Vale a Pena o Seguro Gratuito do Cartão no Aluguel do Carro?

Carro Alugado Brasil Exterior
Seguro do cartão de crédito para o carro alugado: vale a pena usar?

Seguro do cartão de crédito: alguns cartões de crédito das bandeiras Visa e MasterCard (entre outras) oferecem gratuitamente uma proteção no aluguel do carro no Brasil e no exterior.

Condições: existem algumas condições para ter direito à essa cobertura (que eu comento mais abaixo).

Vale a pena? A grande dúvida é se compensa usar o seguro gratuito do cartão de crédito ou é melhor contratar diretamente com a locadora.

Cuidado: o uso do seguro do cartão de crédito pode gerar uma boa economia, mas também pode te fazer cair em pegadinhas e entrar em grandes enrascadas.

Vale a pena o seguro gratuito do cartão no aluguel do carro?

Veja neste artigo:

  • Cartões de crédito Visa, MasterCard e outros: confira os principais cartões de crédito que oferecem gratuitamente o seguro.
  • Seguro: qual é o seguro gratuito que os cartões oferecem ao alugar um carro?
  • Condições e restrições: confira as principais condições e restrições do seguro do cartão.
  • Pegadinha: veja como funciona o sinistro no modo reembolso.
  • Atenção! Muita atenção com a Proteção Contra Terceiros.
  • Opinião: a minha opinião sobre o uso do seguro gratuito do cartão de crédito no aluguel do carro.

Imperdível

Sites: os sites que eu costumo usar para alugar carros são Rentcars (atualmente o meu preferido), Rentalcars e Sixt.

Recomendo: eu preparei um artigo com o passo a passo para alugar carro nesses sites. Eu recomendo que, ao alugar o carro, você siga o passo a passo para visualizar as informações mais importantes, encontrar os melhores preços e contratar os seguros essenciais. Confira:

Dezenas de dicas: eu também preparei um artigo com dezenas de dicas para alugar um carro, seja no Brasil ou no exterior (como evitar as pegadinhas, CNH/PID, taxas das locadoras, vistorias, políticas de quilometragem e combustível, etc). Confira:

Seguros: no artigo abaixo eu abordo profundamente os seguros no aluguel do carro. Veja quais são os seguros essenciais contratar e quais são pegadinhas das locadoras. Confira:

Confira os cartões de crédito que oferecem o seguro 

Seguro do Cartão de Crédito Aluguel de Carro
Confira os principais cartões que oferecem o seguro do carro alugado

Cartões Top: o seguro do aluguel do carro não é oferecido por todos os cartões das bandeiras Visa e MasterCard. Ele é oferecido apenas nos cartões mais exclusivos.

Visa: os cartões Visa que oferecem o seguro gratuito no aluguel do carro são o Visa Gold, o Visa Platinum e o Visa Infinite. Mais informações no site Benefícios do Cartão Visa.

MasterCard: os cartões MasterCard que oferecem o seguro gratuito são o MasterCard Platinum e o MasterCard Black (clique nos links para acessar os sites dos cartões onde você encontra mais informações).

Outras bandeiras: alguns cartões da American Express também oferecem o benefício, mas eu não encontrei o link para o site. Se você souber de outros cartões deixe um comentário no final do artigo 🙂

Qual é o seguro que os cartões oferecem no aluguel do carro?

Proteção do carro CDW/LDW: os cartões de crédito oferecem a proteção do carro que você está alugando, chamada de CDW (Collision Damage Waiver) ou LDW (Loss Damage Waiver).

Economia: obter gratuitamente essa proteção pode gerar uma boa economia no aluguel do carro. Em muitos destinos a Proteção CDW/LDW chega a custar mais caro do que o próprio aluguel do carro.

Seguradora: a proteção é oferecida gratuitamente pelos cartões de crédito, mas a execução da cobertura é realizada por uma seguradora contratada pelos cartões.

Cobertura: o CDW/LDW cobre danos, avarias, colisões e o roubo do carro que você está alugando (consulte os termos da sua apólice).

Não cobre: isso varia entre as seguradoras mas geralmente a proteção CDW/LDW não cobre os pneus, vidros (janelas, faróis, lanternas) e o interior do carro (estofado, painel), entre outros itens à depender da seguradora.

Variáveis: o valor da cobertura oferecida e os detalhes da proteção variam entre as bandeiras dos cartões e entre os cartões da mesma bandeira. Por exemplo: o valor da cobertura oferecida pelo cartão MasterCard Black é superior ao da oferecida pelo Mastercard Platinum. No Visa a cobertura maior é do Visa Infinite, na sequência vem o Visa Platinum e a menor cobertura é do Visa Gold.

Dúvidas: se você tem dúvidas sobre como funciona e quais são as coberturas da proteção oferecida pelo seu cartão, confira nos links do tópico acima ou entre em contato com o atendimento telefônico do seu cartão. Aproveite para conferir todos os termos e condições de uso.

Condições e restrições do seguro do cartão de crédito para o aluguel do carro

Condições do Seguro do Carro Cartão de Crédito
Confira abaixo as principais condições e restrições do seguro do cartão

Pagar o aluguel com o cartão: você tem direito à proteção gratuita CDW/LDW ao pagar o aluguel do carro com o cartão de crédito. Também use o mesmo cartão no depósito caução (valor bloqueado pela locadora quando você for retirar o carro).

Como gerar a apólice? Isso vai depender da bandeira do cartão. Alguns cartões você nem precisa gerar a apólice (basta pagar o aluguel com o cartão). Em outros cartões você precisa acessar o site dos benefícios do cartão e gerar uma apólice do seguro/proteção. Verifique como funciona no seu cartão.

Recusar: para a apólice do seguro ter validade você deve recusar (não contratar) a Proteção CDW/LDW oferecida pela locadora. Ela pode ser oferecida tanto online (ao efetuar a reserva) como no balcão (no momento da retirada do veículo). Se você contratar o CDW/LDW da locadora, automaticamente a apólice do seguro oferecido pelo seu cartão perde a validade.

Pode contratar as demais proteções: você pode contratar as demais proteções, seguros e assistências oferecidos pela locadora, como a Proteção Contra Terceiros, a Proteção de Vidros e Pneus, a Assistência Rodoviária, o Seguro Pessoal, etc. Ao contratar essas proteções o seguro do seu cartão não perde a validade. A única que você não pode contratar diretamente com a locadora é a proteção CDW/LDW.

Locatário: o cartão de crédito usado para fazer o pagamento do aluguel deve estar no nome do locatário do veículo. Durante a viagem o carro pode ser conduzido por outros motoristas, desde que eles também constem no contrato como condutores adicionais.

Caução maior: em alguns destinos a locadora cobra um depósito caução maior caso você opte por usar o seguro do cartão. Por exemplo: o caução é 1000 dólares se você contratar o CDW/LDW junto à locadora, mas o caução passa a ser de 2000 dólares se você usar o CDW/LDW do cartão.

Restrições de carros e países: os cartões de crédito não oferecem a proteção para alguns modelos de carros (geralmente luxuosos, esportivos, off-roads) e nem em alguns países (para qualquer carro). Verifique os detalhes junto ao seu cartão.

Recusa da locadora: é comum também as locadoras de alguns destinos recusarem o aluguel do carro com o seguro do cartão. Elas obrigam você a contratar o CDW/LDW diretamente com elas.

Condições e restrições de uma maneira geral: eu descrevi as condições e as restrições de uma maneira bem geral e superficial. Verifique junto à bandeira do seu cartão todos os termos e condições de uso.

Pegadinha: sinistro no modo reembolso

Pegadinha: a grande pegadinha da Proteção CDW/LDW oferecida gratuitamente pelos cartões de crédito é que ela funciona no modo reembolso.

Reembolso: é isso mesmo. Caso haja algum sinistro (colisão, avaria, riscos, roubo do carro, etc) você tem que arcar com os custos junto à locadora e posteriormente solicitar o reembolso junto à seguradora da apólice.

Enrascada: imagina se numa viagem ao exterior você bate o carro, dá perda total ou tem o carro roubado? Você terá que arcar com o custo junto à locadora (5, 10, 20 mil dólares/euros ou quem sabe mais) e depois solicitar o reembolso.

Eu não tenho: não sei você, mas eu não tenho limite no cartão de crédito para suportar todos esses valores durante a viagem.

Burocracia no reembolso: pesquisando pela internet você encontrará muitos relatos de viajantes que usaram o seguro do cartão, passaram por sinistros e precisaram solicitar um reembolso.

A maioria dos relatos não são nada favoráveis: a burocracia do reembolso é grande, você tem que estar com todos os documentos do sinistro exigidos pela seguradora (no exterior nem sempre é fácil conseguir e entender esses documentos) e o reembolso pode levar meses. O reembolso pode não ser integral (são descontadas taxas administrativas). Se o sinistro envolver uma ação judicial (um acidente com vítimas por exemplo) o reembolso pode ser ainda mais complicado. Caso a seguradora encontre algum detalhe fora dos termos ela pode recusar o reembolso.

Muita atenção com a Proteção Contra Terceiros

Proteção apenas do seu carro alugado: note que a Proteção CDW/LDW que é oferecida pelos cartões de crédito protege apenas o carro que você está alugando.

Não cobre terceiros: ela não cobre os danos que você causar à terceiros (se você bater num outro carro, num imóvel ou atropelar alguém, por exemplo).

Erro. Esse é o erro mais comum dos viajantes que usam o seguro do cartão: recusar todos os seguros no momento da retirada do veículo e viajar desprotegido contra danos à terceiros.

Contrate a Proteção Contra Terceiros: usando ou não usando o seguro do cartão você deve contratar a Proteção Contra Terceiros. Ela cobre danos materiais e morais que você causar à outras pessoas.

Continua valendo: ao contratar a Proteção Contra Terceiros a Proteção CDW/LDW do seu cartão não perde a validade. Você pode contratar qualquer seguro, proteção ou assistência oferecida pela locadora, exceto a CDW/LDW (para usar a do seu cartão).

Não deixe de ler o artigo onde eu explico detalhadamente os seguros (quais contratar e quais não contratar):

A minha opinião sobre o seguro do cartão

Economia: usar o seguro do carro oferecido pelo cartão de crédito gera uma boa economia. Se tudo ocorrer bem durante a sua viagem (se não houver sinistros) será uma excelente escolha.

Imprevistos: apesar do pensamento positivo temos que estar preparados para os imprevistos porque eles acontecem.

Valor pequeno: se houver um sinistro de algumas centenas de reais/dólares/euros, tudo bem arcarmos com esse custo e depois solicitarmos o reembolso. Apesar de ser uma situação chata, não é isso que vai acabar com a viagem.

Situação complicada: mas se acontecer um sinistro grave, de milhares de reais/dólares/euros, ficaremos numa situação complicada. Vai estragar a viagem e pode nos colocar num imbróglio financeiro.

Momentos: nós planejamos as viagens para que elas proporcionem momentos de felicidade. Como é que você vai viajar tranquilo sabendo que a proteção do seu carro é reembolsável?

Reembolso: eu não considero o seguro do carro no modo reembolso uma opção viável.

Não compensa: na minha opinião, considerando todos as consequências, os riscos e o estresse envolvido no modo reembolso, eu acho que não vale a pena usar o seguro gratuito do aluguel do carro oferecido pelos cartões de crédito.

Direto com a locadora: a melhor opção é contratar a Proteção CDW/LDW diretamente com a locadora.

Imperdível

Sites: os sites que eu costumo usar para alugar carros são Rentcars (atualmente o meu preferido), Rentalcars e Sixt.

Recomendo: eu preparei um artigo com o passo a passo para alugar carro nesses sites. Eu recomendo que, ao alugar o carro, você siga o passo a passo para visualizar as informações mais importantes, encontrar os melhores preços e contratar os seguros essenciais. Confira:

Dúvidas

Você tem alguma dúvida, opinião ou experiência com o assunto? Deixe um comentário abaixo 🙂

Dicas práticas e econômicas para a sua viagem

Cupom Desconto Viagens e Turismo

  • Cupons desconto de hotéis, seguro viagem, chip internacional, parques, etc.
  • Cupons de empresas como Hoteis.com, Easysim4u, Allianz Travel, Seguros Promo, Real Seguro Viagem, Travel Mobile, ClickBus, parques Xcaret, entre outras.
  • Confira o artigo que reúne todos os cupons de desconto divulgados no Dicas Onde Ficar:
  • Cupom Desconto Viagem e Turismo

28 Comentários


  1. Para contratações no Brasil e on-line , eu diria que é impossível usar o seguro do cartão, porque simplesmente 100% das ofertas incluem o seguro de roubo e colisão com franquia. Não há nos comparativos (Rentcars e outros) a opção de contratar sem o CDW (colisão) e o TP (roubo) que é um dos requisitos do seguro do cartão.

    O ideal seria se o cartão reembolsasse o valor da franquia.

    Parabéns pelas dicas

    Nil

    Responder

  2. Parabéns pelo artigo, você saberia me informar se para aluguel na Alemanha é obrigatório a contratação do CDW/LDW diretamente com a locadora?
    Estou tentando fazer uma reserva pela Sixt com pagamento antecipado e não consigo tirar o seguro, se faço a reserva com pagamento na hora da retirada é possível deixar sem os seguros.
    Meu medo é chegar lá e ser obrigatório a contratação, o que deixaria a locação muito cara.

    Responder

    1. Oi Humberto, tudo bem?

      Com pagamento antecipado (com CDW/LDW incluso) não está saindo mais barato do que pagar na retirada (sem CDW/LDW)? Se estiver mais barato (e geralmente está) é um negocião para você.

      O melhor seria confirmar essa informação diretamente com a Sixt. Mas o problema, mesmo que não seja obrigatório, é você topar com uma agência ou funcionários que te “obrigam” a contratar o seguro na retirada (é relativamente comum acontecer isso).

      Abraços 🙂

      Responder

  3. Discordo que seguro do cartão não vale a pena. Eu não costumo usar o seguro do cartão no exterior porque durante uma viagem internacional algum problema vai ser bem mais complicado de resolver e realmente pode atrapalhar bastante sua viagem.
    Mas pra usar em alugueis no Brasil vale muito a pena. A parte burocrática do seguro faz parte, até se roubarem seu carro pessoal é burocrático pra receber do seguro.

    Responder

    1. Oi Cristiano, tudo bem?

      Obrigado pelo comentário 🙂

      Seguro do carro pessoal é bem diferente de usar o seguro do cartão de crédito no aluguel do carro.

      No caso do aluguel do carro, ao usar o seguro oferecido pelo cartão de crédito, caso haja um sinistro o locatário geralmente tem que arcar com o valor do sinistro junto à locadora (frequentemente um valor acima do mercado porque inclui taxas administrativas) e depois tem que abrir um processo de reembolso junto à operadora do cartão que pode levar meses (e o valor reembolsado não é integral porque também são descontadas taxas).

      Veja esse exemplo no Reclame Aqui de um consumidor que alugou um carro aqui no Brasil, usou o seguro do cartão, teve o carro alugado roubado durante a locação e a locadora está cobrando 40 mil reais dele e não da operadora do cartão. Nesse caso ele teve sorte da locadora emitir um boleto no valor do carro, porque é comum a locadora lançar o valor no cartão de crédito (o que complica muito mais a situação).

      São inúmeros os relatos tanto de aluguel de carro no Brasil como no exterior de consumidores que usaram o seguro do cartão, tiveram um sinistro e estão passando por grandes dificuldades.

      Durante uma viagem o que queremos é segurança e tranquilidade, por isso no meu ponto de vista eu não recomendo usar o seguro do cartão. Essa é a minha opinião.

      É claro que se não houver sinistro durante a locação o seguro do cartão terá valido a pena, já que o locatário economizou por não contratar o seguro da locadora.

      Abraços e boas viagens 🙂

      Responder

  4. Fred, excelente seu artigo!
    O único ponto que discordo é em relação ao sinistro, que se ocorrer, você deve arcar com o valor da franquia, e não como valor do carro.

    Responder

    1. Oi Paty, tudo bem?

      Desculpa a demora em responder, eu estava viajando 🙂

      Na internet há vários relatos de pessoas que tiveram que arcar com o gasto total do conserto (maior do que a franquia), inclusive de pessoas que tiveram o valor total do carro lançado no cartão de crédito.

      Não é a toa que muitas locadoras (acho que a maioria) tem valores diferentes de caução. Exemplo: ao contratar o seguro da locadora o caução é de 1000 dólares, mas ao usar o seguro do cartão o caução é de 5000 dólares.

      Abraços 🙂

      Atualização em 20/05/2019:

      Na resposta deste comentário eu esqueci de mencionar o reembolso, então acho que a resposta fica melhor assim:

      Na internet há vários relatos de pessoas que tiveram que arcar com o gasto total do conserto junto à locadora e depois tem que solicitar o reembolso junto ao cartão em um processo que pode demorar meses. Há relatos de pessoas que tiveram o valor total do carro lançado no cartão de crédito (no caso de perda total ou roubo do carro).

      Responder

    2. Concordo, ele pecou neste ponto.
      Se esta coberto, o usuário ira arcar apenas com a franquia. Não existe seguro que faz arcar com o valor todo. Foge das normas e leis do seguro. O ponto que reparei, que voce parece ser contra este seguro e no final não recomenda. E resalva que voce é. Cliente de uma locadora X e so fala nela . Da a entender que vocês esta pedindo para fazer o seguro com eles .

      Responder

      1. Oi Vanderlei, tudo bem?

        Obrigado pelo comentário.

        O padrão (isso pode variar de acordo com a bandeira e tipo do cartão) do seguro/proteção/cobertura oferecido pelos cartões ao alugar um carro é no modo reembolso: se houver um sinistro o locatário arca com o valor junto a locadora (o que geralmente acontece é a locadora lançar o valor no cartão de crédito) e posteriormente tem que entrar com um processo junto ao cartão para solicitar o reembolso.

        Veja como exemplo esse trecho extraído dos Termos e Condições do cartão Visa:

        “Quando aplicável, a SEGURADORA reembolsará o SEGURADO diretamente, após
        a conclusão do processo. Nenhum pagamento será efetuado até que a CENTRAL
        DE ATENDIMENTO tenha recebido toda a documentação necessária”

        Pela internet existem diversos relatos de pessoas com muitas dificuldades porque tiveram que arcar com os custos da avaria junto à locadora e posteriormente tiveram dificuldades em conseguir o reembolso junto ao cartão. Veja alguns exemplos no Reclame Aqui: Exemplo 1 e Exemplo 2.

        Eu já aluguei dezenas de carros no Brasil e no exterior e já tive problemas algumas vezes. Aqui no blog eu escrevo há mais ou menos 5 anos sobre aluguel de carro e o blog já teve artigos com centenas de comentários de leitores. De tudo o que eu já vi e vivi nesses anos sobre esse assunto (que é muito problemático, complexo e cheio de pegadinhas), o que eu faço e recomendo para evitar maiores problemas é alugar o carro antecipadamente, não usar o seguro do cartão de crédito (porque funciona no modo reembolso) e já deixar todos os seguros essenciais contratados online (para evitar os atendentes das locadoras que ficam empurrando os seguros no momento da retirada do carro).

        Eu uso e recomendo a empresa Rentcars porque muitas vezes ela oferece preços mais baratos do que a própria locadora, frequentemente é possível já deixar todos os seguros contratados (isso depende da locadora e do destino) e ela oferece um ótimo suporte (antes, durante e depois da viagem).

        Abraços e boas viagens 🙂

        Responder

  5. Excelente postagem. Muito obrigado! Vou viajar para Costa Rica e alugar um veículo com a Alamo. Tenho um cartão Mastercard Black. Estou pensando se vale a pena usar o seguro do cartão ou da própria locadora. Eu fiz a reserva na Alamo já com o CDW, pois na época nem sabia que o cartão fornecia seguro de locação de veículo. Foi quando fui emitir a apólice do seguro viagem (seguro hospitalar) que fiquei sabendo. Na mastercard é no mo mesmo site que que imprime as duas apólices. O comentário do Andrew foi muito legal. Acho que vou usar o seguro do cartão também. Vai dar para economizar 194 dólares. Depois da viagem eu falo como que foi.

    Responder

    1. Oi Henrique, tudo bem?

      Desculpa a demora em responder, eu estava viajando.

      Verifique as condições do seguro do seu cartão. Geralmente para poder usar o seguro do seu cartão você tem que recusar ou não contratar o CDW direto com a locadora.

      Abraços e boa viagem 🙂

      Responder

  6. No Brasil este benefício é pouco vantajoso. O valor do caução é 10x superior ao caução com seguro da locadora. Para os grupos mais simples é cobrado 12.000 e para os de luxo como mercedes C180, GLA200, fusion, jeep compass chega a 60.000. Mesmo para quem possui cartões exclusivos é um pouco difícil ter isso disponível, geralmente apenas com avaliação emergencial de crédito do cartão.

    Responder

  7. Em primeiro lugar, parabéns pelo post, bastante claro e sucinto!

    Atualmente tenho o cartão Mastercard Black, mas recebi uma proposta de migrar para o Elo Nanquim, por isenção de anuidade e maior possibilidade de pontos…
    Entretanto busquei no site da empresa e tentei por diversos canais e não consegui encontrar se o cartão disponibiliza seguro no caso de locação de veículos.
    Teria alguma informação quanto a isso?
    Obrigado!

    Responder

    1. Oi Matheus, tudo bem?

      Obrigado 🙂

      Eu também dei uma olhada no site. Seguro viagem pessoal é mencionado, mas de aluguel de carro não. Tudo leva a crer que não oferece.

      Uma opção é entrar em contato com a central de atendimento para tirar essa dúvida.

      Abraços 🙂

      Responder

  8. Estou em viagem pela Europa, aluguei um carro e Madri da Europacar, paguei com meu cartão de crédito Unlimited Mastercard, tive um pequeno acidente quando bati em um guard-rail na estrada, deu aranhões em toda lateral do veículo, porém, não precisei interromper minha viagem pois não foi de grandes proporções, agora pergunto o seguro do cartão vai pagar este conserto junto a locadora pois foi eu que causei a colisão no guard -rail.

    Responder

    1. Oi Adulcio, tudo bem?

      Geralmente o locatário arca com o custo do reparo junto a locadora e depois solicita o reembolso.

      Como o seu cartão é um dos mais tops pode ser que a bandeira arque diretamente o custo com a locadora.

      Para ter certeza só contactando a operadora. De qualquer maneira faça o contato para informar o acontecido e solicite qual o procedimento.

      Abraços e bom resto de viagem 🙂

      Responder

  9. Muito esclarecedor seu post.
    Mas vou relatar um ocorrido comigo que pode ajudar algumas pessoas. Inicialmente, sempre entre em contato com a operadora do seu cartão de crédito para saber realmente todos os detalhes.

    Sempre aluguei carro exclusivamente com o seguro CDW de meu Visa Infinite.
    Tive a infelicidade de em uma de minhas viagens precisar utilizar o seguro (batida na traseira do meu carro, danificou o para-choque e quebrou lanterna traseira).

    Liguei para o cartão de imediato e eles me instruíram em tudo o que deveria fazer.
    Na hora de entregar o carro, a locadora (Alamo) me forneceu todos os documentos que pedi e passei o cartão para cobrar o prejuízo (a Visa me informou que, independente do meu limite, o custo que a Alamo informasse seria aprovado).

    Cheguei em casa, enviei os documentos que a Alamo me forneceu para a Visa e na semana seguinte recebi uma ligação deles informando que estava tudo ok. Não precisei mexer em meu dinheiro para nada.

    Responder

    1. Oi Andrew, obrigado pelo relato, vai sim ajudar os demais viajantes.

      Uma pergunta: foi outro carro que causou o acidente?

      Abraços e boas viagens 🙂

      Responder

    2. Estou na Costa Rica, tamarindo, na Thrifly e estão me pedindo uma carta assinada pela operadora do cartão de crédito. Não achei em lugar nenhum carta sobre esse seguro. Terei que pagar independente de possuir o direito…

      Responder

      1. Oi Marina, tudo bem?

        Geralmente as bandeiras dos cartões possuem uma espécie de contrato (certificado) online que você imprime e apresenta para a locadora.

        Qual é o seu cartão de crédito?

        Responder

  10. Muito esclarecedor. Foi de grande ajuda. Obrigada por facilitar minha escolha. Abraços.

    Responder

  11. Parabéns! Foi o artigo mais completo que encontrei sobre o assunto de seguros de carros. Muito válido tbém seu posicionamneto pessoal. Grata! Mariana

    Responder

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *