratar o CDW/LDW delas. Há muitos relatos disso.

      Outro problema do seguro do cartão é que funciona no modo reembolsável. Se houver algum sinistro durante a viagem você deverá arcar com os custos (imagine se forem milhares de dólares?).

      Ao chegar no Brasil você deve tem que solicitar o reembolso, uma tarefa burocrática, dificílima e demorada segundo muitos relatos que eu já li na internet.

      Por isso eu sempre procuro contratar todos os seguros antes da viagem e sempre que possível eu contrato com franquia zero (nesse caso geralmente não funciona no modo reembolso).

      Abraços 🙂

      Responder

      1. É a primeira vez que alugarei um carro e de início fico cheio de dúvidas e insegurança, mas suas dicas e respostas tempestivas têm me ajudado bastante a tomar a decisão mais acertada a fim de evitar qualquer contratempo (ou burocracia) que possa atrapalhar a viagem. Valeu! Abraço.

        Responder

  52. Olá, Fred, boa tarde!
    Vou para o México em junho/16 e estou adorando suas dicas sobre viagens. Já li várias partes do seu blog e estão sendo muito úteis para mim. Obrigada pela sua organização e cuidado com as informações.
    Gostaria de compartilhar com você e seus leitores um fato que aconteceu comigo recentemente relacionado às pegadinhas na hora de alugar um carro:
    Fui para Denver e Boulder no Colorado-EUA em março/16 e quando reservei o hotel em Boulder pelo Expedia.com, recebi, em seguida, uma promoção da Ace Rent a Car de um carro da categoria de um Elantra, por 6 dias, a um preço de R$ 585 (reais). Achei o preço ótimo e contratei.
    Quando fui retirar o carro na locadora, aconteceu exatamente o que você relata no seu blog: o atendente foi acrescentando tantos itens de seguros, taxas, tag para pedágios, etc. etc. , coisas que a gente não tem mesmo condições de contestar nem avaliar no momento que o aluguel ficou caríssimo! Acabei pagando US$ 845 (vejam bem: dólares !!!!). Aproximadamente 5 x mais caro do que o valor contratado . Fora a caução de US$ 200 que pelo menos essa não tive problemas com o cancelamento no cartão. Fiquei muito revoltada e frustrada, pois isso causou um grande rombo no orçamento da minha viagem…
    Agora com suas dicas, vou ficar mais esperta na hora de alugar um carro. Obrigada!
    A propósito, você poderia me dizer se no México a CNH brasileira é válida?
    Abraço,
    Gláucia

    Responder

    1. Oi Gláucia, tudo bem?

      Obrigado 🙂

      Nossa, que prejuízo…..

      Obrigado por relatar a sua experiência. Já passei por situações parecidas e por isso agora eu saio com os seguros necessários contratados aqui e recuso todos os extras lá na hora.

      Em Cancún a CNH brasileira é válida. Se você quiser olha esse artigo: Dicas Alugar Carro Cancún.

      Recomendo também o meu guia de Cancún (gratuito): Guia Completo de Cancún e Região.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  53. Oi Fred!
    Seu blog e seu post sobre aluguel de carros têm me ajudado enormemente no planejamento de minha viagem! Obrigado! 🙂
    Vamos a Cancun no final de maio, 11 dias, sendo 7 em Cancun e 4 em Playa Del Carmen. Nosso hotel em Cancun fica no km 5 da Zona Hoteleira, ou seja, um pouquinho distante do “agito” e dos shoppings. Essa é minha primeira dúvida: acha que compensaria alugar um carro também para os dias que estiver em Cancun (eu economizaria com o transfer até o hotel na chegada, no mínimo).
    O segundo ponto: pesquisei pelos sites que vc indicou e na RentalCars a locadora com as melhores condições, coberturas e custo x benefício é a America Car Rental. Você conhece? Pelo site, parece-me não ser dessas grandes, mundiais…
    Daí uma terceira duvida: as condições de aluguel falam de caução de US$ 700,00, e franquia de colisão e de roubo, US$ 1000,00 cada. No momento da retirada, eles bloquearão no meu cartão somente os US$ 700,00 ou também as franquias, sabe me dizer?
    Obrigado!

    Responder

    1. Oi Eduardo, tudo bem?

      1 – Em Cancún eu fiquei sem o carro alugado, já que conheci a maioria das atrações quando eu estava hospedado em Playa del Carmen, Tulum e Valladolid. O pouco que me desloquei em Cancún foi de táxi (saiu mais barato do que se eu tivesse alugado um carro).

      Se vai compensar financeiramente ter um carro alugado em Cancún vai depender do seu roteiro. Se a partir de Cancún você for conhecer algumas atrações distantes (como Chichén Itzá), aí pode valer a pena. Mas se você for se deslocar somente pela Zona Hoteleira sairá mais barato usar ônibus ou eventualmente pegar um táxi (mesmo no aeroporto).

      2 – Não conheço a American Car Rental e realmente ela me parece ser uma locadora pequena. A nota de avaliação dela na RentalCars não é boa. Se dará certo a locação com ela é uma incógnita. Você pode ter problemas até com as melhores locadoras. Mas pela minha experiência é maior a chance de termos problemas com essas locadoras menores e mal avaliadas.

      3 – Nesse caso o bloqueio é de US$ 700,00.

      Abraços e boa viagem.

      Responder

  54. Olá Fred! Nossa, excelente suas dicas, eram todas as dúvidas que eu tinha. Estou pesquisando diretamente no site da Sixt e encontrei no site US da Sixt os mesmos carros do site Brasileiro por praticamente a metade do preço já no valor do Real e com as mesmas coberturas para o local de pesquisa. Será que é confiável contratar pelo site americano da Sixt?

    Muito obrigada!
    Mônica

    Responder

  55. Bom dia Fred, tudo bom?

    Excelente seu post sobre as dicas de locação de veículos, esclareceu muitas dúvidas minhas.
    Conforme alguns sites como a Rentcars.com e a Rentalcars.com informa que é possível que ao escolhermos um determinado veículo este modelo não esteja disponível e com isso nos oferecer um outro modelo, porém da mesma “categoria” que eles consideram. O meu receio é escolher um vectra por exemplo e no dia que eu for retirar o carro na locadora não haver disponível um vectra e eles me oferecerem um carro da mesma “categoria”, porém inferior. Corro esse risco? Será que eles vão cobrar o mesmo valor do vectra?
    Talvez se o carro que eu solicitei não estiver disponível posso solicitar um carro (upgrade) superior pelo mesmo valor do vectra, por exemplo?

    Abraços.

    Responder

    1. Oi Jefferson, tudo bem?

      Ao alugar um carro não contratamos um modelo específico e sim um carro de uma determinada categoria.

      Exemplos:

      1 – Alugamos um Gol: se não houver um Gol no momento a locadora pode nos oferecer um Uno.

      2 – Alugamos um Cobalt: se não houver no momento a locadora pode nos oferecer um Siena.

      3 – Alugamos um Civic: se não houver no momento a locadora pode nos oferecer um Corolla.

      Se não houver um carro da mesma categoria a locadora nos oferece um carro de uma categoria superior (upgrade).

      Você pode solicitar um upgrade caso não tenha o modelo que você escolheu. Mas se houver um modelo similar (da mesma categoria) disponível dificilmente você ganhará um upgrade.

      Abraços 🙂

      Responder

  56. Boa tarde

    Aluguei um veículo em uma locadora pequena em Miami pelo site Rental cars (uma tal de Green Motion). Além do péssimo atendimento, com direito a escutar piadinhas e tudo, não estornaram a caução mesmo a devolução do carro tendo sido efetuada em perfeita ordem, vistoriado e com tanque cheio. Passados 11 dias, Entrei em contato com a operadora do cartão e enviei email para a Green Motion. A algo mais que eu possa fazer para recuperar meu dinheiro? Estou com a sensação que fui enganado.

    Responder

    1. Oi Milton, tudo bem?

      Esse é um tipo de problema frequente. Por isso eu procuro alugar carros somente com locadoras de renome mundial (embora geralmente elas sejam mais caras) que ofereça algum tipo de suporte aqui no Brasil.

      Além de tentar o contato direto com a Green Motion você poderia entrar em contato com a Rental Cars (pela Fan Page do Facebook, por exemplo).

      Abraços e boa sorte

      Responder

    2. Entre em contato direto com a rentalcars, eu tive um problema quando aluguei com eles na locadora DOLAR em miami , me cobraram seguros a mais e na hora eu percebi e pedi pra cancelarem e acabaram cancelando a reserva e no final cobraram a reserva no meu cartao, entrei em contato com a rentalcars e eles me reembolsaram 100% em menos de 1 mês

      Responder

  57. Olá Fred Prezotto! Estou indo para Cancún agora em março e quero alugar um carro, no entanto vou pegar esse carro em Playa del Carmen, qual locadora você me indicaria? Outra duvida é se o site da decolar é um bom site para alugar carro?
    Att, Taís.
    Parabéns pelo seus posts sobre cancun amei muito, de todos que já li o seu é o mais completo , mais detalhado. Admiro muito sua dedicação e carinho por seus leitores, virei sua fã! Abraços.

    Responder

    1. Oi Taís, tudo bem?

      Obrigado, assim eu fico até emocionado 🙂

      Eu não tenho uma locadora específica para te indicar em Playa del Carmen. O que eu posso dizer é que muitos turistas nessa região local com a Alamo e gostam. No Rentalcars é possível ver os preços e as avaliações dadas pelos turistas de muitas locadoras, inclusive da Alamo.

      Não gosto muito do Decolar, até porque é difícil entender os seguros e taxas alugando o carro por esse site.

      Como eu disse no artigo eu costumo alugar carro nesses 3 sites: nos comparadores Rentalcars e Rentcars ou direto na locadora Sixt.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  58. Boa tarde Fred,
    No caso de contratar a proteção todal do RentalCars, seria isso uma franquia zero? Caso aconteça algo não será necessário pagar mais nada?

    Obrigado!

    Responder

    1. Oi Victor, tudo bem?

      Já vi algumas vezes a Proteção Total do Rentalcars sendo oferecida e que eu me lembre a franquia sempre foi zero. Mas para garantir confira os termos.

      Com a Franquia Zero você teoricamente não terá que pagar nada caso aconteça algo. Mas algumas locadoras excluem alguns itens dos seguros como o estofado, o teto ou a carroceria. Isso varia muito entre as locadoras e se formos investigar esses detalhes a fundo vamos ficar loucos 🙂

      Lembrando também que o condutor deve dirigir de acordo com os termos do contrato. Motorista embriagado, por exemplo, perde a proteção.

      Abraços 🙂

      Responder

  59. Fred, tudo bem? Estou pretendendo fazer a minha viagem para Cancun da mesma forma que você fez o seu roteiro de 14 dias: Playa del carmen, Tulum, Valladolid e Cancun. Nesse caso qual a locadora que você recomenda? Eu pesquisei no site do Rentalcars e há umas locadoras com preços bem mais baratos, mas temo que elas não sejam boas. Quais as mais conhecidas que eu dificilmente terei problema?

    Outro ponto: o melhor lá é já pegar o taxi no aeroporto? Se sim, se eu for devolver o carro no meu último destino que é Cancun (zona hoteleira) onde eu devolvo o carro? Como você fez a devolução do carro em um local diferente na sua viagem a Cancun?

    Responder

    1. Oi Rodrigo, tudo bem?

      As locadoras mais baratinhas geralmente são as locais. Eu não recomendo porque será maior a chance de cair em pegadinhas, taxas extras, atendimento ruim e carros em mau estado.

      As locadoras mundiais (Alamo, Hertz, Sixt, etc) possuem lojas na Zona Hoteleira.

      Na busca pela Rentalcars dá para visualizar o mapa de Cancún (eu explico como fazer isso no artigo) e ver as locadoras que tem lojas na Zona Hotelera. No site também tem as notas que os usuários dão para as locadoras. É um bom parâmetro para escolher.

      Ao reservar você seleciona para retirar o carro no Aeroporto e devolver em outro local (em algum ponto da Zona Hotelera, o mais próximo do seu hotel).

      Em Cancún eu reservei pela Alamo e devolvi o carro em uma loja da Alamo pertinho da Cocobongo e do Hyatt Ziva (resort que eu fiquei hospedado).

      Qualquer outra dúvida da viagem deixa um comentário nos artigos do blog.

      Recomendo também o meu Guia Completo de Cancún e Região

      Abraços 🙂

      Responder

  60. Boa tarde Fred.
    Ótima explicação ,estarei viajando para Cancún em março deste ano e estou neste processo de locar um carro , como estou viajando no modo custo baixo estou em pane para alugar um carro , li alguns posts para alugar direto em Cancún ,o que você acha? Desde já agradeço as informações ,um abraço.

    Responder

    1. Oi Carlos Eduardo, obrigado 🙂

      Há muitos anos atrás eu já até deixei para alugar o carro lá no destino, mas hoje eu não faço mais isso.

      São muitas as desvantagens em deixar para alugar lá na hora:

      – Se você for pesquisar o preço em várias locadoras vai perder um tempo preciosíssimo em que poderia estar aproveitando a viagem

      – Lá na hora será muito mais fácil cair em uma armadilha dos atendentes das locadoras que tentarão empurrar seguros ou assistências desnecessários. Ao alugar pela internet dá para analisar tudo com muito mais calma.

      – Você corre o risco de não ter em estoque carros da categoria que você deseja e assim ter que alugar um carro de categoria superior e mais caro.

      Abraços 🙂

      Responder

  61. Oi Fred.
    Perfeito seu post. Muito obrigada, me ajudou muito.
    Mas tenho uma duvida. Irei para cancun e fiz uma simulação pelo Rentalcars, encontrei um bom preço pelo Álamo, mas eles pedem U$ 2.500,00 de calção. ABUSIVO não?
    As outras operadoras não conheço ou tenho referência. Você poderia me indicar alguma?
    Obrigada

    Responder

    1. Oi Rose, tudo bem?

      Por isso temos que ficar atento as entrelinhas dos termos. Dependendo do limite do cartão, um caução desse pode comer todo o limite.

      A Alamo é uma das locadoras mais conceituadas em Cancún. Eu fiz uma pesquisa no Rentalcars com os carros da Alamo em Cancún e encontrei alguns carros com caução de 1.000 ou 1.500 dólares.

      Será que você não encontra carros similares ao que você está pesquisando com caução mais baixos?

      Abraços 🙂

      Responder

      1. Estou indo para Cancun e estava pensando em alugar um carro, me deparei tb com esse caução de 2500 doletas! E isso está em todas as locadoras que pesquisei =O
        E sobre a sacanagem que os policiais rodoviários fazem com os turistas? Sabe melhor de alguma história?

        😉

        Responder

        1. Oi Pamela, tudo bem?

          Esse caução atrapalha bastante. Você conferiu o valor do caução nos carros da Alamo?

          Sobre os policiais rodoviários eu não tive problemas.

          Abraços 🙂

          Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *